Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

Apareceu vivo no seu próprio funeral

Imagem do Público

 


.... al cabo de unos dias
de haber desaparecido
encontraron unos huesos
huesos muy parecidos
le hicieron un gran velorio
le rezaron la novena
le perdonaron su deuda
y lo enterraron con ella


Y no estaba muerto, estaba de parranda

 

Há bem mais de 15 anos que não ouvia a música, curiosamente este verão durante as férias voltei a escutar. Pelos visto há músicas  que se tornam realidade,  ontem quando via o telejornal e deram a noticia o primeiro que me ocorreu, foi:

 

Y no estaba muerto, estaba de parranda.... e não estava morto, estava a festejar!

 

Podem ler a noticia no Público online

 

Ademir Jorge Gonçalves passara afinal aquela noite num bar de estrada a beber cachaça com amigos e só soube que tinha sido dado como morto no dia seguinte quando – como é hábito no Brasil – já decorriam as cerimónias fúnebres, explicou a sobrinha do suposto finado, Rosa Sampaio, ao jornal brasileiro “O Globo”.

Já o velório decorria há cinco horas quando Ademir apareceu na funerária, às 8h da manhã (locais) e se identificou como sendo a pessoa que estava a ser velada pelos familiares.

 

Ora, entre estar morto ou a beber uns copos, até eu preferia estar nos copos!

 

Para quem gosta de dançar, aqui fica o vídeo

 

 

Jorge Soares

 

publicado às 21:15


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Sara a 08.11.2009 às 10:02

"Oi! Daqui fala o morto...", bem Jorge já me fizeste rir logo de manha :) E a música excelente!!! Já deu para uns passitos de danca aqui em casa e tudo... Bom Domingo

Beijinhos, Sara
Sem imagem de perfil

De Sara a 08.11.2009 às 10:17

e por falar em excelentes músicas e defuntos que se "apresentam" no próprio velório aqui fica http://www.youtube.com/watch?v=k33E1C5YqW8
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 08.11.2009 às 22:33

As coisas de que tu te lembras.....

Beijinho Sara
Sem imagem de perfil

De stiletto a 08.11.2009 às 22:04

Essa notícia não vi mas a ti nada te escapa lol.

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D