Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Diário de um pai de licença parental ... fim

por Jorge Soares, em 03.06.10

A D. nas suas investidas manuais

 

Amanhã volto ao mundo real, foram dois meses diferentes, mas dois meses que definitivamente valeram  a pena. Dois meses em que estive mais tempo com os meus filhos, principalmente com a D. mas também com os dois mais velhos... e acho que eles vão ter saudades deste tempo.

 

A D. está uma criança mais confiante, mais crescida e mais viva, ainda há pouco a P. me dizia que ela perdeu uma série de tiques nervosos em que tínhamos reparado ainda em Cabo Verde; Deixou de roer as unhas, de coçar as orelhas com fúria até se magoar, já não coloca tantas vezes a mão na boca. O único que se mantém é o esfregar os pés até tirar os sapatos quando é contrariada.

 

É claro que nem tudo são rosas, com o ganhar confiança aumentam as birras e se ela já era teimosa no inicio, agora é muito mais, e determinada, não gosta de ser contrariada mas em contrapartida tanta determinação faz com que aprenda tudo muito rapidamente... incluindo os esconderijos das bolachas, e é muito independente, tanto que por vezes dá asneira, vejam o mail que a mãe enviou esta semana para o grupo de mail sobre adopção:

 

"Em Dezembro recebo uma foto da minha menina. Um docinho de caramelo...um olhar doce...triste e calminho. Cá pela familia diziam: tão querida...um docinho...tem o ar de um anjo, tão calminha, parece a serenidade em menina.

Pois é, 3 meses em Portugal a conviver com uma mana com lingua afiada e um mano terrorista e cá temos uma Pirata.

Ultimas piratarias:
- Quinta-feira: sobe para a cadeira, da cadeira para a mesa,alcança o frasco do xarope abre-o e bebe meio frasco. Resultado: 1 noite no hospital a ser monitorizada e a receber soro.
- Sábado de manhã: acorda sai da cama, pega nos óculos da irmã...resolve brincar com eles e transforma-os em 3 peças: resultado uns óculos novos para a mana."

 

O médico não queria acreditar que ela tivesse conseguido abrir o frasco do medicamento sozinha, nem bebido sem se sujar ou sujar o chão.... pois... A partir de amanhã vai ficar a mãe com ela mais um mês... e eu vou ter saudades deste tempo... muitas.

 

A licença parental é um direito que nos assiste a todos, e por muito que custe à maioria das mulheres, é muito importante que os homens a partilhem, eu já achava antes e agora, depois destes dois meses fantásticos com a minha filha, tenho a certeza absoluta. Pais não deixem de exigir os vossos direitos, eles crescem num instante e há coisas que devemos viver mesmo... o tempo de qualidade com os nossos filhos é algo muito importante.

 

Jorge Soares

publicado às 22:26


2 comentários

Imagem de perfil

De libel a 04.06.2010 às 11:42

Olá Jorge,

Esse "apelo" que fazes aos pais é muito importante, só é pena que nem todos consigam abraçar essa partilha e fazer parte dessas vivências.

(Pensamento de um homem)
"Muitas vezes me pergunto de que tamanho sou. Não sei se sou este, ou se sou o outro, o da preguiça e da vida morna.
Aquele que nunca sonhou coisas longe, mas sabe ser grande no pequeno dever de todos os dias, está sem dúvida mais construído do que eu!!"

Fico bem mais feliz, por encontrar pessoas como tu, que fazem a diferença nesse mundo de pais preguiçosos!!..

Foi um prazer, ler e comentar estas tuas partilhas!!..

Beijokas
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 06.06.2010 às 23:40

Olá Libel

Dizia o Rolando (que saudades!!) , que eu sou um homem de causas... ele é um exagerado é claro, sempre achei que o que é bom para mim de certeza que será bom para a maioria... a licença parental é algo muito importante... e acho que as pessoas não fazem o suficiente para a poderem gozar... e fazem mal.

beijinho e obrigado
Jorge

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D