Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Para que servem os votos dos portugueses?

por Jorge Soares, em 14.10.15

voto.jpgImagem de aqui

 

“Eleitores socialistas não votaram no PS para um Governo com o PCP e o BE”

Durão Barroso

 

Há pouco no telejornal ouvi Durão Barroso a dizer a frase acima e fiquei a pensar: E votaram para que o PS se abstenha na votação do orçamento da maioria? É claro que não!

 

Conheço algumas pessoas que votaram PS, mais que uma que costumava votar PSD  esta vez votou PS porque não queria que continuassem as politicas de austeridade, de saúde e de educação,  que estavam a ser seguidas até agora.

 

O PS é um dos partidos do  chamado arco do poder, quem vota PS é porque quer que seja este o partido que vá para o governo. Acredito que haja quem prefira um acordo com o PSD que com os partidos mais à esquerda, mas não estou a ver que essas pessoas no momento de colocar o voto na urna estivessem a pensar: "Este voto vai servir para viabilizar um governo do Passos Coelho e do Portas"

 

Nos últimos dias tenho ouvido as teorias mais mirabolantes sobre quem deve ou não governar, há muita gente que esquece que as  leis e os orçamentos não dependem só do governo, dependem da assembleia da república e dos deputados e feliz ou infelizmente a soma dos deputados de PSD+CDS não tem maioria.

 

Além de PSD e CDS há mais partidos em Portugal, partidos que tiveram votos para ter deputados, mais deputados que a antiga maioria e não, o facto de não terem ganho as eleições não os obriga a votar nas leis e nos orçamentos com os quais não estão de acordo.

 

Em Portugal a democracia é isto, as pessoas votam  em partidos que elegem deputados e esperam que esses deputados representem as suas ideias.

 

Da última vez houve mais pessoas a eleger deputados de direita que de esquerda  e tivemos que levar com Passos Coelho e com o irrevogável Portas durante quatro anos, esta vez houve mais pessoas a eleger deputados de esquerda que de direita, quer-me parecer que isso significa que há mais pessoas a querer mudar de governo que as que querem que este continue... é claro que podem haver outras formas de entender os resultados... mas a mim parece-me claro.

 

Durão Barroso pode tentar achar que quem votou PS é parvo, espero que o António Costa seja mais esperto e perceba o porque de haver tanta gente a votar PS.

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:04

Posts relacionados

Related Posts with Thumbnails


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 15.10.2015 às 20:44

Ultimamente andam por ai umas "lavagens cerebrais" a dizer que quem perdeu afinal ganhou as eleiçoes, ora bem quando os eleitores se apresentaram as urnas,votaram numa coligaçao e em diversos partidos,com programas diferentes concorrendo entre si, nunca votaram numa suposta junçao aritmetica e se assim pensavam os tais partidos derrotados deviam ter dito que posteriormente se a esquerda fosse maioritaria no parlamento se uniriam contra a coligaçao formando um governo alternativo ora tal nao aconteceu havendo uma tenue alusao a isso num debate pela representante do bloco, sem resposta do costa, tao certo estava da vitoria.e se o p. s. tivesse ido coligado ou anunciasse essa intençao teria uma derrota maior do que a que teve, mas este tipo de somas aritmeticas para alcançar o poder nao da legitimidade politica, muitos eleitores sentem-se enganados, o ps nao ganhou mas mesmo assim tem poder na oposiçao para nao deixar a coligaçao fazer o que quer se o cavaco der posse a paf.

A tradiçao portuguesa, e de quem ganha governa, se o ps tivesse ganho tinha legitimidade politica para fazer o que esta a fazer, assim quem ganha governa em maioria ou minoria, com alianças ou sem alianças, os outros partidos se nao concordam derrubem o governo no parlamento tem maioria para isso e e o local adequado, as pessoas votam para primeiro ministro nos candidatos que conhecem e se apresentam a debates, como candidatos ao cargo dao a vitoria a um mas depois surge outro a querer esse lugar mesmo tendo perdido somando os votos de todos os derrotados para alcançar o poder, pode estar na constituiçao que tudo isso e possivel, o que nao estava e na mente das pessoas quando foram votar mas as pessoas nao pensam na constituiçao quando votam, mas nos candidatos. e o costa depois de toda a austeridade e impopularidade nao conseguiu convencer o eleitorado a votar nele e nao na paf. para mim a grande vantagem e recuperaçao da paf começou quando tudo parecia estar a desabar no anterior governo com a saida do gaspar, e demissao irrevogavel do portas, e entao surge um coelho "corajoso" que perante uma coligaçao em frangalhos mantem-se firme escudado por um presidente da mesma cor politica e a partir dai as coisas foram mudando o o irrevogavel passou a revogavel e ganharam as eleiçoes por incrivel que pareça. o costa com tudo a favor nao conseguiu. pode por estas somas aritmeticas chegar formalmente ao poder, tera uma legitimidade formal mas quanto a mim falta-lhe a mais importante, a legitimidde politica, seguindo-o sempre esse estigma de um primeiro ministro que o e apesar de derrotado em eleiçoes, tal como o santana lopes quando substituiu o durao barroso

Comentar post








Estou a ler

Regressar a Casa

Rose Tremain

 

O Rapaz de Olhos Azuis

Joanne Harris

 

O jogo de Ripper

Isabel Allende

 






Visitas


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D