Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Em que século vive César das Neves?

por Jorge Soares, em 28.01.15

cesardasneves.jpg

 

Imagem retirada do Ponte Europa 

 

"A imprensa parece inebriada com a homossexualidade. Este fascínio ressurgiu agora nas discussões sobre adopção por casais do mesmo sexo: a generalidade dos jornalistas assumiu implicitamente apenas uma possibilidade válida, desprezando as alternativas como obscurantismo, numa promoção aberta da sodomia"

 

João César das Neves no DN

 

Obscurantismo? Promoção aberta da sodomia? Mas este senhor lê o que escreve? Para ele o tema da adopção por casais do mesmo sexo, não devia ser discutido pois diz respeito a umas poucas centenas de indivíduos homossexuais casados.... e lá por serem poucos não tem direitos porquê? E as  crianças que com eles vivem são menos que as outras porquê? E lá por terem gostos sexuais diferentes dos dele tem menos direitos porquê?

 

Quem lê o artigo completo fica com a ideia que todos os males do mundo são o resultado da revolução sexual, não fosse a invenção da pílula e o mundo  seria perfeito, não haveria divórcios, os casamentos seriam todos perfeitos, a natalidade seria altíssima e não haveria no mundo pessoas sozinhas.

 

Segundo ele a liberdade sexual é um mito, que é utilizado pelos liberais deste mundo para fazer revoluções que só servem para destruir famílias....Está-se mesmo a ver que para ele o mundo perfeito era aquele em que os casamentos eram combinados pelos pais, o sexo era uma vez por semana e só para fazer filhos e depois de os ter a mulher tinha era que estar em casa a tratar dos filhos e das refeições do marido e claro,  ir à missa todos os dias.

 

Há muito tempo que não lia tantas parvoíces juntas, e custa-me entender como é que um jornal como o DN, que eu tinha por sério, dá voz a alguém que parece que entrou numa máquina do tempo algures a meio do século XIX e aterrou no meio da Lisboa do século XXI.

 

Na realidade não é de estranhar, foi este mesmo senhor que disse que "A maior parte dos pensionistas não são pobres, fingem" ou "É criminoso subir o salário mínimo" ou ainda "Esta crise é uma oportunidade de bondade, de caridade e de solidariedade"... entre outras coisas que não fosse o tom sério com que ele fala e escreve, fariam dele o humorista perfeito.

 

Alguém me explica em que século vive este senhor?

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:43

Posts relacionados

Related Posts with Thumbnails


26 comentários

Sem imagem de perfil

De Cris a 29.01.2015 às 09:04

No século da demência!
Sem imagem de perfil

De P. a 29.01.2015 às 10:02

O irmão....não é melhor ;)
Sem imagem de perfil

De m a 29.01.2015 às 14:26

Realmente, um demente e o irmão (Rui) desse senhor talvez ainda seja pior!!! Parece viverem numa realidade alternativa que só existe na cabeça deles! Enfim!
Sem imagem de perfil

De AA a 29.01.2015 às 17:19

É um pouco chocante ...Têm razão. Mas a verdade é que os direitos da adopção são das crianças e não dos adultos , qualquer que seja a sua orientação sexual.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 29.01.2015 às 17:38

Então se o direito é das crianças, independentemente da orientação sexual dos casais que se propõem a adoptar,não faz sentido vedar a certos casais.
Sem imagem de perfil

De AA a 29.01.2015 às 17:49

Se o casal , tiver condições de educar uma criança com amor , segurança e valores morais, a sua orientação sexual não interessa. O que me incomoda é se a
questão é colocada como um direito dos adultos à paternidade/maternidade.

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 29.01.2015 às 19:49

Não me parece o caso, o que está em causa é admitir que casais homossexuais possam concorrer a um processo de adopção, tal como os casais heterossexuais. Em última análise, todos os casais passam por um escrutínio a fim de apurar se têm condições para adoptar uma criança. E não tendo, sejam hetero ou homo, não adoptam. O que me parece mais cabal é que uma pessoa singular pode adoptar, independentemente da sua orientação sexual, mas se for um casal já não pode. Ora se para a malta que não concorda com a adopção por casais homossexuais o que está em causa é a orientação sexual, o facto de ser um casal composto por pessoas do mesmo sexo, porque um pode e dois não? Parece-me que é puro preconceito legal (de quem aprova as leis) e uma dose grande de hipocrisia. Um homossexual pode, mas se forem dois, isso não, já é uma vergonha e uma chatice para as criancinhas terem (legalmente) dois papás ou duas mamãs. Se é para vedar, então deveria-se acabar com a adopção singular. Porque afinal, para algumas pessoas as crianças têm de ter uma mãe e um pai.

