Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Somos uns tristes?????!!!

por Jorge Soares, em 06.05.09

Triste?

 

Há muito que não falo aqui de sondagens ou inquéritos, este blog está a ficar muito sério, não pode ser.

 

Hoje, ao passar os olhos pelos titulos do DN chamou-me a atenção o seguinte titulo:

 

Portugueses são os mais tristes da Europa

 

A noticia que podem ler aqui, entre outras coisas diz o seguinte:

 

"De acordo com uma sondagem publicada, hoje, no jornal inglês The Economist, 92 por cento dos portugueses vêem a situação económica como má, 95 por cento estão deprimidos e mais de metade estão descontentes com a vida que levam."

 

Fiquei chocado, 95 por cento estão deprimidos!!!!!!, eu até percebo que os famosos 6 milhões de benfiquistas estejam tristes, a coisa não correu bem este ano, e que os Sportinguistas estejam pesarosos, mas 95% estão deprimidos???.. poupem-me.

 

Seremos assim tão tristes?... ou os ingleses não sabem fazer sondagens?

 

Jorge

PS:Imagem minha... 

publicado às 22:10


24 comentários

Sem imagem de perfil

De Tudo SobreTudo a 06.05.2009 às 23:39

Não somos uns tristes: Fazemo-nos é de tristes! Somos um povo com muito para ser feliz, se dessemos valor ás coisas boas da vida e menos importancia a mesquenhices! Se deixassemos de ser consumistas desmedidos e simplificassemos a nossa vida... como disse: Fingimo-nos de tristes para nos andarmos sempre a queixar... porque no fundo, se nós somos uns tristes, o que são aquelas pessoas que estão em Guerra, em constante ataque, em pressão... etc... esses sim têm motivos para serem tistes mas mesmo assim vemo-los ai cheios de convicção e força!!
E com isto tudo ganhei vontade de escrever um post sobre isto... ora bolas!!!
TST
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 06.05.2009 às 23:44

Olá

É exactamente o que penso.... era isso que queria dizer.... mas hoje não é um bom dia para escrever..

Não somos nada tristes... espero que o teu post saia melhor que o meu

Jorge
Sem imagem de perfil

De stiletto a 07.05.2009 às 08:44

Bom, 95 % de deprimidos?! Os ingleses não sabem fazer sondagens, realmente. Na verdade há muitos portugueses a tomar antidepressivos mas não são tantos. Muitas vezes as pessoas não sabem reagir ou resolver os problemas e preferem recorrer a um comprimido para que o mundo lhes pareça mais colorido. Com a quantidade de luz do sol que nos recebemos devia haver ainda menos deprimidos. As queixinhas constantes já fazem parte da natureza de ser português. A culpa é do Fado.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 07.05.2009 às 23:35

Em todos os lados há pessoas que passam fases piores, mas de aí a dizer que somos um país de deprimidos..

Eu acho que somos um povo normal, com uma ponta de saudade e algum fado ... mas longe de sermos um pais triste.

Jorge
Imagem de perfil

De Pedro Oliveira a 07.05.2009 às 09:54

Vamos tentar fazer contas, somos 10 milhões:
20% de Pobres dá 2 milhões
200 000 professores
500 000 desempregados
e considerando que 80% dos garotos são do benfas e do SCP
Mesmo assim não dá 95%.Conclusão os "bifes" não sabem fazer sondagens.
Mas que isto está tudo lixado com efe grande lá isso está.
abraço
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 07.05.2009 às 23:57

Olá Pedro

Eu não sou assim tão pessimista, as coisas não estão fáceis, mas também não estão assim tão mal....

Os bifes são uns nabos.... :-)

Abraço
Jorge
Sem imagem de perfil

De Margarida a 07.05.2009 às 10:28

Ola',

Nao sei, nao...
Os Bifes sao obsecados por sondagens, fazem-nas a torto e a direito...
Eu diria que os portugueses sao pessimistas, sim, e gostam muito de se queixar sendo incapazes de ver todas as bencaos gigantes que recebem diriamente.

Tem uma luz e um sol incriveis, tem um pais seguro onde se pode levar uma crianca para um parque infantil sem ter medo de se ser assaltado, tem umas praias maravilhosas, tem um campo lindo, tem comida de boa qualidade, tem estudo psico-sociais gratuitos quando querem adoptar uma crianca, tem as criancas mais giras da Europa, no meio disso tudo, sao uns stressados, conduzem sem respeito pelos outros condutores, acham que a crise mundial que atravessamos e' 1000 vezes pior ai, e em vez de gozarem as coisas boas que tem, alimentam muito a cultura do lamento...
Claro que numa sondagem, disseram que estava tudo mal, que estavam descontentes, que viviam pior que ha' 5 anos atras, que se sentiam deprimidos e por ai fora...

