Ter
30 Mar
2010

Se eu podia viver sem a Bimby?.....

 

 

Antes de mais, queria recordar que cá em casa quem cozinha sou eu, desde que nasceu a R. há uns 10 anos que é assim, de tal modo que quando eu por algum motivo não estou, os meus filhos tem saudades minhas e dos meus pratos. Mas eu sou um daqueles cozinheiros que é incapaz de fazer duas vezes o mesmo prato da mesma forma, eu cozinho com o que tenho à mão no momento, sem medidas certas, sem ingredientes certos e sem a menor ideia sobre os tempos, passo a vida a inventar e a verdade é que a maioria das vezes me saio razoavelmente... ou não estivessem as minhas receitas entre os posts mais visitados deste blog. Haverá muita gente enganada... mas ainda ninguém se queixou.

 

Durante muito tempo achei que a Bimby era sobretudo algo que para a maioria das pessoas seria muito caro, para mim era, dar 1000 Euros por uma panela convenhamos que está assim para o fora de mão, por muito que a panela faça bolinhos e tire cafés (não, não tira mesmo) ..... principalmente quando já temos as panelas todas que precisamos. É claro que na altura participei activamente em todas as conversas possíveis e imaginarias sobre o assunto, até no grupo de mail sobre adopção isto foi tema para muitos mails.  E confesso que tendo provado dois ou 3 pratos preparados pela coisa... não fiquei convencido, principalmente porque eu gosto de comida apurada... o meu frango guisado demora uma hora a ficar pronto... mas garanto que ninguém sai daqui a dizer que não estava delicioso... apurado. Ora, para mim a Bimby era uma panela de pressão um bocadinho mais evoluída...e eu não gosto nada de cozinhar à pressão.

 

Ante esta minha forma de pensar, demorou principalmente porque quem cozinha sou eu, mas era mais ou menos inevitável que ela cá chegasse... foi oferecida e também já não havia forma de rejeitar, e agradeço de coração o presente.

 

Primeira consequência da chegada do novo brinquedo..... passei a cozinhar menos vezes... eu sou mau a seguir receitas, lembram-se deste post? Estes dias a P. saiu-se com esta:

 

-Tenho que dizer à minha mãe que tenho que ter cuidado com os presentes dela.... este fez com que eu voltasse à cozinha.

 

Hummm, ponto a favor da Bimby.

 

Passados uns 15 dias a minha opinião não mudou muito, é verdade que é uma coisa versátil, para uma coisa tão pequenina consegue fazer muitas coisas, e a verdade é que os sumos, os batidos, os gelados, a maioria das sobremesas, são excelentes... mesmo. Por outro lado, uma panela em que conseguimos num dia fazer pão e piza para o jantar, no dia a seguir conseguimos fazer lombo de porco inteiro e no dia a seguir peixe ao sal... convenhamos que é uma panela especial... quanto a versatilidade e a utilidade.. estamos conversados.

 

É uma máquina perfeita?... não, não é, nós somos latinos, gostamos da cozinha mediterrânica e de sentir os sabores; azeite, alho, coentros, salsa, chouriça, louro, alecrim, manjericão, ervas aromáticas... são tudo sabores que nos habituamos a sentir na nossa cozinha... e desculpem lá, mas nos cozinhados da Bimby.. é muito difícil sentir os sabores. O principio básico da maquina é a indução, as coisas aquecem e cozem rapidamente, ficam tenras e bonitas.... mas por mais que os ingredientes lá estejam todos, não há tempo para apurar os sabores....

 

No outro dia quando fiz o lombo de porco enganei-me na receita e coloquei todos os ingredientes no inicio, o lombo esteve 50 minutos a cozer ao vapor, ficou razoável, mas nem assim ficou apurado. Estava bom, mas não tinha nada a ver com o meu lombo de porco com laranja que fez a delicia de vários dos meus leitores....

 

Resumindo, se eu podia viver sem a Bimby.... não sei, era a mesma coisa?, não, não era... mas a comida era mais saborosa.....  havia menos doces, menos sumos e sobremesas... e quem sabe é agora que definitivamente, me converto à cozinha de bolos... isto se conseguir recuperar o meu lugar na cozinha.

