Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





O que festejam os ateus no natal?

por Jorge Soares, em 08.12.15

Natal Ateu

 

Há por aí quem não consiga entender o verdadeiro significado do natal, não, não tem nada a ver com meninos, reis magos, estrelas e manjedouras... pelo menos para mim não tem.

 

Escrevi o texto abaixo em Dezembro de 2009,,,, já choveu alguma coisa desde  essa altura, mas nada mudou...

 

Há uns anos... bem, há muitos anos, quando a internet dava os primeiros passos, a Atarraya era uma mailing list de estudantes venezuelanos no estrangeiro, um sitio onde discutíamos tudo e mais alguma coisa. Já nem sei como fui lá parar, no natal sugeri que trocássemos postais de natal, o Brito era o intelectual da lista, vivia no Japão e nunca me vou esquecer a resposta dele:

 

- Jorge, eu sou ateu e não festejo o natal, mas terei todo o gosto em enviar-te um postal para o dia dos inocentes.

 

O dia dos inocentes é o equivalente latino-americano do dia das mentiras, festeja-se a 28 de Dezembro.

 

Acho que todos sabem que sou ateu, não acredito em deus e muito menos num Jesus Cristo nascido numa manjedoura que mais tarde ressuscitou de entre os mortos. Na semana passada e em jeito de provocação, a Stilleto a propósito do meu post sobre o nosso natal, dizia que não entendia o que festejam os ateus nesta altura.

 

Não sou tão radical como o Brito, eu festejo o natal, não o natal religioso, esforço-me por não festejar o natal actual, o do consumismo, mas festejo o meu natal, o da festa da família e porque não?... O das tradições. Até porque muito antes da existência do cristianismo já por esta altura se festejava o solstício do Inverno, o renascimento da natureza que resultará de os dias começarem a ser maiores. Com o tempo a tradição foi mudando e a igreja, como em muitas outras das suas celebrações,  apropriou-se destas datas para a sua festa de natal.

 

O que festejo eu?...para mim o natal é uma festa familiar, a altura de reunir as famílias, de partilhar afectos e presentes. Para mim ser ateu não significa renegar tradições, a ceia de natal, o bacalhau com batatas, bilharacos, rabanadas, pan de jamon, bolo-rei. Troca de presentes à lareira, árvore de natal e presépio, haverá quem diga que algumas destas coisas são tradições católicas, todas estas coisas ou já existiam há 2000 anos ou tem menos de 200 anos.... tirando talvez o presépio, tudo o resto tem a ver com a família e connosco e nada que ver com a igreja.

 

Cá  em casa, e por agora,  o único ateu sou eu .. e faz parte da minha forma de estar no mundo, o respeito das crenças das pessoas que estão à minha volta... natal incluído e se há coisa que não festejo é o dia dos inocentes... nem o das mentiras.

 

Jorge Soares

 

PS: Cá em casa já não sou o único ateu.. e só não somos mais porque há quem apesar da sua inteligência e perspicácia, se recuse a falar ou sequer a pensar no assunto.

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:34

Posts relacionados

Related Posts with Thumbnails


81 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 08.12.2015 às 23:14

O homem nao ha natal nao religioso, ha comercio no natal, ou seja a vertente comercial invadiu o natal, o senhor nao sabe o que e o natal, porque foi criado, e nao tem nada a ver com pagaos. o senhor pode festejar o que quiser e chamar-lhe o que quiser, isso nao e proibido nem paga imposto, so e incoerente, e com quem se diz ateu.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 09.12.2015 às 01:49

Tão incoerente como achar que existe um deus qualquer que mandou uma pomba anunciar que o seu o seu filho iria nascer numa manjedoura e associar a isso uma festa que afinal até já existia antes... pontos de vista.

