Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Postais de Cabo Verde

por Jorge Soares, em 09.02.10

Achada de Santo António, Praia, Cabo Verde

Imagem minha do Momentos e olhares

 

Normalmente enviamos os postais quando nos encontramos nos lugares... eu até fui carregado com o portátil, afinal vivemos na era da internet e estamos sempre comunicáveis desde qualquer lugar.... bom, mais ou menos. Este será portanto um postal especial, porque é enviado desde o conforto da sala da minha casa... um postal em que para além de vós, também eu estou à distância do lugar e do momento.... mas não deixa de ser um postal.. veremos se o consigo ilustrar.

 

É difícil descrever a cidade da Praia, a primeira impressão é que está tudo a meio construir: as ruas, os prédios, as casas, e o que não está meio construído, está degradado e a precisar de obras. As ruas são de paralelepípedos e exceptuando as mais centrais, os passeios são de terra ressequida. Mas mesmo assim a cidade é limpa, não há lixo pelo chão nem pelos cantos.

 

As pessoas são simpáticas e por norma recebem bem, mas a vida é para levar com alguma calma, o stress é algo que existe algures na Europa, não no centro do atlântico.

 

Quando andamos pela cidade a sensação com que ficamos é que a Praia é a cidade dos serviços e repartições públicas, porta sim porta não há algo ligado ao governo, o comercio tradicional há muito que deu lugar às lojas dos chineses e para além delas pouco mais há, ainda hoje me pergunto de que vive tanta gente.

 

Fazendo jus ao seu nome, é uma cidade que fica frente ao mar, mas ao contrário do que se possa pensar não é uma cidade virada para o mar, apesar dos 24 ou 25 graus da agua do mar, as praias estão descuidadas e raramente se vê lá alguém, não há um porto e os raros pescadores que vi andavam aos pares em barcos a remo.

 

As coisas nos supermercados são caras, os produtos são os mesmos de cá e aos preços de cá ou mesmo mais caros, os restaurantes são a baratos, sendo que os mais caros são a preços de restaurantes médios de cá, come-se excelente peixe... mas lá está, não tenha pressa.

 

Depois há coisas que nos colocam os cabelos em pé, precisamos de vários documentos do tribunal, sentenças, autorizações, certidões, não houve um único que saísse bem à primeira, ou eram os nomes trocados, ou as datas, ou ambas as coisas, tudo vinha e voltava para ser corrigido e depois voltava, com outros erros... para nós que precisávamos dos documentos com tempo para entregar na embaixada e tratar de vistos e autorizações, era de arrepiar,... 

 

A internet no hotel era cara, muito cara, 6 Euros à hora, dispus-me a pagar....  é claro que wireless a funcionar só na recepção e ali à volta, funcionava.... mas muito lentamente, demorei 35 minutos a colocar uma dúzia de fotografias online e enviar um mail... e lá se foram as minhas ideias de escrever uns posts.... além de que no segundo dia, qualquer tentativa de utilizar o mail esbarrava numa página de sites bloqueados... desisti de vez.

 

Mesmo assim, eu gostei, e quero lá voltar, com tempo e disposição para desfrutar da paz e do clima.

 

Fotografia do Largo que fica em frente à Embaixada Portuguesa na Achada de Santo António, ao fundo vemos o edifício da Assembleia nacional de Cabo verde

 

Jorge Soares

publicado às 21:44


19 comentários

Sem imagem de perfil

De alex a 09.02.2010 às 22:40

Mts, mts parabéns!!...
Fico mt contente por a D. já estar convosco!!

Quanto ao que descreves... África é assim. A única coisa que muda mesmo é o buliço das cidades... que nalgumas é de loucos e noutras nem por isso... como a Praia de CV.

Tudo, tudo a correr bem.
bjs,alex
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 10.02.2010 às 21:54

Olá

Obrigado pelas tuas simpáticas palavras...

