Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Afinal o dinheiro dá ou tira a felicidade?

por Jorge Soares, em 16.02.09

Euromilhões

 

Há uns anos atrás os meus colegas do departamento do lado conversavam entre si, o tema era o Euromilhões, conversa vai, conversa vem, até que um deles diz:

 

-Se me saísse o euromilhões, mandava a mulher para casa da sogra...e fazia-me à vida.

 

Pelo que sei, ele ainda não ganhou o Euromilhões, presumo que a mulher continua em sua casa, imagino que feliz à sua maneira, e ele ainda não se fez à vida, infeliz pelo que pude inferir da  conversa que escutei.

 

A semana passada recebi um mail em que se falava de um par de namorados que recebeu 15 milhões de Euros do primeiro prémio do Euromilhões. 15 milhões de Euros é coisa para arranjar a felicidade de muita gente, como vimos antes, mais de um se fazia à vida....

 

Neste caso o dinheiro fez com que não só o namoro acabasse, como que ambos os ex -pombinhos se enfrente numa batalha judicial para ver quem fica com os Euros da suposta felicidade. 

 

Dizia alguém no texto do mail, que imagino foi retirado de alguma noticia de jornal, que não fosse o dinheiro e já estariam casados.... ironia das ironias, neste caso, o dinheiro, pelo menos à primeira vista, não só não trouxe a felicidade, como converteu amor que se prometia eterno e de véu e grinalda, em guerra aberta com direito a audiências em tribunal e tudo. E isto porquê?.. porque o rapaz decidiu que queria partilhar um pouco da sua felicidade, ou seja dos 15 milhões, com os seus pais e irmãos... coisa que não agradou ao futuro sogro.

 

Com tudo isto, o dinheiro está desde 2007 numa conta bancária, à espera que o ex casalinho se entenda, ou que os tribunais decidam quem vai ser feliz, se vai ser só um ou ambos... é que 15 milhões dá para muita felicidade.... ou não!

 

Pessoalmente eu também acho que o dinheiro não dá a felicidade.... mas de uma coisa estou certo.... deve ajudar muito!

 

Detalhes vários sobre o caso, aqui:paginainicial/interior.aspx?content_id=1141546">http://jn.sapo.pt/paginainicial/interior.aspx?content_id=1141546

publicado às 21:56


34 comentários

Imagem de perfil

De DyDa/Flordeliz a 16.02.2009 às 23:50

"Falo sempre acreditando que o dinheiro do prémio era mesmo dos dois e que jogavam a meias, pois assim reza a notícia".

Também li e me ri do desfecho. Mas vamos lá deitar achas na fogueira que hoje está frio por aqui.

Bem neste caso até acho que deviam agradecer " à sorte" pois com ela evitaram a "pouca sorte" de se aturarem (casados) um ao outro.
Pobres (ou não ricos) já eles eram! Logo o dinheiro estar preso até que é um belo de um castigo para gente gananciosa.
E depois, mais uma vez lá vem o ditado "entre homem e mulher, ninguém meta a colher".
Se o dinheiro era dos dois (confiando na notícia) para que meteram o "bedelho" os sogros?!...
Assim, nem para os pais, nem para os filhos. BEM FEITO pois continuam à espera que a ”sorte” saia quando lhe apetecer.
Lá eles zangarem-se e acabarem o namoro… AZAR, ninguém morre por isso (espero eu!)!
Agora não saberem partir a meio o dinheiro?
Se no inicio o dinheiro era dos dois e até a conta bancária era conjunta, porque quando se zangaram passsou a ser diferente?
Há coisas que ultrapassam a minha capacidade de paciência. Especialmente quando o dinheiro em vez de felicidade traz o que há de pior nas pessoas. Maldade! Intolerância! Ganância! Cegueira!
Pena não ter saído a quem dele precisa e que haveria de encontrar um jeito de lhe dar bom uso.
Eu já sabes que se me tocara sorte levas com a lente que tanto queres!
Beijinho
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 17.02.2009 às 22:48

Olá

Se penarmos bem, tudo isto é o reflexo da sociedade em que vivemos, o dinheiro foi colocado à frente de tudo, da relação dos moços, da família, da amizade, da confiança.. o dinheiro é assim uma espécie de um deus... que apaga tudo o que está à volta... a isto tudo chama-se ganância.... como se 7 milhões e meio fosse coisa pouca.. eles querem os 15.

Eu não sei rezar.. caso contrário.. esta sexta rezava por ti.. pela lente :-).. tu jogas?

Beijinho amiga.
Jorge
Imagem de perfil

De DyDa/Flordeliz a 17.02.2009 às 23:17

Tento jogar! Como detesto fazer as cruzes no boletim vou adiando e muitas vezes acabo por esquecer.
Está prometido e como não somos namorados não há o perigo de nos zangarmos
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 17.02.2009 às 23:58

Olha, e tu sabes que podes guardar o papelinho com as cruzes de uma semana para a outra?.. e que assim ainda por cima aumentas as probabilidades?