 

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 21:44
link do post | comentar | favorito

28 comentários:
De DyDa/Flordeliz a 30 de Março de 2010 às 23:57
Eu devo ser de outra galáxia!

Nunca vi nem ouvi falar desta "nave espacial" panela especial.
Também com esse preço...só mesmo se alguém perdesse a cabeça e ma oferecesse, e não tenho visto nenhuma "perdida" a rolar frente à minha porta.
Prendas são para quem as merece. E eu...
Com certeza nem saberia usar tanta sabedoria num só objecto.
Como tu, gosto de inventar e criar as minhas receitas. Não gosto de seguir instruções de como cozinhar.
Mas...
Quem sabe?! Um dia ainda me rendo aos encantos de uma tal de "Bimby" (raio de nome para uma panela).


De Jorge Soares a 31 de Março de 2010 às 22:51
Flor.. eu fui contar.. 9 comentários, quer-me parecer que tu foste a única que não sabia do que eu estava a falar...também é verdade que acho que és a única contabilista... mas .. é caso para perguntar... onde tens andado nos últimos dois anos?,... e não me digas que a culpa é do SNC... (aposto que esta só tu eu sabemos o que é )

No outro dia falava com uma colega sobre isto... resposta rápida dela, eu devia comprar uma, a ver se assim o meu marido deixava de ter a desculpa de não saber cozinhar..se só é preciso saber ler!. .. eu que tu pensava nisto

Beijinho e boa páscoa amiga.

Jorge


De xana a 31 de Março de 2010 às 00:08
Eu gosto tanto de miiturar os ingredientes, de andar á volta do fogão a mexer, cheirar, a provar e apurar os pratos, que uma máquina dessas está totalmente fora de questão funcionar sob os meus dotes culinários. Antes de mais, não compararia, e depois mesmo que ofercecida, quase de certeza se ia estragar por falta de uso. A única funcionalidade que poderia ter seria amassar os sonhos no Natal, que dão uma trababalheira e pega-se tudo nas mãos e juntar ovo a ovo, é demorado, ou amassar pão, para fazer a base das pizzas, que de resto eu gosto de fazer tudo. Tenho a mania que sou a maior cozinheira de pato com arroz no forno, pizza, canneloni, e arroz de marisco e uma bimby não é páreo para tais dotes apurados de culinária. Tenho certeza que o meu tiramissú delicios não tem hipóteses de ser confeccionado numa máquina dessas.
Daqui a uns tempos a P. farta-se de cozinhar ainda que na bimby, e tu voltas ao teu reino para dares asas aos teus intentos de "Remy" ( do ratatui), só pode piorar é se depois além dos pratos principais ainda tiveres de juntar os dotes de doceiro, e já não sais da cozinha.
bjks


De Jorge Soares a 31 de Março de 2010 às 22:57
Xana... tu ainda tens o Pitbull?.. é com essas tuas descrições, dá vontade de aparecer por aí para o almoço de páscoa... já fiquei com fome... essa do pato com arroz no forno.... hummmmmm

A Máquina é útil para quem não é muito exigente e não tem tempo,.. ou para quem só cozinha por obrigação.. que definitivamente não é o meu caso.. nem o teu.

Beijinho e boa páscoa
Jorge


De xana a 31 de Março de 2010 às 23:38
Não tenho pitbull, mas tenho cãocrodilo... que não morde aos amigos. Caso resolvesses aparecer, serias bem vindo, só não ias comer arroz de pato, que por aqui não há aves na mesa pela Páscoa( a minha mãe não deixa, nem matar, nem comer). Poderão haver enguias, que do se pode (deixa) comer é ao gosto de todos cá em casa. Eu não aceito que se coma borrego, nem cabrito, que não tem culpa das tradições, nem as enguias tem culpa, mas tem de se comer alguma coisa.
Um dia, dou-te a minha receita de arroz de pato.
Boa Páscoa, com muitos doces para os pequnenos e muito descanso para os grandes.
bjks


De Cantinho da Manu a 31 de Março de 2010 às 00:56
Há dias quiseram vender-me uma coisa dessas, por aqui não há família que justifique um investimento desses e mesmo que houvesse, não substituia o prazer que me dá "pilotar" o meu fogão.
Só de ler o nome das ervinhas que mencionáste comecei logo a salivar
E amanhã? O que é o jantar?

