Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





marcelo.jpg

 

Imagem de aqui 

 

“Agora temos o homem certo no local certo”

 

Segundo o Expresso, terá sido esta a frase utilizada por Jean-Claude Juncker, Presidente da União Europeia, ao referir-se a Marcelo Rebelo de Sousa no final de um encontro entre ambos.

 

Gosto do detalhe do "agora temos", pelos vistos não sou eu o único a embirrar com o ex morador do Palácio de Belém, pelos vistos lá para os lados de Bruxelas também não gostam muito dele.... vá lá a gente a perceber porquê...

 

Mas será mesmo Marcelo o homem certo no lugar certo? À primeira vista nota-se a vontade de marcar a diferença, de arejar e tentar desanuviar o ambiente... gostei muito do detalhe de mandar o carro com o motorista para cumprir o protocolo e chegar a pé, descontraidamente e sem aparato, pelo lado contrário... uma coisa mesmo à Marcelo e que nunca seria possivel com o senhor de Boliqueime... Imagino a cara dos seguranças quando ele disse que ia descer até ao parlamento, a pé!

 

Como sabe quem costuma cá passar, não votei nele, a minha candidata nas presidenciais era a Marisa Matias, mas confesso que gostei  deste primeiro dia, do discurso conciliador, sem ressabiamentos nem recados nas entrelinhas, um discurso positivo, cheio de esperança. Em suma, louva-se  que vá haver em Belém uma nova forma de estar, leve e descontraída... .

 

Só o tempo e as condições sociais e políticas do país dirão se Juncker tem razão e ele é ou não o homem certo no local certo, para bem do país e de todos nós, esperemos que o saiba ser, o país agradece.

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:26

Posts relacionados

Related Posts with Thumbnails


8 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.03.2016 às 13:05

não, parece-me que não essa ideia esta no discurso do ferro rodrigues na tomada de posse, mas adiante, esse não e o homem que estaciona sempre nos locais errados, foi bonito ver que a esquerda tem sempre cara de caso e nunca bate palmas.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.03.2016 às 13:09

http://rr.sapo.pt/noticia/48839/marcelo_e_o_homem_certo_no_momento_certo_diz_ferro?utm_source=rss

“Pelas suas características, conhecidas por todos, podemos dizer que tem a responsabilidade histórica de ser o homem certo no momento certo”. Assim se dirigiu Ferro Rodrigues a Marcelo Rebelo de Sousa durante o seu discurso na cerimónia de tomada de posse do novo Presidente.

Imagem de perfil

De Ssssstress a 10.03.2016 às 16:07

Não há como negar: Marcelo rebelo de Sousa tem mérito, é inteligente, é honesto e talvez não seja (muito) influenciável.
Vai ser um bom Presidente? Melhor do que Cavaco será certamente.
Mas como dizia um velho numa rua de Lisboa: ... deixa-o poisar.
Parece que foi notícia o facto de, após o discurso na Assembleia da República, o novo Presidente não ter sido ovacionado por unanimidade.
E depois? Se o assunto é por uma (falsa questão) de falta de respeito melhor seria que, quem assim pensa, tivesse o discernimento de perceber que falta de respeito seria aclamá-lo estando nitidamente contra o seu discurso, ou seja, seria um aplauso cínico.
Além disso, o tempo em que, perante os discursos presidenciais, as aclamações eram saudadas unanimemente com aplausos e gritos de apoio não foi um tempo que deixasse saudades.
Cumprimentos.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.03.2016 às 17:41

" tivesse o discernimento de perceber que falta de respeito seria aclamá-lo estando nitidamente contra o seu discurso, ou seja, seria um aplauso cínico."

para evitar isso, e por isso mesmo os nao hipocritas e coerentes marcam falta de comparencia. nao se vai por ser uma festa de vaidades.
Imagem de perfil

De Ssssstress a 10.03.2016 às 21:05

Precisamente anónimo, precisamente.
Os ausentes foram mais honestos e coerentes? Sim, talvez, até concordo.
Todavia dos que estiveram presentes e aplaudiram, fizeram-nos por estarem de acordo? E não me refiro "à esquerda". Ou só à esquerda.

Tenho que dizer-te que não gosto de anónimos. Nunca gostei e numa época (Portugal século XXI) onde não se persegue ninguém pelo que pensa e diz, ainda gosto menos.
Ainda assim permito-me (e digo-o sem sobranceria) responder-te. Gostava que desses a possibilidade de te ler no blog que decerto assinas (ou outra plataforma) para conhecer as tuas ideias e como as "defendes" e tentar perceber o que te anima, qual a tua perspectiva da vida e em que tipo de sociedade gostarias de morar. Pensa nisso!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.03.2016 às 21:56

deuxa la o anonimo, como argumento justificativo,stressstresss tambem e ca um nome que em relaçao a anonimo esta na posiçao zero.

o que eu digo e que a esquerdalhada nunca foi capaz de aplaudir nada, estavam ca com uma cara, para assitir cheios de rennies para evitar a azia e os enjoos mais valia nao terem ido.
Imagem de perfil

De Ssssstress a 11.03.2016 às 00:01

a diferença é que podes ler o que eu penso, e tu...
Achas que o que eu escrevi é um "argumento justificativo"?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.03.2016 às 10:58

o senhor tambem pode ler o que eu penso nos comentarios,no resto nao faço publicidade como o senhor e como outros tambem. mas eu referia-me "não gosto de anónimos" como se um stressstressss fosse um nome diferente de um anonimo.a esqueci-me "em que sociedade gostaria de morar", sem tirar nem por na ocidental e nos valores na qual se funda ate agora, democracias, liberdade de expressao, sistemas eleitorais, mercado livre, respeito dos direitos humanos etc.etc, e cada um tratando da sua vidinha sem grandes interferencias estaduais.

Comentar post








Estou a ler

Regressar a Casa

Rose Tremain

 

O Rapaz de Olhos Azuis

Joanne Harris

 

O jogo de Ripper

Isabel Allende

 






Visitas


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D