Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




renatosnaches.jpg

 

Imagem do Público

 

É curioso, Renato Sanches terá sido a menos consensual escolha de Fernando Santos entre os 23 eleitos para o Euro 2016. Do que me lembro foi a única critica que escutei, havia gente a torcer o nariz principalmente pela sua juventude.

 

Hoje foi de novo o Homem do Jogo e esta vez foi mesmo merecida, sem esquecer o feito enorme de Rui Patrício, a defesa do penalty foi decisiva para colocar Portugal nos quartos, Renato Sanches fez um jogo enorme, marcou um golo e apesar da sua juventude, avançou decidido para a marcação do segundo penalty da tanda... Não acredito que nesta altura ainda haja quem duvide da super acertada escolha de Fernando Santos.

 

Se ainda há alguém com dúvidas  de que nasceu uma nova estrela, basta passar pelo facebook do Bayern de Munique e ver o que por lá vai, também lá joga um tal de Lewandoski que até marcou um golo hoje... mas reparem bem para quem vai o destaque todo... 

 

Quinto jogo, quinto empate, continuamos sem vencer, e segundo a generalidade dos comentadores, sem jogar grande coisa. A realidade é que também continuamos sem perder e seguimos em França ao contrário de muito boa gente que já ganhou e até terá jogado bonito.

 

Durante muito tempo fomos o país das vitórias morais, se calhar está na altura das derrotas morais, da Croácia dizem que foram melhores que nós, eles acham-se com direito à vitória moral  mas a verdade é que  já voltaram para Zagreb.

 

Acho que hoje, tirando um período inicial de desnorte, fomos superiores à Polónia, mesmo não jogando muito, merecíamos mais que os polacos. No fim a sorte sorriu-nos, os cinco penalties foram marcados de forma irrepreensível, Rui Patrício lançou-se uma vez para o lado certo e chegou lá... os Polacos voltam para casa e nós continuamos por França.

 

Todos estávamos fartos das contas e das vitórias morais, por mim podem continuar a empatar e não precisam de jogar para o espectáculo, basta-me com que continuem a passar à  fase seguinte.

 

Claro que tinha que ser Quaresma a marcar o último penaltie, ele tem que ser a alegria do povo....

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:37

cartãodocidadão.jpg

 

Imagem de Lusopt

 

"Pelo artigo 5.º da Lei n.º 7/2007, de 5 de Fevereiro, é proibida a reprodução do cartão de cidadão em fotocópia ou qualquer outro meio sem consentimento do titular, salvo nos casos expressamente previstos na lei ou mediante decisão de autoridade judiciária. Não é permitida a retenção ou conservação do cartão de cidadão, para verificação de identidade que se mostre necessária por qualquer entidade pública ou privada, salvo nos casos expressamente previstos na lei ou mediante decisão de autoridade judiciária." (de lusopt)

 

Hoje foi noticia que para além de ser ilegal, vai passar a dar direito a multa de até 750 Euros para quem tirar ou pedir a fotocópia.

 

Por volta da hora do almoço tive que ligar para a empresa do cartão de crédito para confirmar que não estava a ser roubado por uma empresa de telecomunicações (estava!). Depois de me darem a informação pretendida fui confrontado com o seguinte:

 

-Tenho aqui a indicação de que a fotocópia do seu cartão de cidadão que temos connosco está desactualizada, pode enviar-nos uma actualizada?

-Eu acabo de ler algures que tirar fotocópias do cartão do cidadão é ilegal e até pode dar direito a multa.

-Mas eu tenho aqui a indicação para pedir outra.

-Mas isso é ilegal!

-Eu tenho indicação para pedir, e de certeza que lhe vai chegar uma carta a pedir para enviar.

-Mas como é que vocês pedem uma coisa ilegal?

-Vai receber uma carta a pedir, quando puder envie!

-Mas é ilegal

-Pois, mas se puder mande na  mesma!

 

Portugal no seu melhor, é ilegal, mas mande na mesma

 

Jorge Soares

 

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:01

Brexit: sair pela porta entrar pela janela?

por Jorge Soares, em 26.06.16

brexit-3.jpg

 

Imagem de aqui

 

Hoje durante o dia na Antena 1 ouvi um jovem inglês dizer que o Brexit tinha sido uma vitória dos trabalhadores ingleses, a única vitória dos trabalhadores ingleses nos últimos tempos, e ele nem percebia porque é que o partido trabalhista não estava a festejar com os trabalhadores.

