Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Onde anda o rigor alemão?

por Jorge Soares, em 22.09.15

volksvagen1.jpg

 

Imagem de aqui

 

Tudo começou com  um estudo que pretendia mostrar que os carros a gasóleo podem ser menos poluentes que os a gasolina, não se sabe muito bem como vai terminar, mas para já ficou bem à vista que o famoso rigor e seriedade alemães são se não um mito, pelo menos coisa do passado

 

O estudo descobriu que a Volkswagen, a jóia principal e destacada ponta de lança da indústria e economia alemãs, planeou e executou uma fraude de proporções gigantescas para vender como ecológicos carros que não só não o são como em alguns casos, segundo as noticias,  ultrapassam em mais de 40 vezes os limites americanos para emissões permitidas.

 

Em lugar de desenvolver motores realmente ecológicos e com baixas emissões, a empresa alemã desenvolveu um software capaz de manipular as emissões de modo a que nas medições o carro esteja dentro dos limites.

 

Os responsáveis alemães já admitiram que esta gigantesca fraude afecta não só os carros vendidos nos Estados Unidos, mas também muitos outros vendidos por todo o mundo, serão ao todo perto de 11 milhões de carros.

 

É difícil perceber como irá terminar tudo isto, não estou a ver que seja possível substituir o motor a 11 milhões de carros, que seria a medida lógica a tomar no caso de outra peça qualquer, mas é caso para perguntar: O que aconteceu com o tão famoso rigor e seriedade alemãs?

 

Entretanto a empresa perdeu mais de um terço do seu valor em bolsa nos últimos dois dias, pelo menos nos Estados Unidos vai ser muito complicado que alguma vez volte a recuperar o nível de vendas e por todo o mundo vai demorar anos a recuperar o prestigio que tinha até agora.

 

As primeira noticias diziam que os carros fabricados na Autoeuropa não estariam entre os afectados pela fraude, mas isso foi antes da noticia dos 11 milhões de veículos em todo o mundo. Quer-me parecer que não há forma de passar ao lado, mesmo que os carros fabricados cá não tenham os motores em causa, não há forma de fugir ao desprestigio da marca e À baixa de vendas que tudo isto irá causar.... A Autoeuropa é a empresa que mais exporta em Portugal, são muito más noticias para a economia portuguesa que tanto depende das exportações.

 

Nos últimos 4 anos ouvimos e sentimos muitas vezes o desprezo e a sobranceria com que alguns alemães olham para os outros povos, especialmente para os do sul da Europa, talvez tudo isto lhes ensine que afinal não são assim tão melhores que os outros. Quem sabe e agora percebem  que pessoas desonestas e pouco rigorosas há em todos os lados, até na Alemanha.

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:14

Posts relacionados

Related Posts with Thumbnails


21 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 22.09.2015 às 23:29


O problema dos carros fabricados na auto europa tem outro motivo e foi detetado na china, nao tem a ver com fraude desse tipo.

http://www.noticiasaominuto.com/economia/450640/china-manda-recolher-carros-um-dos-modelos-e-fabricado-em-portugal

"China manda recolher carros. Um dos modelos é fabricado em Portugal Problema afeta quatro modelos, um deles é fabricado exclusivamente em Portugal"

"Ao todo são 78 mil as unidades de uma filial chinesa da Volkswagen que foram chamados à oficina. Entre os quatro modelos de automóvel que estão a ser alvo de atenção, há um que é fabricado em Palmela, na Autoeuropa.

Em causa estão os modelos Golf, Tiguan, Scirocco, que é fabricado exclusivamente na Autoeuropa em Palmela, e na Magotan, a designação para o mercado chinês do Passat, como adianta o Diário Económico.

A informação sobre estas 78 mil unidades é revelada pela Reuters, acrescentando que se tratam de veículos importados.

