Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





O fascínio de As 50 sombras de Grey

por Jorge Soares, em 12.02.15

50sombras-grey.jpg

 

Por estes dias é difícil fugir ao tema, na rádio, na televisão, no facebook, nos jornais.... não me lembro de algum filme ter levantado tanta poeira mesmo antes de estrear.... 

 

Curiosamente entre todas as pessoas que ouvi falar do assunto, na sua maioria mulheres, não ouvi uma única que reconheça ter lido o livro, esta manhã na Antena 3  o máximo que se admitiu foi ter-se lido uns parágrafos, mas nunca o livro..... como é que tanta gente que não viu o filme ou leu o livro pode ter uma opinião formada? Já agora, e para não destoar, eu também (ainda) não li livro.

 

O filme estreia este fim de semana, em Portugal há muito que a maioria das sessões estão esgotadas, coisa nunca vista por cá, quem ainda não comprou bilhete vai ter que esperar algum tempo até que a coisa acalme.

 

Curioso mesmo são as noticias que vão surgindo, vejamos alguns exemplos:

No Sapo Cinema  - "As principais cadeias de salas de cinema nos EUA pedem aos seus clientes para não levarem artigos que possam fazer os outros espectadores sentirem-se «desconfortáveis»".

 

No Sol - Londres: Bombeiros prevêem aumento de ocorrências após estreia de ‘As Cinquenta Sombras de Grey’ ... "desde Abril registaram quase 400 pedidos de ajuda por causa de actividades sexuais inspiradas nos livros"

 

No Observador - “As Cinquenta Sombras de Grey”: nem chega a ser sexy, só chacha"

 

No El Pais - "'50 sombras de Grey': 14 palmadas no rabo em duas horas"

 

É incrível como apesar da passagem do tempo, da televisão por cabo, da internet, o sexo e o tabu continuam a exercer este tipo de fascínio sobre as pessoas até ao ponto de tornar um sucesso estrondoso, não só um livro mediano como um filme que  a julgar pelos primeiro comentários, vai deixar muita gente desiludida e a pensar "mas é só isto?"

 

Confesso, eu vi três vezes o "Nove semanas e meio", mas eu tenho desculpa, para além de que tinha 17 ou 18 anos na altura, a protagonista era a Kim Bassinger ....  para além de que o filme era um excelente tema de conversa com as miúdas.

 

É suposto aos trinta e muitos ou quarenta já termos passado essa fase, pelos vistos não, foi precisamente nessas faixas etárias que o livro teve mais sucesso e presumo eu que terão sido as mesmas pessoas que esgotaram os cinemas... os miúdos que  querem ver o filme não vão ao cinema, sacam da net.

 

Há muita gente por ai com falta de imaginação e as sex shops devem estar a fazer o seu Agosto, mas levar os brinquedos para o cinema?.. os bombeiros prevêem um aumento dos acidentes domésticos?....WTF?

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:01

Posts relacionados

Related Posts with Thumbnails


6 comentários

Imagem de perfil

De Alice Alfazema a 13.02.2015 às 07:53

Imagem de perfil

De golimix a 13.02.2015 às 08:52

Da tua última frase só isto, . Sim. WTF?

Também falei disso há uns tempos, acho que leste, http://golimix.blogs.sapo.pt/87788.html

Agora quanto ao livro. Li os três livros. Confesso que o primeiro passei algumas partes à frente, era muito repetitivo e não estava com paciência para a falta de jeito da escritora. O segundo, e terceiro livro, nota-se que ela melhorou. Disseca-se demasiado o que não tem nada para dissecar. E continuo sem entender a tinta que se verte por nada!!! Se gostei da história? Gostei sim. Fácil leitura uma pitada de picante e pronto. Cumpre a função. Entretém. Não é nenhum clássico da literatura, talvez nem sequer possa ser considerando literatura, mas tem uma história que no seu fundo até capta. Mas lá está, entro na tal faixa etária

Ah! E para que saibas. Eu e mais 4 amigas vamos ao cinema ver o filme. E sim, compramos o bilhete com antecedência. Não tenho expectativas nenhumas, e vou como vou jantar com as mesmas amigas em outras ocasiões. Uma forma diferente de passarmos o serão! Só. Por isso, de certeza que não vou ficar desiludida

Li os livros. Não precisas de muito tempo, aquilo lê-se num piscar de olhos. Sei é que não vais gostar conhecendo-te como já te conheço
Imagem de perfil

