Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Porque tem que morrer bombeiros?

por Jorge Soares, em 22.08.13

Bombeiros em acção

Imagem do Público

 

E mais um ano, e mais um verão, e há coisas que não mudam, só pioram. Não faço ideia se a área ardida aumentou ou não, mas não restam duvidas que ao nível humano este estará a ser um dos piores anos, se não me engano, é o terceiro bombeiro que morre este ano no combate a incêndios... e o verão e o calor ainda não terminaram.

 

Há pouco ouvia o ministro da administração interna a dizer que todos os meios estão no terreno, que há dezenas de aviões e helicópteros a combater os incêndios... e acredito que seja verdade. Na realidade não passam de palavras que já ouvimos repetir muitas vezes, por ministros deste governo, do anterior e do anterior. São palavras que ouvimos todos os anos quando acordamos um dia e damos com o país uma vez mais a arder.

 

Palavras, só palavras, que servem para mostrar serviço no momento, a realidade é que mal caem as primeiras chuvas do Outono, todos esquecemos essas palavras .. até ao ano a seguir, quando tudo se repete e voltam as palavras.

 

De que vão servir estas palavras à família da bombeira que morreu hoje a lutar contra o fogo?, e aos seus colegas que ficaram feridos, e a todos os restantes que ano trás ano morrem ou ficam com marcas do fogo para sempre?

 

Quando será que haverá um ministro que chegue ao mês de Janeiro e em lugar de assinar contratos de aluguer de helicópteros e aviões, assine decretos que obriguem à prevenção?

 

Quando será que haverá um governo que faça cumprir as leis e obrigar os proprietários a limpar as matas antes do verão?

 

Quando será que haverá um presidente de uma Câmara municipal que em lugar de vir nestas alturas para os meios de comunicação culpar a coordenação e a falta de meios dos bombeiros, virá assumir as suas responsabilidades pela falta de limpeza das matas e dos caminhos do seu concelho?

 

Todo o mundo sabe que o problema dos incêndios em Portugal não está na falta de bombeiros ou de meios, o problema está na falta de prevenção, na falta de limpeza das matas, na falta de acessos às matas, na falta de consciência sobre a importância da sua manutenção. 

 

Todos os anos ouvimos dizer que é impossível combater os fogos porque para além da falta de acessos, a quantidade de combustível acumulada é tal que não há como os apagar, mas a realidade é que a única vez que a grande maioria das matas é limpa é quando há um incêndio.. e ninguém faz nada para mudar esta situação.

 

Quantos bombeiros tem que morrer para que as coisas mudem?

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:56

Posts relacionados

Related Posts with Thumbnails


3 comentários

Imagem de perfil

De Existe um Olhar a 23.08.2013 às 12:55

Este tem sido um tema sobre o qual tenho falado com os meus amigos da Suíça.
Como deves calcular, por aqui há hectares de floresta a perder de vista e não há vestígios de incêndios, estejam ou não as matas limpas, o que me leva a concluir que em Portugal a situação que descreves e a que já nos habituámos a ver todos os anos é tudo uma questão de interesses que está por detrás desta tragédia. Ganham as empresas de helicópteros, ganham os negociantes de madeiras e até as corporações de bombeiros garantem de uma forma trágica a sua sobrevivência, já que quando chega o Inverno o Governo continua a fazer cortes nos recursos humanos e nos meios de socorro. É triste chegar a estas conclusões e até posso estar errada, mas é sinceramente o que penso.
Sem imagem de perfil

De Cris a 23.08.2013 às 18:50

Embora eu concorde com tudo o que diz, não pode comparar as temperaturas e humidade que faz na Suiça com as de Portugal. Portanto, o correcto será dizer que há uma grande percentagem de fogos criminosos, mas há outra parte que se deve à falta de limpeza. Se o estado utilizar uma parte dos bombeiros, militares, rsi (ou até eu, desempregada sem subsídio) para fazer a limpeza agradece-se...
Imagem de perfil

De Existe um Olhar a 23.08.2013 às 19:38

Também concordo com o que diz, mas nesta altura do ano as temperaturas na Suíça estiveram bem mais altas que em Portugal.
Há mão criminosa , sem dúvida, há interesses por detrás desta situação e não se responsabiliza quem devia.

Comentar post








Estou a ler

Regressar a Casa

Rose Tremain

 

O Rapaz de Olhos Azuis

Joanne Harris

 

O jogo de Ripper

Isabel Allende

 






Visitas


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D