Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Podíamos ter um PCP mais engraçadinho?

por Jorge Soares, em 25.01.16

jerónimo.jpg

 

Imagem do Expresso

 

Jerónimo de Sousa é um politico da velha escola do Partido comunista, um homem sério  e ao mesmo tempo capaz de despertar a simpatia do povo. 

 

Ontem viu o Edgar Silva obter o pior resultado de um candidato comunista em todas as eleições presidenciais, isto apesar de todo o seu apoio e o da máquina do partido. Pior do que isso viu como Marisa Matias, a candidata do bloco de esquerda, ficava em terceiro lugar com quase o triplo dos votos de Edgar Silva.

 

Ante  a insistência dos jornalistas saiu-se com o seguinte discurso: "Podíamos arranjar uma candidata mais engraçadinha e com um discurso mais populista" ... "São opções e não quero critica-las" .... "Não somos capazes de mudar. Fazemos sempre a mesma opção por uma forma séria de fazer política"

 

Não tenho Jerónimo de Sousa como uma pessoa machista ou sexista, sei que é uma pessoa justa e ponderada, mas convenhamos que ontem as coisas correram mesmo mal, até no discurso. Mas numa coisa ele tem razão, o grande problema do Partido comunista e o que contribui em muito para estes resultados é a incapacidade de mudar.

 

O mundo mudou, o país mudou, os portugueses mudaram, só o partido comunista não muda, a distancia do PCP e dos seus dirigentes para o mundo real é cada vez maior, o discurso é cada vez mais ultrapassado e em consequência os resultados eleitorais são cada vez piores.

 

Podíamos ter um partido comunista moderno e mais engraçadinho? Podíamos, mas não será de certeza com Jerónimo de Sousa e/ou Edgar Silva. Não era má ideia olharem para o que se está a passar no bloco de esquerda, esquecerem os discursos bacocos e as ideias ultrapassadas, olharem para o mundo real  e não para o que se passou há décadas e de aí tirarem algumas conclusões.

 

Jorge Soares

 

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:50

Posts relacionados

Related Posts with Thumbnails


7 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.01.2016 às 23:03

e mais facil a cauda abanar o cao, agora que chegou a primavera marcelista
Sem imagem de perfil

De Maria G. a 26.01.2016 às 09:01


Mesmo até sendo ponderado.
Ter mau perder, por vezes é muito mau.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.01.2016 às 09:13

isso nao e uma questao de ter mau perder, tem principios inabalaveis,que o tornam escravo, por isso nunca sera engraçadinho ou tera engraçadinhas, tal como os conservadores de direita , eles os comunistas sao os conservadores de esquerda.
Imagem de perfil

De naterradosplatanos a 26.01.2016 às 10:45

Pois foi Jorge, as " varinhas larocas" é que tiraram votos ao PCP! Ponhamos o discurso delas numa cara façanhuda e veríamos os votos que conseguiriam. O J.S tem pois razão no que disse!
Imagem de perfil

De naterradosplatanos a 26.01.2016 às 10:46

Queria dizer " carinhas larocas" o iPad é que me contrariou!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.01.2016 às 12:04

isso entao significa que as caras vendem, o marketing politico, se for laroca vende, mas se for facanhuda nao vende nada nem o serio nem o popularucho. E uma questao de marketing ou de modas. bem pensando que ja uma amaral dias e uma drago ja la passaram.
Imagem de perfil

De Kok a 30.01.2016 às 20:44

É um facto que o discurso do PCP é estático e inimutável apesar das mudanças que acontecem no mundo. Ainda assim de Jerónimo de Sousa, para justificar a pequena percentagem de votos no seu candidato, não esperava uma declaração tão reles.
Se tivesse "voto" na matéria dir-lhe-ia: avante camarada, é tempo de mudança, é hora de dar lugar a outro!

1 abraço, Jorge!

Comentar post








Estou a ler

Regressar a Casa

Rose Tremain

 

O Rapaz de Olhos Azuis

Joanne Harris

 

O jogo de Ripper

Isabel Allende

 






Visitas


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D