De energia-a-mais a 13.02.2015 às 11:12

fascinante!!! olha eu li o livro, quer dizer tentei! emprestaram-mo e como eu ouvia tanta gente falar também quis ler. Mas confesso que não me deu nenhuma inspiração fatal, acabei por saltar muitas páginas porque não tinha pachorra e depois porque não acho mesmo piada a cenas inspiradas num sonho erótico duma senhora com queda para o sadomasoquismo....Pronto, a minha experiência pessoal não me leva a estar a arder de desejo pelo filme, aliás tenho a certeza de que não o vou ver! mas nisto de sexo, gostos não se discutem, só espero que os fãs não levem objetos estranhos para as salas de cinema - ou melhor não os deixem lá ficar, não se vá dar o caso de eu ir ver um filme com os miúdos e ter de lhes explicar o que raio são aqueles ursinhos com algemas

Teresa
Imagem de perfil

De mãe de coração a 13.02.2015 às 16:54


Oh Jorge, lamento muito mas eu não li, mesmo, o livro...ou deveria dizer livros, parece que é um "trilogia"...também confesso que não tenho muita curiosidade com o filme. Sou um pouquinho do tipo de perder o interesse nos filmes/livros demasiado badalados, faz-me sempre pensar numa maquina de marketing bem oleada que procura compensar a má qualidade.
Se calhar fico a perder
Sem imagem de perfil

De Teresa Mendes a 14.02.2015 às 20:19

Pois eu já vi o filme, e li o primeiro livro, todo. Os outros dois, nem por isso.
E lamento as opiniões e criticas negativas que tenho visto e lido, tanto ao livro como ao filme.
O livro, 100 milhões vendidos em todo o mundo, o equivalente a 10 vezes a populacao de Portugal, incendiou a imaginação de outras tantas mulheres. Provavelmente mulheres que nunca antes teriam tido contacto com qualquer outro livro de literatura erótica. Teve esse mérito.
O filme, é belissimo. Está classificado para maiores de 16 anos em Portugal, mas também li que, em França, o foi para maiores de 13.
Se as pessoas estavam à espera de um filme hardcore, enganaram-se - e é lamentável que os criticos, quando criticam, nao usem a informação que está ao seu dispor. E, se ficaram intrigados com as cenas mais hard do livro,que gostariam de ter visto no filme, procurem na net pois encontrarão exemplos para todos os gostos de praticas BDSM, para maiores de 18 anos,e eu diria mais, para idades superiores a 30 anos, quando a maturidade nos dá as bases para não ver somente o que é superficial.
O filme "As 50 sombras de Grey" é um romance, cheio de sentido de humor, erotismo, bem filmado, optima banda sonora, com um twist fetishista, que é uma tendência mundial a nivel da sexualidade, [assim como o são as praticas swinger].
Mas olhando para o filme, e comparando com o livro, o filme captiva, envolve e absorve a atenção, coloca-nos do lado da Anastasia, que começa sempre a dizer que não, e depois gosta, volta a dizer que não, para depois voltar a gostar. Só mesmo um não adultos não verá que o poder, de facto, está do lado da Anastasia. Ela é que coloca os limites, que o Grey terá de cumprir. Depois de definidos esses limites, são jogos eróticos, para casais, ambos adultos, conscientes e consensuais, e essa a razão porque da existência do tal contrato , que na vida real existe, mas muita vezes somente oral, que é tão valido como um escrito, e não passa de uma forma de comunicação entre o casal onde cada um diz o que gosta e não gosta, pratica que infelizmente falta a muitos casais. A assinatura do contrato não passa de mais um ritual, um jogo.
Retirando agora o BDSM do assunto, o filme é na realidade erótico e está muito bem filmado. As mulheres anseiam por homens que as saibam despir, as saibam tocar e lhes deem a atenção incondicional que Grey proporciona à Anastasia. E os homens... Cavalheiros, aprendam ... aprendam com o Grey como dar prazer a uma mulher, sempre diferente, sempre criativo, com ela no centro das atenções.
O filme acaba o melhor possivel - deixando água na boca.
Aconselho a todos, os adultos, que vejam este filme. Duas vezes.






Sem imagem de perfil

De Susana a 19.02.2015 às 20:42

Do melhor que li até agora, alguém que verdadeiramente captou a essência das 50 sombras de Grey! Bravo Teresa Mendes

Comentar post








Estou a ler

Regressar a Casa

Rose Tremain

 

O Rapaz de Olhos Azuis

Joanne Harris

 

O jogo de Ripper

Isabel Allende

 






Visitas


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D