 

Na sexta um dos meus colegas de trabalho, por sinal também ele jovem mas português, dizia que finalmente havia um povo que tinha decidido bater o pé e não fazer o que a Europa diz... Quando lhe perguntei se ele tinha ideia do porquê dos ingleses quererem sair da união europeia, ele não foi capaz de explicar... infelizmente a enviada especial da Antena 1 não perguntou ao jovem inglês qual o motivo dele para querer sair da união Europeia.

 

Curiosamente uma das primeiras declarações que ouvi dos senhores do Ukip, acérrimos defensores do Brexit, foi que iriam rapidamente pedir um acordo de livre comercio com a união europeia... Engraçados estes senhores, querem deixar de ter as obrigações, fechar a ilha a sete chaves, e fazer o que lhes apetece.... mas sem deixar de ter os benefícios de ter o acesso a um mercado gigante que significa mais de metade das suas exportações.

 

Tenho dúvidas se a grande maioria dos que votaram a favor da saída da União Europeia tem a noção da forma em que isso irá afectar o país. Outras das entrevistadas pela Antena 1 referia o facto de irem voltar a ter fronteira com a Irlanda... não consigo perceber em que é que isso os irá afectar, mas deu para perceber por onde vão as coisas. 

 

Parece que o  grande problema da maioria das pessoas que votaram a favor da saída são os emigrantes e o medo a que estes fiquem com os benefícios sociais que deveriam ser para eles... Quem já esteve em Londres viu como a cidade é uma metrópole multicultural, sendo que a maioria dos estrangeiros provêm de países de fora da união Europeia... Não foi o facto de a Gran Bretanha ter ficado fora do Espaço Chengen e de ser um ilha que impediu a entrada de todos estes estrangeiros, não estou a ver como é que o Brexit e o retorno da fronteira com a Irlanda o irá impedir... mas pelos vistos há quem ache que assim irá ser.

 

Para já a Libra caiu para valores dos anos 80 e de um aumento da inflação não se livram... a menos claro que tal como os senhores do Ukip parecem sugerir, tudo isto não passe de uma forma de fechar uma porta  para abrir uma janela à União Europeia.

 

Jorge Soares

 

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:44

jornalista.jpg

 

Imagem do Facebook de António Sampaio

 

Para a rubrica "coisas que eu poderia dizer se conseguisse escrever assim", um texto fantástico a propósito do microfone atirado ao lago por Cristiano Ronaldo, escrito por António Sampaio,  alguém que penso seja  jornalista  e que fala sobre jornalistas, jornalismo e meios de comunicação social... para ler e reflectir

 

Há uma ideia errada de que só por ser jornalista posso fazer tudo. Esta ideia de que a minha profissão pode escrutinar todas mas que não aceita escrutínio dos outros.


De que a coberto da dita “liberdade de imprensa” tenho o direito de fazer tudo, de violar os direitos de outros, incluindo crianças, de me focinhar na vida privada de outros, de escrever o que quero, como quero e quando quero.


De que posso usar um jornal para fazer campanhas políticas, para promover grupos económicos ou para destruir vidas, carreiras, empresas.


Há uma ideia errada de que como jornalista posso apontar os erros a todos, usando gafes, parvoíces, deslizes, para fazer manchetes. Mas que depois não aceita que nada lhe seja apontado. Que não aceita que os seus jornalistas sejam, eles próprios e o seu trabalho, escrutinado.


Que usa o poder das suas páginas para escrever o que quer e quando alguém reage mal, diz o que não deve ou faz o que não deve - por irritação, frustração ou autodefesa - é logo mal tratado pela dita classe.


Uma classe que, diga-se de passagem, se odeia mutuamente. Se critica nas costas - ou na frente - e que infelizmente demasiado poucas vezes atua mesmo com classe.


E isto serve para microfones, para gráficos e infografias manhosas, para ameaças de bofetadas, para processos, ou para respostas menos adequadas a ‘coisas’ publicadas em ditos ‘jornais’ que não passam de lixo.


Uma profissão cheia de gente ‘pública’, do estrelato, mas onde os públicos e os escrutináveis são apenas os outros.