Se se deixassem de snobeiras, se tornassem mais simples, nao digo que comecassem a fazer os detergentes em casa como eu malucamente (e com muito alegria) faco, mas comecassem a distinguir o essencial do que nao e', e comecassem a apreciar as pequenas coisas da vida, olha, o mundo dava uma grande volta.

Nao culpem os bifes, nao, e' mesmo um elemento cultural, nos gostamos muito do nosso violino!!!

Beijinhos
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 08.05.2009 às 00:00

Uma coisa é sermos pessimistas e negativistas... outra muito diferente é sermos todos um deprimidos... há que saber ler as respostas....

Jorge
Sem imagem de perfil

De Sad Tear a 07.05.2009 às 10:29

Acho que damos mais importancia ás coisas más do que ás boas... não paramos de nos lamentar quando algo mau acontece e raramente aproveitamos os bons momentos... depois fica tudo deprimido! LOL
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 08.05.2009 às 00:11

Ora nem mais, somos o povo do copo meio vazio...e muitas vezes ele até está a encher....

Jorge
Sem imagem de perfil

De Ribatejana a 07.05.2009 às 14:04

Não acho que SOMOS. Acho que alguns de nós (maioria, pronto!) ESTAMOS pessimistas com a situação do país. Mas acho que não há mesmo como manter o optimismo com o cenário actual. Ainda assim acho essas sondagens um pouco exageradas.

Tb já por diversas vezes ouvi e li chamarem-nos deprimidos (os brasileiros sobretudo). Acho que alguns turistas pegam no lisboeta e na pessoa que trabalha em Lisboa, para criar um "profile" do que é ser português e além de o fazerem de forma errada tb confundem o formalismo português com um estado de apatia, depressão, mau humor, o que lhe queiram chamar... acima de tudo acho que ha muito desconhecimento do que é ser português. Ainda assim não nego que temos todos um pouco de fado em nós, somos um pouco melancólicos tb, mas isso para mim faz parte do nosso charme. Tristes acho que não!! Absolutamente.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 08.05.2009 às 00:14

Olá

Bom, se compararmos com os brasileiros.. ou com os Venezuelanos que conheço bem, definitivamente somos uns tristes, são povos que passam a vida numa festa permanente, mas também não podemos ir ao estremo oposto, além disso, os ingleses não são precisamente o exemplo de um povo feliz.

Somos algo pessimistas é verdade, mas não somos assim tão tristes....

Jorge
Sem imagem de perfil

De iris barroso a 07.05.2009 às 15:12

Depende dos critérios que eles usaram para definir tristeza.

Ainda no mês passado, recebi uma amiga polaca que está a estudar e a viver em Londres e que me disse, durante toda a semana que cá esteve, que nunca vira povo mais feliz, meigo e bem disposto que o nosso. Que está farta de estar em Londres e que não suporta o "taciturnismo" compulsivo dos bifes.

Se eles acham que tristeza é sinónimo de desapontamento, então isso devemos ser. No entanto, não acho que sejam sinónimos.

Abraço,
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 08.05.2009 às 00:16

OLá

Pois, tudo depende com quem nos estamos a comparar... estou plenamente de acordo.

Beijinho
Jorge
Imagem de perfil

De cigana a 07.05.2009 às 17:20

Dizem que os portugueses sempre gostaram de se queixar, que têm o complexo de vítima. E agora com a crise, a desgraça é completa!
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 08.05.2009 às 00:22

Isso são as más línguas... os ingleses tem é inveja do nosso sol..... eu bem sei.

Beijinho
Jorge
Sem imagem de perfil

De MANUELA FREITAS a 07.05.2009 às 19:06

É pá não sei se é do dia, mas hoje sinto-me triste!!!
Desculpa entrar com esta laracha, mas acho que os ingleses têm razão! Diz-me lá que motivos temos para estar contentes??? Basta ligar a TV, ficamos de cara à banda com os políticos portugueses, estamos entregues a uma cambada de novos-ricos (labregos),trafulhas e charlatões, e não vejo saída para isto.... e fico-me por aqui
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 08.05.2009 às 00:24

Olá

Tá bem...se o problema é a televisão...desliga-se e já está.... não?

O país está mal..mas nós continuamos a viver como se nada fosse, pelo menos a maioria.

