Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Miguel Gonçalves

 

O rapazinho ali da fotografia, Miguel Gonçalves de seu nome,  já por cá tinha passado há uns tempos, na altura meio mundo lhe bateu palmas e o vídeo da sua participação no Prós e contras fez furor, como na altura deixei claro no meu post, a mim não me impressionou nada... falar é fácil, e há quem como ele só viva de falar... depois há o mundo real e nem sempre se vai lá só com palavras.


Hoje ele apareceu a falar ao lado do Miguel Relvas, que depois de o ver no Youtube a bater o punnho e a debitar assuas  palavras fáceis, o contratou para ser a imagem do programa Impulso Jovem, um programa até agora completamente falhado para o impulso do emprego aos jovens.


Como não podia deixar de ser quando juntamos estes dois, a coisa não podia ser menos que hilariante, se não veja-se a resposta do rapaz a uma questão sobre o abandono das universidades por parte dos jovens que não tem posses para continuar a estudar:

 

“Amigo, se tu com 20 anos não consegues arranjar 100 euros por mês para pagar os estudos, então vais ter muitos problemas na vida, porque até a vender pipocas se arranja cem euros por mês”

 

Segundo o Miguel bastam 1200 Euros por ano para se ser estudante universitário em Portugal,  se  calhar para tirar o curso através de equivalências até é verdade, mas gostava de perceber como é que com 100 Euros por mês alguém consegue pagar as propinas, um quarto, os livros, o passe, a alimentação, o vestuário... mas pronto, pelos vistos o Miguel consegue...

 

Também não percebo como é que com tanta facilidade em arranjar emprego, nem que seja a vender pipocas, o desemprego jovem está quase nos 40%... está visto que a nossa juventude não quer é trabalhar.... se não perguntem ao Miguel.

 

Também foi brilhante a sua resposta sobre as medidas de austeridade do governo:

 

“Estais a tentar apanhar-me de um lado e do outro. Eu não sei. Faz perguntas importantes, as pessoas têm pouco tempo, as pessoas que estão em casa têm que perceber ‘olha uma boa ideia, rapaz!'”


Pois, ele disso não sabe nada, ele só percebe de palavras, mas não dessas

 

Entretanto no mesmo jornal em que saiu a noticia do Miguel, saiu também outra sobre o Alcides Santos, 46 anos, desempregado, casado, pai de dois filhos que andam a estudar e que anda há dois anos a tentar encontrar um emprego. Não consegue, por isso agora decidiu que não vai pagar impostos, porque antes do estado estão os seus filhos, a sua mulher e o seu bem estar.... 


Tenho pena do Alcides, porque a menos que alguém se apiade dele e lhe arranje um emprego, mesmo que seja a vender pipocas, não tarda nada tem todo o peso do estado em contra e não lhe restará mais que pagar... mesmo que isso signifique que os seus filhos tenham que abandonar os estudos, porque para o estado do Miguel Relvas só interessam os números, as pessoas não interessam nada.


O problema do Alcides é que ele não conhece o Miguel.. talvez agora que também ele apareceu no Youtube possa ser convidado a jantar pelo Relvas... e quem sabe também lhe arranjam um tacho, como o do Miguel....


Hoje não é o dia das mentiras... mas olhem que com noticias destas, eu fico na dúvida.

 

Para quem não viu, aqui fica a história do Alcides.. no Youtube, façam chegar ao Relvas.

 

 

Jorge Soares

Update: Segundo noticias de vários Jornais, o Alcides entretanto arranjou emprego... bem haja por ele

publicado às 21:55

O avião com fundo de vidro da Virgin

Imagem do Público



Por norma não gosto de dias de, ou de dias da, mas se há dia que me irrita mesmo é este, o dia das mentiras, não sei bem porquê, talvez tenha a ver com a minha completa incapacidade de mentir e de enganar, ou com a minha falta de chá para aceitar as brincadeiras parvas, não sei, talvez por um pouco de cada uma destas coisas... certo é que não gosto!

Além disso, se há dia que na sociedade em que vivemos há muito deixou de fazer sentido, é o dia das mentiras. No mundo actual em que tudo é artificial, rápido, digital e está ao alcance da mão, é cada vez mais difícil distinguir entre o que é verdade, o que é mentira e o que de tanto ser repetido, passou de mentira a verdade... veja-se o caso daquele poema das pedras no caminho, eu posso dizer aqui mil vezes que é do Augusto Cury, mas vão aparecer a seguir mil pessoas no Facebook a dizer que é do Fernando Pessoa, em quem acham que o mundo vai acreditar? Se dessem ao Cury um Euro por cada vez que alguém lhe rouba o poema, ele seria de certeza um homem rico.


Houve uma altura em que a internet nos acercava ao conhecimento e nos colocava a informação nas mãos, eu diria que neste momento está a acontecer o contrário, entre tudo o que existe na rede é muito complicado distinguir o que é verdadedo que é mentira ou simplesmente é um invento de alguém sem escrúpulos,  cada vez mais são as mentiras que são tomadas por milhões como sendo verdade.. querem outro exemplo?

 

Aposto que a maioria já leu isto:

 

Filho é um ser que nos emprestaram para um curso intensivo de como amar alguém parea além de nós mesmos ....

 

Não fosse a internet e nunca o teríamos lido, supostamente faz parte de um texto de José Saramago.. segundo a fundação José Saramago, aqui, o prémio Nobel português nunca escreveu tal coisa.

 

E ainda não falei dos políticos, que em prol da eleição e de chegarem ao poder são capazes de venderem ao diabo não só a sua alma  como as almas de todo um país... ou não é isso que o nosso governo está a fazer com o nosso país?

 

Ou seja, vivemos rodeados de mentiras e de mentirosos por todo lado, não seria muito mais inteligente que em lugar do dia das mentiras se instituísse o dia da verdade? ... podia ser já amanhã.. não sei é quem se atreveria a sair à rua em tal dia.

 

Jorge Soares

 

PS:para quem não percebeu o que faz ali o aviazinho da fotografia, é suposto ter piso de vidro, uma das mentiras do dia e que nos mostra como as marcas vão aprendendo a utilizar o dia para fazer publicidade... não é que na maior parte dos casos elas não nos mintam todos os dias.

publicado às 21:51

Pág. 4/4



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D