Há grandes jornalistas em Portugal. Há gente que trabalha na minha profissão que honra o que faz e a profissão que representa. Mas também há gente nojenta, OCS nojentos e que desonram o jornalismo. Gente que do alto do seu pedestal de justiceiro se mostra como o garante das leis, da legalidade e afins e depois viola as regras todas, de justiça, de deontologia, de respeito pelos direitos dos outros e até de senso comum.


E nós, jornalistas, temos que deixar de achar que há montes de coisas que não são defensáveis nas outras profissões todas mas que tudo é defensável na imprensa e no jornalismo. Não é. Há coisas que podem ser liberdade de expressão mas não são jornalismo. São lixo humano.


Deixem lá de ser madalenas ofendidas quando alguém reage - muitas vezes depois de um acumular de abusos, maus tratos às mãos das páginas de jornais ou outros OCS ou de campanhas nojentas - de uma forma menos bonita.


E um banhinho num lago não é um grande ataque à classe, um crime, como disse um gajo que eu, jornalista há montes de anos e que pago a carteira de dois em dois anos, nem sabia que existia. Aliás, esta é a mesma classe, por exemplo, que permite que clubes de futebol façam boicotes a alguns OCS - porque estamos a falar de desporto - mas depois se sente ofendidíssima por coisas destas. E não é, sabem, o único exemplo.


Enfim. Isto não é sobre um microfone. Aliás, quem devia ter mandado o microfone do CM ao lago eram os outros jornalistas. Porque uma vez mais houve um chico esperto que achou que era mais que os outros, que ia violar o acordado com o resto da imprensa e deixar os moços passear em paz sem perguntas anormais.


Mas sim. O mauzão é a ‘figura pública’. É sempre a figura pública. E nunca quem o achincalha em público.


Acreditem. A minha profissão anda a meter água há um tempo. Não é apenas desde o ‘incidente’ do lago.

 

Antonio Sampaio

 

Retirado do Facebook

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:02

Este povo nunca está contente!

por Jorge Soares, em 22.06.16

CristianoRonaldo.jpg

 

Imagem do Público

 

É engraçado como são as coisas, Cristiano Ronaldo marcou dois golos, fartou-se de correr, de jogar,  não diria que levou a equipa ao colo, mas não há dúvida que como quase sempre, marcou golos importantes e contribuiu para a passagem à próxima fase.

 

Acontece que três golos não foram suficientes para vencer, porque Portugal não joga sozinho e a Estónia não estava entre os classificados para este Euro. Do outro lado estava uma Hungria muito mais descontraída que Portugal, com raça e muita vontade de mostrar serviço.

 

A meio do jogo um dos comentadores da RTP dizia que era a lei de Murphy aplicada ao futebol, tudo o mau que podia acontecer acontecia.. Portugal atacava e como é costume rematava mais, muito mais que a Hungria, mas os magiares além da pontaria tinham a sorte do seu lado, havia sempre um ressalto que enganava o Rui Patrício e a bola lá terminava no fundo da baliza... uma, duas, três vezes...

 

E de cada vez que os húngaros marcavam lá estava o realizador francês a mostrar um Cristiano Ronaldo irritado e que cerrava os dentes... Não acontece muitas vezes uma equipa estar a perder três vezes, das três vezes fazer das tripas coração e voltar a empatar.

 

No fim do jogo não faltava gente a criticar e a pedir mais, não jogaram nada, não eram aqueles  os que deviam jogar mas outros (de preferência os do nosso clube), o treinador não percebe nada disto e para além de que colocou os errados a jogar, fez as substituições erradas, tarde e a más horas.

 

Não há volta a dar, tivemos a selecção que mais remates fez no Euro, não ganhamos nem perdemos jogo nenhum, estamos na fase seguinte e continua tudo a ser possível, mas para a grande maioria dos portugueses, está tudo mal.... incluindo o Cristiano Ronaldo, que bateu mais uns recordes, mas apesar de ter marcado dois golos decisivos, para muita gente não jogou nada!

 

Não consigo entender, queriam o quê? Campeões europeus e mundiais? Já pensaram em mudar de nacionalidade?