Jorge
Imagem de perfil

De entremares a 07.05.2009 às 19:32

“Considera-se uma pessoa feliz?”
Hum… como primeira questão de um inquérito, a coisa promete. Isto de ser feliz tem que se lhe diga… mas pronto, vamos lá colocar uma cruzinha no “sim, medianamente feliz”.

“Considera a sua vida familiar harmoniosa?”
Bem… depende do significado de … harmoniosa. Se estiver implícito que de vez em quando todos temos o direito de arranjar uma pequena briga, mais que não seja porque a filha adolescente chegou demasiado tarde a casa… então é claro que sim. Mas que pergunta tão vaga… vamos lá colocar a cruzinha no “ de um modo geral, sim”.

“ Mantem o seu posto de trabalho há mais de cinco anos?”
Felizmente, posso responder que sim.

“Profissionalmente, foi promovido ou transitou para um escalão hierárquico superior, nos últimos dois anos ?”
Que pergunta… suponho que quem imaginou este inquérito não sabe o que é ser funcionário público; ou será que copiaram estas questões de outro inquérito ? Provavelmente…. Bem, vamos lá colocar a cruzinha aqui no quadradinho do não.

“Considera a sua remuneração adequada ao tipo de trabalho que desempenha ?”
Só podem estar a brincar… mas quem é que fez estas perguntas, estarão a viver no mundo da lua, ou quê ? Então temos a média de salários mais baixa de toda a Europa e ainda por cima querem saber… se estamos felizes com isso ? Eu já lhes digo… cruzinha no não, descaradamente.

“Gostava de trocar de viatura com uma frequência maior à actual?”
Ora bem… finalmente uma questão que eu percebo. Pois é claro que gostava, vamos lá colocar aqui a cruzinha no sim…

“Já se sentiu, durante o último ano, deprimido ou pessimista em relação ao futuro?”
Como é que adivinharam ? Não é preciso ser vidente para saber a resposta a esta questão. Aliás… que tipo de tratamento irão eles dar a estas respostas ? Gostava bastante de saber… mas vá lá, vamos lá aqui responder que sim ao pessimismo…

“ Numa escala de 0 a 10, como classificaria o seu estado de felicidade actual?”
Olha, olha… pergunta engraçada… vamos lá a pensar… se o 10 é a felicidade suprema… o 0 deve ser o cúmulo da pobreza, da doença, dessas coisas todas, que tragédia… bom… vamos lá colocar aqui um 7… pensando bem, a vida não são só tristezas…

“ Numa escala de 0 a 10, como classificaria o seu estado de felicidade, há dois anos atrás ?
Olha que pergunta idiota… qual é a finalidade disto ? Se é só para perceberem que existe uma coisa chamada crise, então está bem, vamos lá colocar a cruzinha aqui no 8… mas continuo a não ver a lógica de pergunta tão disparatada…

“Considera-se uma pessoa religiosa?”
Para que querem eles saber isso ? Julguei que o inquérito pretendia classificar o grau de felicidade das pessoas… agora também querem obter dados estatísticos sobre a religião ?
Hum… vamos lá responder que sim… acho que sou religioso…

“Considera-se uma pessoa política?”
Cruzes… é que nem pensem nisso… estou farto de política até à raiz dos cabelos… e dos políticos, ainda mais. Portanto, um não descarado a esta…

“ Já tomou, nos últimos dois anos, algum medicamento receitado pelo seu médico, de natureza anti-depressiva ?”
Parece uma daquelas perguntas dos seguros de saúde… você é um tipo saudável, blá-blá-blá… o que andei eu a tomar ? será que aqueles comprimidos da falta de apetite também contam ? Ou os da insónia, quando o ar condicionado avariou, e ninguém conseguia dormir lá em casa, por causa do calor ? É melhor responder que sim…

“ Última pergunta: Se lhe dissessem que mais de 90% da população se sente triste, infeliz e pessimista com a actual situação económica do país, acreditava ou não ?”
Se me dissessem… pois é claro que acreditava… aliás, os únicos que não devem andar infelizes…. Só se forem mesmo os políticos, que esses não precisam de contar os tostões ao fim do mês… portanto, é claro que sim, claro que acredito, a percentagem até deve ser maior…

(continua...)
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 08.05.2009 às 00:26

Olá

Eu sei que já escreveu um post com este comentário... mas será que era muito abuso eu fazer o mesmo aqui?.... este é um comentário que bem o merece.

Abraço
Jorge

Comentar post


Pág. 1/2



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D