E sabes que se não quiseres preencher as cruzes.. podes simplesmente e pedir um papelinho já preenchido?

Tu ganha.. please!


Imagem de perfil

De DyDa/Flordeliz a 18.02.2009 às 00:02

E tu achavas que eu ia preencher manualmente?
E achas que não o fazia aqui sentadinha no meu pc? Achas?
Eu esqueço mas é porque adio a tarefa pois faço-o na internet. Amigo gosto de modernices!
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 18.02.2009 às 00:06

Pronto... mas na internet deve haver maneira de fazer isso na mesma.

Eu faço com papelinhos mesmo.. tenho sempre a esperança que um destes dias metam o papelinho na máquina para ver se tem prémio.. e a máquina fique doida.. porque os números do prémio não cabem no visor!.. para ser sincero.. nem sei ver se tenho prémio ou não :-)
Imagem de perfil

De DyDa/Flordeliz a 18.02.2009 às 00:15

Que tal visitares aqui: https://www.jogossantacasa.pt/
E podes ainda fazer o teu registo e assim nem precisas conferir os números sorteados pois eles mesmo te mandam email a avisar que és premiado e o dinheiro cai no cartãozinho.
Acredita que é dos emails mais lindos que eu recebo.
Pena ser tão poucas as vezes e com tão poucos euros...
Sem imagem de perfil

De sininho a 17.02.2009 às 00:08

Não dá de forma alguma ..mas ajuda...


jinhos
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 17.02.2009 às 22:57

Sem dúvida.. o que eu faria nem que fosse com um daqueles 15 milhões :-)
Sem imagem de perfil

De xana a 17.02.2009 às 00:11

Já diz o ditado: "Dá Deus nozes, a quem não tem dentes..."
Só imagino que se fossem muito pobres e só tivessem um pão para comer, seriam capazes de se matarem para o outro não comer nada... Só assim se vê a verdadeira essência das pessoas. Metade desse dinheiro muuuuuiiiiittto mais do que algum deles teria a trabalhar no duro toda a vida e mais uns dias, para não contar que podem viver bastante bem só com os juros, mesmo da forma que as coisas estão neste momento. Para quê a ganância? Assim se vê o amor que por lá existia, se calhar estavam um com o outro por falta de alternativas, agora acham que com o dinheiro compram tudo, amor incluido. Há algo bem mais importante que o dinheiro, a saúde, e isso por enquanto não depende do Euromilhões, é certo que pode ajudar, mas não garante nada. Quando se ama de verdade, queremos que a outra pessoa seja feliz, mesmo que não seja ao nosso lado, mesmo que seja rica e nós pobres, quando se ama, isso não interessa, ali nunca existiu amor de espécie alguma, e isso é tudo o que se pode concluir, e lá diz o diatado: Dá .......
bjks
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 17.02.2009 às 23:03

Xana

O problema aqui é que não é deus que dá... porque sendo ele justo e generoso.. tinha repartido o primeiro prémio por umas dez pessoas e havia muita gente feliz.... assim, só há pessoas tristes e chateadas.

As pessoas são gananciosas, e não são capazes de se conformar com metade.. querem tudo para elas.

Quanto ao amor, ele pelos vistos existe... mas é ao dinheiro.. que namorados há muitos.. e com 15 milhões.. compras o que quiseres... ou mandas vir do mar do Norte :-)

Beijinho amiga

Sem imagem de perfil

De susana Rodrigues a 17.02.2009 às 00:32

O dinheiro tem o valor que nós lhe quisermos dar, é um meio de troca como outro qualquer.. talvez lhe demos demasiado valor e certamente que damos quando lhe colocamos - ou a qualquer coisa material - a responsabilidade de nos fazer feliz ou infeliz. Eu e o dinheiro ainda é uma coisa que não funciona muito bem. Aliás é algo com o qual ainda sou um pouco preconceituosa, com a burguesia e alta burguesia. Dizia-me um amigo meu ainda esta semana: Su tens que aprender a acreditar que mereces determinadas coisas. E também mereces coisas que o dinheiro pode proporcionar. E é verdade.
Quanto a este casalinho... está tudo dito... e só o sogro não ter gostado... no caso deles fizeram a escolha. E nós? Que escolha fazemos?
Um abraço para ti Jorge.
Su
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 17.02.2009 às 23:08

Olá Su.

O problema não está no dinheiro, está na ganância das pessoas... se há quem consiga ser feliz com o pouco que tem, há quem queira sempre mais.. e nunca seja feliz por mais que tenha....