Em causa estará um problema encontrado na coluna de direção, que poderá acionar o airbag do veículo."
Sem imagem de perfil

De M.G. a 23.09.2015 às 09:51

Na minha modesta opinião, assim como dos E.U.A. da Alemanha: "nem bom vento nem bom casamento".
Sem imagem de perfil

De Anonimo a 23.09.2015 às 13:15

Eu conhecia esse dito popular mas era referente aos nossos arquirivais espanhois. Em relacao a outros povos sera uma adaptacao.
Sem imagem de perfil

De M.G. a 23.09.2015 às 21:46

Caríssimo Anónimo,

Não é necessário possuir um Q.I. acima da média, para se perceber que o dito popular por mim empregue, e que muito bem escreveu: "referente aos nossos arquirivais espanhóis".
Foi por mim utilizado como ironia.
Entendido?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 23.09.2015 às 22:02

Concerteza, nunca duvidei disso, so do seu uso historico referente a uma coisa e que eu acho desadequado usar noutras circunstancias, precisamente porque desses outros lados nunca os ventos ou casamentos nos molestaram muito historicamente falando.
Sem imagem de perfil

De M.G. a 24.09.2015 às 11:29

Óbviamente, é a sua opinião.
E por aqui nos ficamos.
Sem imagem de perfil

De Anonimo a 24.09.2015 às 13:22

A minha opiniao? essa e boa eu nao tenho opiniao num dado objectivo que faz parte da nossa cultura popular e relacionamento entre paises. Portugal Espanha.

Alguem lhe chamou a atencao para o uso desapropriado do adagio, que nem como ironia faz sentido o seu uso da maneira que o usou e diz que e minha opiniao.
Imagem de perfil

De Kok a 23.09.2015 às 11:15

Quem diria...
Afinal eles (os alemães) também praticam a arte de bem vigarizar toda a cela?
Mesmo tendo consciência que não é correcto generalizar uma parte como o todo, não deixo de questionar como eles (outra vez os alemães) se arrogam no direito de criticar outros povos (incluindo os do sul e não só da Europa) e debitarem moralidades de cada vez que abrem a boca, mas para o exterior.
A VW é caso único no pais da "competência e da idoneidade"?

Akele abraço pah!
Sem imagem de perfil

De Anonimo a 23.09.2015 às 13:10

"Onde anda o rigor alemao?

Isso nao significa que os carros alemaes deixaram de ser bons, significa e que os gestores aldrabaram os produtos dando-lhe uma perfomance que nao tinham para cumprir determinados parametros legais de poluicao. Seria com intencoes competitivas?

Nao deixa de ser engracado que um dos paises mais poluidores do mundo e que mais se bate contra a adopcao de medidas ecologicas de impacto ambiental sendo um dos grandes consumidores de energias de origem fossil tenha detetado a fraude. como que dizendo voces preocupam-se muito com o ambiente mas depois aldrabam os parametros dos vossos produtos para serem competitivos. E assim enquanto nao houver normas universais em relacao ao ambiente para todos cumprir. e como a legislacao do trabalho as multinacionais tambem vao para paises asiaticos onde a mao de obra e barata e nao tem os minimos direitos que os ocidentais, as outras empresas por outro caminho podem seguir uma via de poupanca aldrabando quem sabe se nao e somente uma ponta do fio.
Sem imagem de perfil

De Patrícia Reis a 23.09.2015 às 13:50

Esquecem-se que esta marca criou apenas nome, imagem de marca, nada mais!! Os seus produtos foram sempre frágeis em termos de fiabilidade e durabilidade, especialmente a partir dos anos 90. Criou-se efetivamente um mito à volta desta marca que nunca correspondeu à realidade e agora com esta mentira, com este escândalo, descobriu-se isso.
Sem imagem de perfil

De Anonimo a 23.09.2015 às 14:26

Sera mas os carros de top sao deles. Se e so pelo nome voce la sabe. Eu prefiro-os pela robustez e durabilidade a comodidade dos franceses ate hoje assim penso
Sem imagem de perfil

De Patrícia Reis a 23.09.2015 às 13:49

Esquecem-se que esta marca criou apenas nome, imagem de marca, nada mais!! Os seus produtos foram sempre frágeis em termos de fiabilidade e durabilidade, especialmente a partir dos anos 90. Criou-se efetivamente um mito à volta desta marca que nunca correspondeu à realidade e agora com esta mentira, com este escândalo, descobriu-se isso.
Sem imagem de perfil