Jorge Soares
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.12.2015 às 11:35

essa e a coerencia dos catolicos em relaçao ao natal, a sua incoerencia e querer celebrar essa festa catolica nao comungando desses valores, incoerente e proprio de si, ve-se nao pelo que eu digo,mas pelo que se ve por alguns que tambem sentem isso como ateus, e parece que lhe relatam.o senhor associa-se a uma festa religiosa da qual nao comunga os valores, sendo pagao e diz que festeja o natal nao religioso, como se isso existisse, a nao ser que conseguisse demonstrar que o natal nao foi originario da igreja, existia uma festa na antiga roma coincidente com a epoca de natal, sim mas continuou a existir, a igreja nao acabou com ela, e mensagem da igreja e que foi tao forte que a antiga celebracao desapareceu por si as saturninas, mas a igreja nao acabou com ela, passaram a existir as duas, criou a sua festa na mesma epoca paralelamente para fazer chegar a sua mensagem e converter os pagaos. pelo que consta a aposta foi tao boa e ganha que no mundo ocidental o natal passou a celebrar-se religiosamente como uma festa crista, quer dizer ganha totalmente nao , pois para os ateus, estes formataram a coisa dizendo que festejam um natal nao feligioso, mas nao demonstram que o natal nao foi criado pela religiao. O senhor esta naquela posiçao de tanto celebrar o natal. como o ramadao, como o yom kippur, a posiçao e a mesma em face das festas religiosas, porque como ateu nao tem posiçao, celebra o lado comercial de natal porque esta inserido numa sociedade que assim procede. Quanto a ser incorrente corrijo fazendo parte de um marxismo de esquerda, nao ha nada de incoerente, para uma ideologia em que a verdade e a logica coerente e argumentativa e uma batata. pois isso e o que nos quisermos a a argumentaçao que for mais conveniente e ninguem tem nada a ver com o que nos queremos e lhe chamamos. natal.
Sem imagem de perfil

De Daniel a 10.12.2015 às 13:45

Feliz saturnálias!
Imagem de perfil

De nervosomiudinho.blogs.sapo.pt a 13.12.2015 às 11:57

a bíblia não é um documento factual, é um conjunto de contos e metáforas que foram editadas ao longo do tempo. A bíblia é que se associou a uma festa já existente. o natal em dezembro é na sua origem pagão, antecede em muito o nascimento de "jesus", ponto final.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.12.2015 às 13:30

ponto final a treta, essa festa paga como e que se chamava? e que designou uma outra festa na mesma epoca de natal?
Imagem de perfil

De nervosomiudinho.blogs.sapo.pt a 13.12.2015 às 15:58

Saturnália que marcava o solstício de inverno. "jesus" não nasceu em Dezembro. Informe-se.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.12.2015 às 18:12

ha entao continue a celebrar as saturnarlias, nem ler sabe o que se escreve, o natal foi criado pela igreja no tempo do imperio romano como uma festa religiosa de celebraçao do nascimento de jesus, claro que a intençao nao era se havia uma certidao de nascimento de quando jesus nascera, mas de paralelamente celebrar uma festa religiosa chamada natal ao lado de outra chamada saturnalia, para esvaziar esta e converter os pagaos. mas este assunto ja esta mais que encerrado. o natal e uma festa religiosa e nao paga, ponto.
Imagem de perfil

De nervosomiudinho.blogs.sapo.pt a 13.12.2015 às 18:52

Eu sei ler e escrever. Agora tive que ler várias vezes o que escreveu para tentar perceber essa confusão. Leia um bocadinho mais, não há certidão de nascimento mas em dezembro não foi. A troca de prendas e o pinheiro são costumes pagãos, concerteza não faz isto porque não é pagão. O natal é o que cada um quiser, religioso ou não.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.12.2015 às 19:19

o pa voce anda muito confuso, entao acha que a igreja tinha essa mensagem de natal troca de presentes guloseimas e bebedeiras, isso eram as saturnalias, a mensagem de natal era outra, mas nao vale a pena explicar isso a ateus. finalmente percebeu que o natal a festa de natal e religiosa e foi criada pela igreja.
Imagem de perfil

De nervosomiudinho.blogs.sapo.pt a 13.12.2015 às 20:18

Eu tenho fé que esse comentário faz sentido, pelo menos na sua cabeça :)
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.12.2015 às 21:17