Nós... já fizemos, escolhemos ser felizes como somos.. e a mim parece-me que conseguimos.... ou aquela tarde de Sábado não te preencheu um pouquinho?.. e não havia dinheiro nenhum por ali.

beijinho
Jorge
Sem imagem de perfil

De Ribatejana a 17.02.2009 às 07:08

Quem é feliz com isso tudo é o banco escolhido para albergar tão bela quantia. :)

Acredito que com menos posses continua a ser possível ser feliz. Mas não acredito no cliché "dinheiro não traz felicidade". Quanto a mim o dinheiro pode sim trazer felicidade. Traz qualidade de vida, ajuda a ter melhor acesso à saúde, melhor comida, melhor cultura ... Depende muito de como é gerido, como se encara o dinheiro e qual o nível de escrúpulos e de ambição de cada um. Desse ponto de vista acho que sim que pode dar condições para que as pessoas sejam mais felizes. Agora o que continua a não dar felicidade nenhuma é, aparentemente os sogros e as sogras continuarem a meter-se na vida de casal dos respectivos filhos. E em casos como este surgem logo não sei quantos lobos a tentar obter o seu quinhão e com medo que não chegue para todos. :) Por mais felicidade que possa trazer, o dinheiro será sempre motivo de brigas e não precisamos sequer de mencionar este caso. Basta mencionar as partilhas. É nesses momentos que o carácter e a ambição das pessoas se revela. Às vezes ainda a pessoa não morreu e já anda tudo a fazer contas à vida e a semear discórdias. Por isso é que eu não vou deixar cá nada. Vou gozá-lo até ao último sopro e ensinar os meus descendentes a "pescar" em vez de lhes dar o peixe. Talvez o casal desta notícia estivesse casado noutras circunstâncias, mas seria mas feliz? Não sabemos.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 17.02.2009 às 23:15

Olá

É mesmo isso, o dinheiro pode não trazer a felicidade, mas de certeza que traz com ele a maior parte das coisas que permitem que alguém seja feliz. O problema é que nem todos sabem lidar com isso.. ou com a felicidade.. e se encima existir ganância, como é o caso do casalinho.. então não há felicidade que aguente.

E tens razão, eu também acho que se eles não foram capazes de resolver esta situação.. nunca seriam felizes, com ou sem o dinheiro.

Jorge
Sem imagem de perfil

De miepeee a 17.02.2009 às 08:58

Ja tenho lido casos em que o dinheiro acaba por destroir relacoes. Neste caso fiquei se perceber porque e que o sogro teve de meter o nariz no assunto, mas isso agora tambem nao interessa nada.
Nao acredito que o dinheiro traga felicidade e muito menos paz de espirito. Por exemplo que saisse o Euromilhoes ia ter amigos da onca, olha logo eu...ahaha. depois iria ter medo que alguem tentasse raptar a minha ou mesmo a mim, so por causa do dinheiro, logo teria de andar com guarda costas. Naaaaa, nao quero que me saia o Euromilhoes, prefiro continuar a assim, pelo menos nao me chateio e tenho paz.
Beijinho.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 17.02.2009 às 23:24

O problema não está no dinheiro, está no facto de as pessoas não saberem lidar com ele.

Não, o dinheiro não traz a felicidade, mas como dizia alguém, traz os meios de se chegar a ela... não há que ter medo dele.

Jorge
Sem imagem de perfil

De Sad Tear a 17.02.2009 às 12:45

então não ajuda....
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 17.02.2009 às 23:27

claro que ajuda!
Sem imagem de perfil

De Sónia Pessoa a 17.02.2009 às 15:01

Ajuda concerteza... mas neste caso, não percebo qual é a dificuldade de dividir ao meio, 50/50... era tão fácil... já tinham ido de lua de mel e tudo!... enfim... jinhos
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 17.02.2009 às 23:29

A dificuldade está em que 50% não lhes chega...eles querem tudo.. pelo menos o sogro :-)

Mas se calhar foi melhor assim.. duvido que alguma vez fossem felizes.. se nem sabem dividir por 2 :-)

Jokas
Imagem de perfil

De Pedro Oliveira a 17.02.2009 às 15:21

Não dá felicidade, mas lá que a pode comprar....pode.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 17.02.2009 às 23:30

Olá Pedro

E tu achas que tal coisa se vende?.. a mim não me parece... o que se pode comprar são problemas e dores de cabeça.. a felicidade conquistasse.. o que se pode comprar são coisas para chegar mais perto dela.

Abraço
Jorge
Imagem de perfil

De aespumadosdias a 17.02.2009 às 15:36

O pior é sabê-lo gerir e não gastar tudo sde uma vez. Mas numa conta bancária também não.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 17.02.2009 às 23:33

E como é que se gasta 15 milhões de uma vez?.. uma conta bancária dá jeito.. nos tempos que correm é preciso é saber escolher o banco :-)

Abraço
Jorge

Comentar post


Pág. 1/2



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D