De Paulo a 23.09.2015 às 14:13

Só há uma pequena coisa que ainda não entendi... Quando uma viatura faz a inspecção em Portugal ou noitro país, o centro não usa nenhum software do carro. Limita-se a contabilizar os teores de gases do escape! Ora de esses teores passam, quer dizer que de facto estão dentro das normas. Diz-se que este problema detectado foi gerado pelo software do carro. Seja, mas a verdade é que afinal o carro não está a poluir senão seria detectado nas inspecções, certo? Acho isto muito mal explicado, não digo que não seja verdade, está é mal explicado.
Sem imagem de perfil

De Anonimo a 23.09.2015 às 14:29

Esse software detecta o "uso" do motor se e em andamento ou nao e pelo uso do volante se for em testes activa o dispositivo enganador. Se for em andamento polui a vontade.
Sem imagem de perfil

De Paulo a 23.09.2015 às 14:34

Sinto-me esclarecido. Muito obrigado.
Sem imagem de perfil

De C. M. a 23.09.2015 às 18:26

Veja aqui:
http://www.vox.com/2015/9/21/9365667/volkswagen-clean-diesel-recall-passenger-cars

Sem imagem de perfil

De Bela a 23.09.2015 às 14:35

Escândalo na Volkswagen

«Onze milhões de carros da empresa foram falseados nas emissões de gases.
O escândalo envolvendo a conhecida marca de automóveis rebentou, depois de a Agência de Proteção do Meio Ambiente (EPA) dos Estados Unidos ter acusado o grupo, ...»

É muito estranho terem sido só os americanos a queixarem-se!
Com tanto controlo nos outros países e ninguém deu por isso?

Vindo dos Estados Unidos, cheira-me a esturro!
Eles têm muito do género para vender. E a melhor forma de evitar a aquisição dos veículos dos outros, talvez seja apontar-lhe defeitos.
A táctica não é nova.

Imagem de perfil

De Jorge Soares a 23.09.2015 às 15:40

Eu não sei se tem lido ou visto as noticias, mas os responsáveis da VW já vieram a publico reconhecer que sim, que é verdade, que o software existe mesmo e está instalado nos carros.... logo, não percebo a dúvida.


Jorge Soares
Sem imagem de perfil

De Ti Xico a 23.09.2015 às 14:46

Eu gosto é de carros americanos. Ao menos esses não poluem nada. LOL.
Sem imagem de perfil

De JMC a 23.09.2015 às 16:00

A razão do "recall" na china é diferente do caso "detecatdo" nos EU e está relacionado com um problema no airbag do condutor.
É curioso que este escândalo venha de um pais onde circulam maioritariamente "banheiras" a gasolina com 3000cc,5000cc e mais, (nada poluentes...) e incida nos motores diesel. Será que sentem algum tipo de ameaça? ou será só hipocrisia?

Com esta "brincadeira", agora na VW só vão produzir carros que não passam dos 100Km/h (mas não pouem nada).

A norma EU6 já impôe valores ridiculos de 0.5 e 1.0 de CO, para os diesel e gasolina respectivamente.
Sem imagem de perfil

De Artur Pinto a 23.09.2015 às 16:28

Realmente pessoas correctas e desonestas existem em todo o lado... Até na Alemanha...
Mas realmente, às vezes dá gosto ouvir estas coisas... Só para ver se os Alemães engolem um pouco da sua sobranceria e mania de superioridade... Afinal são apenas humanos e tão aldrabões como todos os outros que fazem parte dos países que não são dignos de confiança... Depois das coisas que vem dizer e atirar em relação aos Portugueses, que não trabalham e vivem à grande, sabe bem saber que eles falam atiram pedras mas também tem telhados de vidro...

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor






Estou a ler

Regressar a Casa

Rose Tremain

 

O Rapaz de Olhos Azuis

Joanne Harris

 

O jogo de Ripper

Isabel Allende

 






Visitas


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D