Ainda bem porque na sua e so areia. para quem entra a matar dizendo que a festa de natal, " a biblia e que se associou a uma festa ja existente" a biblia nao seu cabeça oca? qual biblia qual carapuça. E depois a biblia um livro de contos e metaforas, olhe seu cabeça oca a biblia e um livro que relata a vida fe um povo e as suas relaçoes com os vizinhos numa regiao da terra no medio oriente, descreve locais e zonas onde ainda e referencia para pesquisas arqueologicas, ao contrario do corao que nao serve para nada, e depois e um livro sobre a religiao desse mesmo povo tambem, nao e um livrinho assim inocuo cabeça oca.
Imagem de perfil

De nervosomiudinho.blogs.sapo.pt a 13.12.2015 às 21:49

A bíblia usa história de outros povos mais antigos, épico de gilgamesh, e sim foi editada. Para quem acredita no dar a outra face e amar o próximo esse comentário tem insultos a mais ;), pratique mais a religião que diz professar.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.12.2015 às 21:58

e pa voce nao sabe puto do que fala, a biblia fala da historia do povo hebreu, e a historia do povo hebreu principalmente o velho testamento, o novo ja tem a ver com o cristianismo, e das suas relaçoes com os povos vizinhos, podia saber alguma coisa de cultura geral que nao tivesse a ver com religiao mas nem isso sabe. cada vez que comenta mais se expoe a sua ignorancia, com que entao amar o proximo hein? ao menos pescou essa ainda bem.
Imagem de perfil

De nervosomiudinho.blogs.sapo.pt a 13.12.2015 às 22:09

Eu vou só dizer mais uma vez, a bíblia tanto velho como novo testamento, não é factual, tem episódios com referências e partes de histórias, mas não é factual, foi traduzida e copiada, com os erros inerentes. São metáforas. Vá, e siga mais os ensinamentos, amar o próximo que inclui não insultar gratuitamente, por aí.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.12.2015 às 22:28

como e que uma pessoa pode dizer tantos disparates seguidos a biblia foi "traduzida e copiada", voce nao sabe o que e a biblia rapaz, a biblia sao 66 livros que fazem parte da Bíblia. Eles incluem livros da lei, tais como Levítico e Deuteronômio; livros históricos, tais como Esdras e Atos; livros de poesia, tais como Salmos e Eclesiastes; livros de profecia, tais como Isaías e Apocalipse; biografias, tais como Mateus e João; e epístolas (cartas formais), tais como Tito e Hebreus.Cerca de 40 autores humanos diferentes escreveram a Bíblia. Ela foi escrita durante um período de 1500 anos. Os autores foram reis, pescadores, sacerdotes, oficiais do governo, fazendeiros, pastores e médicos. De toda essa diversidade surge uma unidade incrível, com temas em comum por todo o seu percurso.A Bíblia é dividida em duas partes principais: O Velho Testamento e o Novo Testamento. Em resumo, o Velho Testamento é a história de uma nação, istael, o povo hebreu , e o Novo Testamento é a história de um Homem, Cristo. de facto a biblia foi traduzida em todas as linguas e copiada tambem ha muitas passagems do corao que estao na biblia. se nao sabe estude. ha e desculpe la o insulto coitadinho do menino, va la toca a amar o proximo como mandou cristo.
Imagem de perfil

De nervosomiudinho.blogs.sapo.pt a 13.12.2015 às 22:41

Não sou um homem, criatura. Portanto a prensa foi inventada quando? Se calhar foi digitada num Mac book Pro e foram logo impressas duas milhões de tiragens. Fico-me por aqui porque vai morrer a achar que aquilo é uma história real e factual e a creditar no Adão e Eva.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.12.2015 às 10:40

Sabe o que lhe posso dizer, e duma ignorancia atroz acrca deste assunto gilgamesh eh eh eh. o que voce quer dizer da imptensa e nem sequer sabe em profundidade como nao sabe nada da bilia, e que a bibia depois da reforma protstante do sexulo xv xvi passou na europa protestante por influencia de martinho lutero a ser livre a sua impressao e distribuiçao, o prostestantismo defendia a livre leitura da biblia ao contrario do catolicismo que defendia que as pessoas,nao tinham conhecimentos para interpretar o que la estavam e nao era de interpretaçao literal, a descoberta da imprensa a proximou a biblia das pessoas em maior quantidade. a burrice tanto se aplica a homens como mulheres.
Imagem de perfil