 

Não foi um passeio, não ficamos em primeiro lugar, mas para mim fomos superiores nos três jogos e tivesse havido um bocadinho de sorte, em vez de bestas, hoje seriam todos bestiais... talvez tirando o Ronaldo, que este povo nunca está contente!

 

Venha a Croácia...

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:55

O microfone do mundo... ou dos peixinhos.

por Jorge Soares, em 22.06.16

correiodamanhã.jpg

 

Imagem do Facebook

 

Convenhamos, não é um gesto bonito, para mais quando o Cristiano Ronaldo e o resto dos jogadores estão ali em representação do país, gostemos ou não do Correio da Manhã e da sua versão televisiva, o repórter estava ali a fazer o seu trabalho e por isso merece todo o respeito.

 

Dito isto, estamos a falar de Cristiano Ronaldo e da CMTV, a CMTV é a versão televisiva de um Jornal (?) que tem como modo de sobrevivência a devassa da vida privada das figuras públicas em geral e em especial a do Cristiano Ronaldo (ver este post), é o exemplo acabado do pior jornalismo de sarjeta que se faz em Portugal.

 

Podemos gostar mais ou menos do Cristiano Ronaldo, mas quantos de nós passaríamos por tudo o que ele já passou com este jornal sem ter uma reacção pelo menos parecida com a dele? Para ser sincero gabo-lhe a paciência, no lugar dele eu não sei se junto com o microfone não teria ido também a câmara.... 

 

Logo mais há jogo com a Hungria, espero que Ronaldo marque e que ganhemos por muitos... ou que ganhemos por um e que seja outro qualquer a marcar, mas para já, o Cristiano já me fez, a mim e a muito boa gente, ganhar o dia.

 

Força Cristiano, Força Portugal.

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:19

CPI_2012.jpg

 

Imagem de aqui

 

Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) é uma investigação conduzida pelo Poder Legislativo, que transforma a própria casa parlamentar em comissão para ouvir depoimentos e tomar informações directamente, quase sempre atendendo aos reclamos do povo.

In Wikipédia

 

Sempre que ouço falar de comissão parlamentar de inquérito lembro-me das  que foram criadas a propósito da investigação da morte de Sá Carneiro, a X (décima) encerrou os trabalhos em Junho de 2015... e não me parece que depois de tanto tempo e tantas comissões de inquérito, alguém tenha alguma certeza do que realmente aconteceu a 4 de Dezembro de 1980.

 

Fora necessárias 10 comissões de inquérito para investigar uma queda de um avião, sou só eu que acho que se foram criando comissões sucessivas não porque se quisesse saber o que realmente aconteceu mas porque era necessário que  se concluísse algo que agradasse a gregos e a troianos?

 

Todos ouvimos falar das comissões de inquérito ao caso BPN, ao caso BES, ao caso BANIF, mas tirando os deputados que nelas participaram, alguém tem a noção do que resultou de cada uma delas? 

 

Todos sabemos que no fim todos os portugueses terminamos de uma forma ou outra por pagar o resgate destes bancos, mas alguém ficou a saber o que realmente aconteceu e quem são os verdadeiros responsáveis pelos enormes buracos em que se converteram  estas  instituições financeiras?

 

Todos ouvimos falar das enormes contradições nos depoimentos dos vários senhores que foram inquiridos pelos deputados, mas no fim alguém tirou a limpo quem estava a mentir ou se havia alguém que não o estava a fazer?

 

O PSD e o CDS estiveram mais de quatro anos no governo, precisamente durante o período em que mais aumentou o buraco na Caixa Geral de depósitos, aparentemente durante todo esse tempo não souberam ou não quiseram ver o que se estava a passar, agora que este governo decidiu encarar e tentar resolver o problema, parece que os senhores acordaram para o mundo e exigem uma comissão de inquérito... para quê?  

 

É evidente que é necessário entender o que se passou na CGD, atendendo aos exemplos anteriores e sem querer faltar ao respeito aos senhores deputados que nelas participaram, será que vale mesmo a pena? Ou será só mais show off para desviar a atenção da responsabilidade dos governantes anteriores que pelos vistos ou estavam distraídos ou fecharam os olhos porque dava jeito?

 

Afinal para que servem as comissões de inquérito?