Beijinho
Jorge
Sem imagem de perfil

De Cris a 09.02.2010 às 23:00

Lol. É tudo com calma, o stress fica na Europa, mas a Burocracia é mesmo Universal!!!!
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 10.02.2010 às 21:55

Olá

Pois.... é mesmo isso

Jorge
Sem imagem de perfil

De xana a 09.02.2010 às 23:02

E ainda nós nos queixamos dos nossos serviços. Mas pronto, nós é que sofremos de stress. Por lá não há pressa? Pressa para quê? Nós é que somos apressados, e depois andamos no médico por causa de stress, nervos, taquicardia, etc. Nem é preciso ir longe para a vida já correr sem pressas, basta que vamos ao Alentejo e já ninguém anda a correr, ou ao interior Norte do país.
Pena as condições de vida das pessoas, porque o resto vai acontecendo no seu tempo, e para eles é normal ser assim, pese embora as necessidades que devem haver por lá.
Epá, agora os chineses... esses um dia destes disseminam-se como um vírus... sepor lá for como cá, que durante cinco anos não pagam impostos, está tudo explicado.
Água a 25º? Eu também quero água assim por cá, buáááá...
bjks
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 10.02.2010 às 21:58

Olá

É mesmo isso..stress para quê? a vida vai lá estar na mesma..

Sim, agua a 25 graus em Fevereiro... lá mais para o verão não sei como será...e mar calmo..e fins de tarde espantosos..e sol...e calor....e .....

Chineses, sim, muitos.... mas falam todos crioulo... se calhar o português é mais dificl.

Beijinho Xana
Jorge
Sem imagem de perfil

De SLZ a 09.02.2010 às 23:39

Muitos, muitos parabéns pela D.
Já o tinha dito à P mas assim digo-te a ti também!
Sobre a Cidade da Praia... tenho que discordar contigo... achei o mercado no Plateau do mais sujo e nojento que já vi! Mas claro, nunca estive noutro lado de África... já me disseram que Luanda é bem pior!
A mim não me encantou...
Beijocas e todas as felicidades para vocês os 5!
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 10.02.2010 às 22:00

Olá

Obrigado pelas tuas palavras.

Fui ao mercado só uma vez, num dia em que estava no stress de sairá ou não a certidão a tempo de arranjarmos o visto?.... e tenho pena, porque gostava de lá ir com calma e com a máquina fotográfica a jeito... mas a mim pareceu-me um lugar cheio de vida.... e sobretudo, cheio e coes e sabores naturais.

Jorge
Sem imagem de perfil

De Maria João a 10.02.2010 às 00:16

QUE SAUDADES!!!!!!!!!!!!!!!!

QUE EMOÇÃO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

obrigada!!!!

Maria João
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 10.02.2010 às 22:01

Olá João

Um destes dias ganhamos o Euromilhões ...e vamos lá tu eu eu levar sorrisos ... vais ver

Beijinho amiga
Jorge
Sem imagem de perfil

De Maria João a 11.02.2010 às 12:11

Sim, Jorge, havemos de conseguir!!!!!!!!

Lutemos por um Mundo mais solidário, fraterno e tolerante...porque...este Mundo é possível...não é utopia...

E...sim...havemos de voltar a Cabo Verde (todos juntos) e levar muitos sorrisos a muitos dos meninos e meninas que, infelizmente, deixámos para trás.

Amigo, estamos juntos na luta!