De nervosomiudinho.blogs.sapo.pt a 14.12.2015 às 12:19

Oh deus, que o homem não compreende sarcasmo, confunde alhos com bugalhos acha que me está a ensinar alguma coisa sobre história ou religião.
Jorge, peço desculpa por lhe entupir os comentários.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.12.2015 às 12:54

o seu sarcasmo surge depois de demonstrada a sua ignorancia, voce nao sabe o que e a biblia sua iletrada, vir aqui dizer a biblia foi editada, a biblia os textos sao originarios, foram copiados primeiro a mao para outros idiomas da epoca e com o protestantismo impressa a primeira, a primeira biblia, va estudar , gilgamesh, ora essa.
Imagem de perfil

De nervosomiudinho.blogs.sapo.pt a 14.12.2015 às 13:00

"Eu vou só dizer mais uma vez, a bíblia tanto velho como novo testamento, não é factual, tem episódios com referências e partes de histórias, mas não é factual, foi traduzida e copiada, com os erros inerentes. São metáforas. Vá, e siga mais os ensinamentos, amar o próximo que inclui não insultar gratuitamente, por aí."
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.12.2015 às 13:04

Diga o que quiser invente faça o que quiser, quantos livros historicos tera a biblia?
Sem imagem de perfil

De HELENA a 09.12.2015 às 11:54

Sou agnóstica, e por acaso este é o primeiro ano que passo o Natal sem a família, por força das circunstâncias e também por opção.
Para mim o Natal é a época da hipocrisia por excelência, abracinhos e beijinhos agora e pontapés amanhã.
Nem sequer me dignei a por 1 enfeite e sinto-me bem.
Mas Natal para mim é data de reunião de família.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.12.2015 às 12:51

Essa e um tipo de familia agressiva violenta e disfuncional na maioria dos casos, nao tem nada a ver com a mensagem de familia do natal. mas a vida e assim mesmo.
Imagem de perfil

De leaovivo a 09.12.2015 às 14:01

Entao tens sido hipócrita muitos anos , porque te juntas só no Natal com a familia,
Se tens vá dar banho ao cão, isso é conversa de egoísta , ficas a saber tinha um cão que até nesta quadra ele me obrigava a colocar a arvore de natal, quando chegava ai dia 10 do dito mês, ele mesmo ia a arrecadação e trazia a arvore ao lombo ,
Sem imagem de perfil

De Joel a 09.12.2015 às 12:37

Dá mesmo para ver que nunca nem ao menos por curiosidade ou para poder criticar leu a Bíblia Sagrada. Desde quando Deus enviou uma pomba para anunciar o nascimento de Cristo? Esse facto que vc fala ocorreu depois de Jesus ser batizado nas águas por João Batista. Mateus 3 versículos 16 e 17.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.12.2015 às 12:55

ele confundiu com a visitaçao de maria a isabel, onde e anunciado o nascimento. mas e ateu.
Sem imagem de perfil

De Carlos Martins a 09.12.2015 às 12:55

Há dias em que é melhor estar calado, e hoje é um desses dias para si.
Uma verdadeira burrada aquilo que referiu, o chamado pontapé ao lado da baliza.
Graças a pessoas como você, que nada conhecem, mas muito falam e criticam é que a verdadeira religião está a ser descaracterizada....por pouco tempo, pois aqueles que não se arrependerem, vão em breve conhecer o tal menino que foi posto numa mangedora.
Jesus virá novamente em breve, pois as suas profecías estão quase todas completas, na próxima vez não para vir sofrer por si e por todos, mas virá com grande glória e poder, precedido de tal destruição, tal será a ira de Deus, que muitos vão pedir que rochas lhes caiam em cima.
Já ouviu falar do grande terremoto de Lisboa?
Leia Apocalipse 6:12 e entenda como estamos tão, mas tão perto do fim.
O terremoto de Lisboa foi o derramar da ira de Deus pelo que a igreja católica e os reinos daquele tempo devido à "santa inquisição" que assassinava os verdadeiros seguidores de Deus.
O Natal não foi contemplado na Bíblia tal como está divulgado nos dias de hoje, nada de festas, nada de prendas tal como a Páscoa nada tem a ver com ovos, chocolates e amêndoas.
O Natal foi o anuncio da salvação final ao homem, a Páscoa, hoje abolida por Jesus na cruz, era a festa de celebração do livramento do povo de Deus da escravatura no Egipto.
Leia a Bíblia, pelo menos como cultura geral, pois é o livro mais vendido em todo o mundo.
Sem imagem de perfil