Beijos
Manu


De Jorge Soares a 31 de Março de 2010 às 23:01
A nossa cozinha é muito rica em sabores..e a máquina é alemã... está tudo dito.

O jantar hoje.. foram restos, que amanhã vamos de férias e havia que esvaziar o frigorífico :-) (isto não se devia dizer num blog... mas é mesmo a verdade)

Beijinho e boa páscoa Manu

Jorge



De Essência a 31 de Março de 2010 às 09:24
Eu não tenho uma Bimby, e já tendo provado alguns pratos cozinhados por ela, fiquei com a mesma ideia. Eu adoro a comida apurada e sentir os sabores como tu e na Bimby isso não acontece.
Mas se o investimento fosse menor, até seria capaz de adquirir, mas só para utilizar naqueles dias sem tempo, para um desenrrasque.
E o teu lombo de porco com laranja, uhmmmmm, é muito bom e já fiz várias vezes .

Com a entrada da Bimby em tua casa e tu a deixares de cozinhar, isso quer dizer que vamos deixar de ler post´s de receitas tuas. Oh!!!!

:-)
Paula


De Jorge Soares a 31 de Março de 2010 às 23:03
Não, claro que não.. vão é aparecer pratos diferentes....

Numa coisa tens razão, a máquina é util para quem não tem muito tempo.. ou não sabe cozinhar, ali basta saber ler.

Beijinho e boa páscoa

Jorge


De aespumadosdias a 31 de Março de 2010 às 09:31
Está na moda. Mas segundo me dizem com ela não dá para inventar - tem de se seguir as receitas. É muito cara mas cada vez há mais gente a ter uma, principalmente pessoas que não têm tempo para cozinhar ou não sabem cozinhar.
Eu não quero uma.


De Jorge Soares a 31 de Março de 2010 às 23:05
Olá

Dar para inventar dá.... mas não é muito aconselhável..eu acho que há muita gente que tem uma por moda...

Boa páscoa
Jorge


De Ana a 31 de Março de 2010 às 14:41
Olá!
Eu tenho uma bimby .De</a> inicio fui muito resistente, a comprar, depois deixei-me levar. O preço é demadiado elevado, mas tem coisas boas, em especial, para quem não tem muito tempo para cozinhar e não sabe cozinhar. Em especial para certos homens para quem a cozinha é um bicho de sete cabeças.Com uma Bimby , basta saber ler .Com a Bimby , sai quase tudo bem, basta seguir a receita. Também podemos adaptar ás nossas receitas, com tempo e experiência. Tem uma vantagem que eu adoro, é que não sujo quase louça nenhuma. È que eu a cozinhar, deixo a cozinha num desastre, com a bimby , isso resolve-se. è optima a fazer um puré de batata,coisa que já não fazia á imenso tempo, porque não me dava ao trabalho, e não gosto dos instantaneos. Tem muitas outras coisas optimas,mas tb tem as suas desvantagens, como já foi aqui referido, para quem gosta de cozinhar , normalmente rejeita a bimby . Tenho uma e gosto, facilita-me a vida.


De Jorge Soares a 31 de Março de 2010 às 23:09
O puré de batata foi uma das primeiras coisas que fizemos... e para ser sincero já não me lembro quando tinha comido um puré de batata a sério.. há coisas em que é muito útil..e imagino que com o tempo o nosso paladar se adapta e passamos todos a ter gostos alemães.. comida pouco apurada.

Também concordo que se suja menos louça...e a comida até me aprece mais saudável com menos sal e especearias... mas o sabor...

