Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Marketing directo:O que é demais é molestia

por Jorge Soares, em 29.01.10

Crédito fácil

 

Já aqui falei várias vezes do meu mau feitio, sim, eu tenho mau feitio, e para além do mau feitio, há muito que perdi a vergonha. Até ao fim da adolescência era muito tímido, um dia dei por mim a perder a vergonha...e acreditem, não há nada pior que um tímido ressentido de anos de vergonhas.... e de vez em quando passo-me.... hoje foi um desses dias.

 

Recebi um cartão de crédito novo, com ele vinha o numero de telefone para onde devia ligar para o activar, é o segundo que recebo em poucos meses, o anterior tinha sido substituído por razões de segurança, já da outra vez não tinha gostado, hoje decidi que era demais.

 

Ligo o número, passo incólume pelo atendimento automático e finalmente, depois do aviso que tudo o que eu disser será gravado para minha segurança, chego à parte que interessa. Atende-me uma menina, lá explico que quero activar o cartão, ela pede-me a data de nascimento e mais uns dados, e cartão activado. Eu tinha mais umas questões para colocar, mas antes de poder falar, ela começa a debitar uma serie de informações que eu não pedi e que tem a ver com marketing de crédito.

 

Ora, eu estou farto dos telefonemas e das mensagens deles com ofertas de crédito, e acho que ter que levar com eles quando ligo para a assistência é demais, tentei interromper a menina, e explicar-me.. em vão, ela tinha mesmo que debitar aquilo tudo... aí foi quando o meu mau feitio veio ao de cima:

 

-Desculpe lá, eu liguei para activar o cartão e pedir informações, não para levar com o marketing dos créditos, a seguir eu já lhe vou perguntar para onde reclamo por causa disso, agora pode responder às minhas questões? - Esta ultima parte já foi num tom a dar entender que era a sério.

 

Fez-se silêncio, ela estava a engolir em seco, mas lá concordou em responder às minhas questões.... eu perguntei, ela respondeu, muito profissional.

 

-Agora que já estou esclarecido, diga-me por favor para onde faço a reclamação sobre o marketing aos créditos?

 

Aqui a menina ficou muda... após uns segundos pediu-me para aguardar e deu-me musica... uns 20 segundos, depois voltou.

 

-Como toda a comunicação foi gravada, a sua reclamação está registada!

-Não me entendeu, eu sei que fui gravado, mas também sei que ninguém me vai ouvir, vocês de certeza que tem uma forma de receber as reclamações dos clientes, um número de telefone, um email, certo?

-... sim

-Bom, e pode-me dizer qual é?

 

De novo silêncio, um novo pedido de desculpa e mais música..... passado algum tempo, lá voltou, ela mesmo ia aceitar a reclamação.....e claro, levou com a missa toda.

 

Senhores do Barclays, se acham que eu vou esquecer isto, estão enganados, se daqui a 15 dias não me tiverem contactado, vão levar comigo outra vez, porque eu vou querer uma resposta... podem ter a certeza.

 

O marketing telefónico é uma praga, já aqui expliquei como tratar as meninas que me telefonam a oferecer dinheiro, foi neste post, por norma é sempre um momento de boa disposição, mas o que é demais é moléstia, quando telefonamos a pedir esclarecimentos ou ajuda não temos porque levar com ofertas de dinheiro, não abusem.

 

Jorge Soares

 

publicado às 21:27


15 comentários

Sem imagem de perfil

De xana a 29.01.2010 às 23:12

Pois... eu fui mais longe... e enviei carta registada, a relatar o que me aconteceu, e a dizer que não aceitava mais chamdas de telemarketing, com aviso de recepção... Se resultou? Não me deram resposta à carta, mas também deixei de ser importunada por telefone. Continuo a usar o cartão quando tenho necessidade, e pontualmente recebo um sms para me aliciarem a endividar-me, mas daí a telefonerem-me, não. Eu depois, de ter recusado educadamente um seguro, após massacre da "menina", e após a chamada ser dada por terminada, soltei uns impropérios. A menina, ligou-me novamente para me perguntar o que eu tinha dito e me ameaçar... Olha com quem ela se foi meter, logo comigo... eu fui educada, e várias vezes disse que não tinha necessidade do produto oferecido, que já tinha, e por aí adiante. Ela resolveu insistir, eu a manter a calma a dizer que não, ela a insistir, eu a dizer que não, até que por fim lá se seu por vencida, e claro quando ela disse obrigado por ouvir a chamada, adeus, eu olhei para o telemovel e a chamada estava terminada... Soltei um "filha da mãe, chata como o c------." O telemóvel tocou de imediato, atendi, sai a menina do marketing novamente a perguntar "Disse alguma coisa???" Com quem ela se meteu... levou resposta óbvia, que depois de eu desligar, não tinha nada a ver com o que eu disse, que sou livre de dizer o que me apetecer, que foi ela que ligou para me chatear, e que nunca fui mal educada durante a chamada, portanto depois da mesma terminada, diga eu o que disser, ela não tem que me ligar a perguntar nada, muito menos ser mal-educada e ameaçar. Era mesmo o que faltava, importunarem-me, e ainda me ameaçarem... A carta deve ter surtido efeito, não voltaram a chatear-me.
Bom fim de semana, bjks

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D