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:03

A falta de cérebro faz mal à saúde ...

por Jorge Soares, em 15.06.16

malheiro.png

 

Imagem do Sol

 

.. e mesmo assim ele fala

 

Para João Malheiro a “homossexualidade faz mal à saúde”...  e  compara a “prática da homossexualidade” com vícios como fumar ou o excesso de peso

 

A sério? E este senhor diz-se jornalista?  De certeza que ele vive no mesmo século que o resto da população do mundo?

 

A estupidez e a homofobia fazem mal  à Saúde, alguém o interna por favor?

 

Jorge Soares

 

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:05

É futebol... e é fado!

por Jorge Soares, em 14.06.16

adepta.jpg

 

Imagem de Sapo Desporto

 

Acho que os sete a zero à Estónia e a alegria do Quaresma nos deixaram a todos com a expectativa muito alta, como as coisas não correram assim tão bem, não havia Quaresma e em lugar da Estónia estava a Islândia, voltamos ao Fado e em lugar dos oitenta da semana passada, parece que passou tudo para o oito.

 

Confesso, não vi o jogo, há vida para além do futebol, vi 15 minutos do fim e ouvi o resto da segunda parte no rádio, olhando para as estatísticas, ficamos a pensar que foi um jogo de um só sentido, mais de 70% de posse de bola, mais de vinte remates contra quatro,uma avalanche de ataque ... contra uma muralha de Islandeses que pelos vistos foram lá duas vezes e marcaram um golo.

 

Como acontece muitas vezes, e não é só à selecção, faltou finalização, há muitos  atacantes na selecção portuguesa, O Cristiano Ronaldo esteve até ao fim na luta pela bota de ouro Europeia, mas continua a faltar um Jordão, um Manuel Fernandes, um Pauleta, .... já ficávamos contentes com um Postiga... mas temos o Élder... que não é titular e dificilmente será.

 

Há muitos comentadores de televisão a dizer que foi muito mau.... como disse, não vi, mas tenho dificuldade em concordar, acho que havia muita  gente a pensar que eram favas contadas, esqueceram-se que havia a Islândia.

 

Convém recordar que era o primeiro jogo. Portugal dominou, jogou muito mais, não conseguiu marcar, saiu com um empate, faltam dois jogos e duvido que a Áustria se possa dar ao luxo de se limitar a defender.... Além disso, o Quaresma vai recuperar a forma e ser titular,,,,

 

É isso, é Futebol.. e é o nosso fado... mas eu acredito... aposto que a menina da fotografia também acredita!

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:03

Os milagres da ciência

por Jorge Soares, em 09.06.16

bebe.jpg

 

 

Imagem do Expresso

 

Foi noticia por cá e até pelo resto do mundo, esta semana nasceu em Portugal um bebé filho de uma mulher que estava em morte cerebral há 17 semanas.

 

Ao contrário do que se pode ler na capa de pelo menos um jornal (?), não nasceu um bebé de uma mãe morta, nasceu de uma mãe viva que se encontrava em morte cerebral, não, não é a mesma coisa. É evidente que se a mãe estivesse morta não poderia haver desenvolvimento do feto, o cérebro estava em morte cerebral, o corpo estava evidentemente vivo, o que ,aliádo aos cuidados que lhe foram prestados,  permitiu o correcto desenvolvimento do feto até às 34 semanas, altura em que nasceu por cesariana..

 

O resto é o conhecimento e a qualidade de todos os profissionais de saúde que estiveram envolvidos e que permitiram o final feliz que todos conhecemos.

 

Vivemos numa época em que os avanços da ciência para além de nos permitirem viver cada vez mais tempo com uma razoável qualidade de vida,  fazem possível este tipo de "milagres".  O bebé chama-se Lourenço e nasceu saudável.

 

“Não foi um milagre, mas um avanço da ciência e da capacidade de multidisciplinaridade e eficácia de uma equipa. Não são só os médicos, mas os enfermeiros, os nutricionistas, os farmacêuticos e todos os profissionais que contribuíram para este êxito” 

Doutora Ana Campos ao Jornal Expresso

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:17

Posts relacionados

Related Posts with Thumbnails


Ó pra mim!

foto do autor






Estou a ler

Regressar a Casa

Rose Tremain

 

O Rapaz de Olhos Azuis

Joanne Harris

 

O jogo de Ripper

Isabel Allende

 






Visitas


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D