De Guilhermina a 09.12.2015 às 14:38

Pois é verdade, nada sabem, porque não leem a Verdade.
Gostei da frase ´´aqueles que não se arrependerem, vão em breve conhecer
o tal menino que foi posto numa manjedoura.
Jesus virá novamente em breve, com grande Poder e Glória.
O Natal é mesmo grande consumismo e comer até mais NÃO.
DEUS o Abençoe.
Sem imagem de perfil

De s o s a 10.12.2015 às 00:03

li todos os comentarios, ate este, e nao tenciono ler mais. E sou obrigado a dizer o seguinte, embora nao esteja inspirado. A culpada nao é a biblia, o que quer que seja. Sejamos terrenos :existem pessoas, e algumas vocacionadas para contos de fadas e outros historias do arco da velha.
Sem imagem de perfil

De Joel a 09.12.2015 às 12:57

Dá mesmo para ver que nunca nem ao menos por curiosidade ou para poder criticar leu a Bíblia Sagrada. Desde quando Deus enviou uma pomba para anunciar o nascimento de Cristo? Esse facto que vc fala ocorreu depois de Jesus ser batizado nas águas por João Batista. Mateus 3 versículos 16 e 17.
Imagem de perfil

De golimix a 10.12.2015 às 10:49


Tão boa a tua resposta
Sem imagem de perfil

De Ana Soares a 09.12.2015 às 10:21

O presépio, para além de religioso, simboliza a família, por isso um ateu pode também ter um presépio.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.12.2015 às 11:39

Que contradiçao, afirma-se que o presepio para alem de religioso, pode tambem servir como simbolo de natal para os ateus que nao tem religiao nem simbolos religiosos
Imagem de perfil

De golimix a 10.12.2015 às 10:51

Explique-me só. Ser-se coerente é ser-se de uma rigidez inflexível e fazer tudo dependente de conceitos criados sabe-se lá porquê e por quem?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.12.2015 às 11:13

Ser coerente e quando alinhamos nossos pensamentos, sentimentos e ações com o nosso modo de viver,os nossos valores, um catolico nao pode praticar ou comungar valores ateus e vice versa sem estar a violentar a sua consciencia, no entanto sabe-se la quem criou esses valores e com que intençao, isso e tao irrelevante como quem criou os valores de um ateu, mas cada um tem que viver os seus e o seu mundo. de nada adianta sonhar com uma vida mais simples, se continuamos nos sentindo compelidos a comprar cada vez mais coisas, nos endividando a ponto de nos tornarmos escravos de trabalhos e rotinas de vida tão complicadas. De que vale expormos os nossos pensamentos, os nossos valores quando na nossa vida os nossos comportamentos e as nossas atitudes são completamente adversas, a atitude é sem dúvida muito mais importante do que as palavras. Não faz qualquer sentido defendermos valores que não pomos em prática na nossa vida. É fundamental sermos coerentes pois só assim seremos credíveis.
Imagem de perfil

De golimix a 11.12.2015 às 11:21

No entanto, não me parece que um ateu "festejar", ou dar importância, à época Natalícia como uma festa familiar, como um conjunto de tradições, seja assim tanta falta de coerência. Já conheço o Jorge há uns anos, pelo que leio, e acho que a atitude dele é coerente com a forma como ele vê a vida e a família.