Maria João
Sem imagem de perfil

De Leamar a 10.02.2010 às 09:49

Sabes Jorge...
Uma cunhada minha foi passar umas férias a Cabo Verde. Praticamente não saiu do hotel porque, dizia ela, não havia nada para ver: era tudo velho...
Cá para mim, das duas uma: ou ela não tem olhos de ver, ou prefere não ver para não se impressionar!
Pensas que ela veio de lá impressionada pela pobreza, o calor humano, o mau aproveitamento das coisas, as potencialidades do país, a agradabilidade do tempo??? Não, não! Veio de lá meio chateada porque não havia passeios "de jeito" para fazer! Típico da nossa sociedade. Coitadinha dela que não foi abanar as penas de pavão e ficou no hotel com todas as comodidades e mais algumas!
Sabes, a única vez que saí assim para uma viagem foi na minha lua-de-mel, tinha eu dezanove aninhos...já lá vão 11 anos! O passeio que mais gostei foi um dia que passámos numa aldeia indígena, almoçámos com eles, dei festinhas a um veadinho (penso eu) bebé que convivia com eles...enfim contacto humano com diferentes culturas e pessoas. Foi dos passeios com menos aderência por parte dos turistas. Já o passeio das Moto4 era uma infinidade de gente! Passeio esse que detestei. Era na selva e deu-me vontade de ir à casa de banho...O resto podes imaginar!
A generalidade das pessoas prefere passar o seu tempo nos "templos de ouro" do que apanhar os agradáveis pingos de chuva e lama...Isso é para pobres, pensam eles, e fogem da pobreza como se de uma doença altamente transmissível se tratasse! Tenho pena deles...juro que tenho!
Para veres: essa minha cunhada já foi cerca de 12 vezes à Republica Dominicana porque a animação do hotel é muito boa e não precisa de sair de lá! Pensa que conheçe o mundo, mas apenas conhece hoteis! Tudo porque não sabe apreciar a beleza das coisas, das culturas, dos países! E como ela, há muitos!
Espero que o teu dinheiro estique, e que ele dê para conheceres e dares a conhecer o mundo aos teus três pimpolhos! Boa sorte...
Um abraço.
Leamar
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 11.02.2010 às 23:07

Olá

Conheço muita gente assim.... pessoas que já foram duas vezes a Cabo Verde e não conhecem nada das ilhas, pessoas que vão quase todos os anos à República Dominicana e nunca viram mais que o aeroporto e os hoteis.... Sabes, eu nunca lá fui, porque para mim férias encerrado num sitio não são férias, são castigo, eu gosto de ir e conhecer, palmilhar, andar quilómetros a pé, falar com as pessoas.

A tua cunhada está errada, em Cabo Verde o que há mais são passeios, basta sair do hotel, apanhar o primeiro Taxi e marcar o destino.... e há tanto para ver..e tanto para viver.

Um dia, sentado frente à praia a ver as crianças a brincar com os carrinhos de arame dei por mim a pensar, porque é que as pessoas fazem horas e horas de avião para irem para lugares que terminam por não ver, não veem para cá? e os turistas e os seus recursos fazem tanta falta em Cabo verde.

Beijinho
Jorge
Imagem de perfil

De Abigai a 10.02.2010 às 10:19

Pois é, Jorge.
É disso que nos devemos lembrar antes de nos queixarmos das condições que temos. Passamos a vida a queixarmo-nos da situação em que vivemos em Portugal, da função pública, do desemprego, dos políticos, mas esquecemos que no fundo, até vivemos num paraíso. Existem países como Cabo Verde, em que a pobreza impera, onde tudo falta fazer...
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 11.02.2010 às 23:08

Não sabes quantas vezes me lembrei do que dizes aqui enquanto lá estava.... nós vivemos mesmo no paraíso.

Jorge
Sem imagem de perfil

De P. a 10.02.2010 às 14:00

Eu também adorei ir. Adorei o calor...as aguas quentes do mar...a simpatia inigualável das pessoas...os sorrisos dos meninos e meninas da rua.
E a verdade é que lá o dia começava cedo...às 7.00 da manhã já estava com vontade de sair para a rua...e o tempo passava devagarinho, devagarinho..tudo sem pressa.

Preparei-me para o pior, pelos imensos comentários de várias pessoas já me tinham feito sobre Santiago e a cidade da Praia, o aeroporto os atrasos... Mas posso dizer que foram uns dias mágicos e intensos que ficarão para sempre guardados na minha memória. Foi sem duvida a viagem da minha vida!

P.
Imagem de perfil

De Aquariana a 11.02.2010 às 10:38

Os teus postais são muito bonitos, só é pena (como referiste) não teres conseguido mais momentos inspirados.
Mas gostei dos teus relatos e já deu para ficar com uma ideia daquilo que por lá os teus olhos viram.

Pelo que percebi, a tua família está a viver uma nova e maravilhosa fase e eu aproveito para vos desejar as melhores felicidades.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 11.02.2010 às 23:09

Esta viagem deixou-me meio lamechas...

Obrigado pelas simpáticas palavras.

Jorge
Imagem de perfil

De Pedro Oliveira a 12.02.2010 às 11:52

Confesso que nunca me senti atraído por cabo verde.
Espero que tudo corra bem e que sejam muito felizes.
abraço

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D