Quanto ao César das Neves, já nem vale a pena. Achar que discutir a adopção é uma promoção aberta à sodomia, é preciso ser muito doente da cabecinha. E depois lá vem o argumento das minorias, como se essas não merecessem a mesma tutela dos outros, os da maioria.
Imagem de perfil

De Kok a 29.01.2015 às 17:21

Sabes o que sentes quando comes alguma coisa que, tendo bom aspecto, sabe horrivelmente mal e, queiras ou não, vomitas essa coisa e também o almoço e jantares anteriores?
Então já sabes o que eu sinto/penso de cada vez que oiço este César quando esporadicamente o "apanho" em programas televisivos ou na rádio. Porque lê-lo é coisa que já não faço.
1 abraço pah!

§-às vezes penso: se não vivessemos em liberdade o que seriam estas pessoas? apoiantes incondicionais duma qualquer ditadura ou estariam na clandestinidade reclamando por algo que agora usufruiem que é o dizerem as barbaridades que dizem, sem receio de as dizerem?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.01.2015 às 00:17

Eu costumo ler. Dou comigo a ler e a dizer em voz alta: mas o que é que estou a fazer? E leio, consigo até, pasme-se, ler tudo ate ao fim. Depois vomito mas consigo ler.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 29.01.2015 às 19:54

Pergunto-me: para o César, existe uma promoção à sodomia, tratando-se de dois homens, imagino... Então e se forem duas mulheres? Tudo tranquilo? És um maroto César...
Sem imagem de perfil

De miguel a 29.01.2015 às 20:00

Ve-se logo pelo retirar de frases decontextualizadas do blogueiro que so quer sem excrupulos incriminar o JCN sem revelar o verdadeira razao porque ele referiu aquilo em relaçao a troika e austeridade!

Em relaçao ao assunto dos porcos sodomitas que querem adoptar crianças inocentes e puras para as consporcar com o seu modo de vida tao grave ou mais que a pedofilia - a esta tb se pode justificar com os mesmo argumentos que o anterior!

E no fundo tanto o bloguerio como os comentadores ja validam a pedofilia porque ja vivem como porcos neste mundo aceitando todo o tipo d depravaçao -

No fundo não é JCN que está 200 anosa atrazados sao estes imundos que regressaram 6000 anos ao tempo de sodoma e gomorra que devem achar que é historia de encantar mas so vao descobrir quando Deus os queimar como leitoes no espeto com o fogo da Sua Ira!

Mas o que é que adianta escrever isto a estes animais ja Jesus dizia não deitem perolas a porcos

Enfim uma cambada de nojentos que ainda rem a lata de mandar pedras aos poucos os que tem um pingo de decencia fazem-no porque reconhecem a sua feiura ao espelho e irritamse ainda mais com raiva canina!
Sem imagem de perfil

De José a 29.01.2015 às 20:24

Desculpe, o seu comentário é irónico ou está mesmo a dizer o que pensa...?
Sem imagem de perfil

De Makiavel a 29.01.2015 às 21:47

Ó Miguelinho, o que tu queres sei eu!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 29.01.2015 às 20:53

São todos os grandes "idiotas" de grandes ideias salvo seja. Querem decidir pelo bem estar dos homos e quem se lixa mais tarde são as crianças.
Sem imagem de perfil

De Helder P. a 29.01.2015 às 21:57

Século XIX já é demasiado avançado para o Abominável César das Neves! A criatura dificilmente terá passado da Idade Média onde desempenharia certamente as funções de bobo da corte dia sim, Inquisidor-mor do Santo Ofício dia não.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 29.01.2015 às 23:57

Este é sim mas é um Cesar das Cavernas e não da Idade Médias.
Sem imagem de perfil

De antonio a 29.01.2015 às 22:38

O homem assemelha-se anatómicamente ao octupus. Invertebrado, acéfalo, tem o aparelho intestinal no capelo (cabeça). Logo fácilmente se entendem as suas recorrentes ideias de merd@.
Sem imagem de perfil

De Walpúrgia a 30.01.2015 às 10:15

O senhor desculpe-me, mas está a insultar essas criaturas incrivelmente inteligentes e hábeis que são os polvos. Há invertebrados que correspondem melhor à criatura em questão.

Comentar post


Pág. 1/2








Estou a ler

Regressar a Casa

Rose Tremain

 

O Rapaz de Olhos Azuis

Joanne Harris

 

O jogo de Ripper

Isabel Allende

 






Visitas


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D