Causa-me bem mais confusão a dita coerência de uns colegas meus que são Jeovás e que não vão aos jantares de Natal do serviço. Podem simplesmente encarar como um jantar de serviço, afinal não passa disso, que importa o nome que se lhe dá?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.12.2015 às 12:33

A falta de coerencia e evidente, mas eu ate compreendia se se dissesse, eu sou ateu, mas sou "obrigado" porque a minha familia nao e ateia, a celebrar o natal, e um sacrificio para mim mas eu cumpro-o com gosto a bem da harmonia familiar, isso para mim era louvavel, vir vangloriar-se de ser ateu para celebrar uma festa religiosa. se nao ve a contradiçao pois nao vou ser eu a dizer uma vez mais onde ela esta.

Quanto aos jeovas podem-se criticar mas nao por isso, embora sejam coerentes, o que choca nessa coerencia nao e alinhar os pensamentos sentimentos e acçoes com o modo de vida mas por exemplo que sacrificam a vida a sua coerencia, ao recusar tratamentos medicos,mas isso nao e coerencia e fanatismo.
Sem imagem de perfil

De ZMBarros a 09.12.2015 às 10:58

Ninguém dá o que não tem!
A noção e o conceito de perfeição existe, mas não existe nada perfeito na matéria e neste universo onde nos encontramos, tudo se degrada e tudo se transforma.
Então, se ninguém pode dar o que não tem ou não conhece e a perfeição não existe nas dimensões que conhecemos, porque sabemos que ela existe, desde que somos conscientes?
Sem imagem de perfil

De maria a 09.12.2015 às 11:02

eu tb. sou :) (atéia) e se há coisas que detesto é o consumismo estúpido desta quadra ! Ah, e aquele "espírito de natal" hipócrita que anda por aí. A caridadezinha da época ! Feliz Natal para todos :)
Sem imagem de perfil

De Teodoro a 09.12.2015 às 11:46

...na mouche!!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.12.2015 às 11:39

O que festejamos os ateus no natal?
Que raio de português !
Qual foi o acordo ortográfico aplicado ?
Sem imagem de perfil

De Teodoro a 09.12.2015 às 11:45

Bom dia Jorge, mais não seja festeje já não ser governado pelos bandalhos Portas/ Passos. lol
Sem imagem de perfil

De Pedro R a 09.12.2015 às 11:54

Se Natal significa, apenas e só, Nascimento, como se pode celebrar o Natal de outra forma?
Bem... Pode haver quem entenda que está a celebrar a conquista do campeonato pelo Sporting, se Alonso vencer um GP de Formula 1?...
Lá poder pode... mas é incoerente...uma imbecilidade!!!
Sem imagem de perfil

De FGV a 09.12.2015 às 13:22

O facto de achar que ser ou não ateu tem algo a ver com "inteligência" ou "perspicácia" demonstra muito sobre a sua consciência e conhecimento dos assuntos em causa. Depois disso, não creio que ninguém possa levar a sério a sua opinião sobre o Natal... por muito válida que pudesse ser.
Seja como for, um bom Natal para si e sucesso para o seu blog! :)
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 09.12.2015 às 14:41

De facto ser ateu não tem nada a ver com inteligência e perspicácia, mas a julgar por alguns dos comentários acima, ser católico definitivamente tem... e mais não digo

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.12.2015 às 14:54

tambem nao, tem a ver com origens,verdade e coerencia argumentativa, contra quem diz que celebra natal nao religioso como se isso existisse e nao comunga de nenhuns desses valores religiosos, se e ateu nao pode celebrar valores cristaos sem aderir a eles, essa a sua incoerencia.
Imagem de perfil

De naterradosplatanos a 09.12.2015 às 15:05

Ninguém realmente conhece o Jorge!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.12.2015 às 16:24

Entao nao conhecem, e um ateu que quer celebrar o natal.

gloria.......... e paz na terra aos homens de boa vontade.

Comentar post


Pág. 1/3








Estou a ler

Regressar a Casa

Rose Tremain

 

O Rapaz de Olhos Azuis

Joanne Harris

 

O jogo de Ripper

Isabel Allende

 






Visitas


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D