Obrigado pela visita e pelo comentário

Boa páscoa
Jorge



De Leamar a 31 de Março de 2010 às 17:18
Boa tarde.
Eu não tenho uma Bimby...mas detesto cozinhar...gosto mais de comer! Se for cozinhar tipo hobby...isso até é engraçado! Mas todo o santo dia ter de pensar no que vou fazer...e como, com o esquisito que lá tenho em casa...para depois ficar ou insonso, ou salgado, ou "desensabido", ou empapado ou ou ou...pronto, não gosto.
Eu era boa para ter um "Ambrósio...apetecia-me algo"...ou então 1000 Euros extra para comprar uma coisa dessas!!!


De Jorge Soares a 31 de Março de 2010 às 23:12
Olá

Pois, para mim cozinhar é um hobby, excepto a parte do escolher o que se vai fazer... que até deu origem ao nome do blog ... se calhar a solução para o teu problema era ofereceres a Bimby ao esquisito... quem sabe e passava ele a cozinhar .. ao gosto dele

Beijinho e boa páscoa para ti e os teus.

Jorge



De sandra a 31 de Março de 2010 às 17:59
sabes, eu gosto de cozinhar ... por isso dar 1000 euros por uma bimby nao me agrada nada. Fico bem sem ela.

beijos


De Jorge Soares a 31 de Março de 2010 às 23:16
Olá

Pois, eu também gosto... e esse sempre foi o argumento para não a querer por cá.. para além dos 1000 Euros, é claro.

Boa pascoa
Jorge



De C.M. a 31 de Março de 2010 às 18:09
Eu tenho a imp+ressão que mesmo sem os sabores apurados, de que também gosto, a nossa amiga me facilitaria a vida. MAs dar esse dinheirão por ele está fora de questão. Se calhar enganei-me foi no marido que não põe o pézinho na cozinha....Um dia destes ainda escrevo um post: Onde raio está escrito que a mulher tem de cozinhar para a família?? Principalmente à mulher que tem pouco jeito com tachos e panelas...


De Jorge Soares a 31 de Março de 2010 às 23:19
Olá

Sejamos sinceros.... de que facilita .. facilita sim, principalmente pela versatilidade que nos permite fazer muitas coisas de forma rápida e simples.. mas não vale os mil euros.

Adorei a ideia desse post... anima-te lá.. que eu gostava de ler.

Beijinho e boa páscoa
Jorge


De Mireille Amaral a 1 de Abril de 2010 às 10:44
Olá Jorge!
Como sempre aborda os temas de forma coerente, clara e concisa (os 3 C que aprendi na faculdade) mas acima de tudo divertida!
Vou dar conhecimento deste seu post à minha irmã que parece estar muito entusiasmada em comprar uma "coisa" destas!
BOA PÁSCOA! com Pão-de-Ló delicioso, seja ele "bimbyco " ou não.


De Jorge Soares a 6 de Abril de 2010 às 22:57
Olá

Acabo de passar lá pelo teu canto.... vou passar a seguir com atenção...

Obrigado pelas simpáticas palavras...eu tento.

Quanto à Bimby, como vês pelos comentários, há opiniões para todos os gostos, eu continuo com a minha, é útil sim...mas não vale o dinheiro..e não há como meter as mãos no tacho para apurar ao nosso sabor...

Jorge


Comentar post

Related Posts with Thumbnails
.Ó pra mim!
.Queres falar comigo?
Mail: jfreitas.soares@sapo.pt
Messenger: jfreitas_soares@hotmail.com First Class Radio
.mais comentados
.Os ultimos jantares

. Os perigos do Facebook, o...

. O mundo em que vivemos, h...

. Conto - A minha avó lia N...

. O homem com mais sorte do...

. Que mundo é este que esta...

. Em busca da natalidade pe...

. Um não lugar chamado Pale...

. Messi? Os senhores da FIF...

. Onze contra onze e esta v...

. Conto - cinco minutos

.Estou a ler .......

Regressar a Casa

Rose Tremain

 

O Rapaz de Olhos Azuis

Joanne Harris

 

A história de Edgar Swatelle

David Wrobleski

 

.links

.tags

. todas as tags

Related Posts with Thumbnails
....

.arquivos

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.subscrever feeds