Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Cavaco,a igreja e as homenagens a Saramago

Imagem do Henricartoon

 

Eu não gosto de funerais, não gosto do que significam, o fim do caminho, e não gosto daquilo em que se converteram, há muito que acho que devemos mostrar apreço e carinho pelas pessoas enquanto elas estão vivas, se realmente gostamos de alguém, devemos mostrar esse apreço enquanto a pessoa nos pode ouvir, ver e entender, depois da morte é tarde, não vale a pena.. não está lá nada nem ninguém....

 

Goste-se ou não, Saramago foi um grande, enorme mesmo, escritor, levou o nome do país muito longe, era uma pessoa de convicções fortes e que não se prendia em detalhes para mostrar ao mundo a sua obra. Pelo caminho mexeu com muitas sensibilidades, criou ódios de estimação.

 

No inicio dos anos 90 escreveu a sua obra mais polémica, o Evangelho segundo Jesus Cristo. Em Portugal vivia-se a época do cavaquistão e rezam as crónicas que um secretário de estado de Cavaco, impediu a candidatura da obra ao Prémio Literário Europeu porque supostamente o livro atacava "O património religioso dos portugueses"

 

Terá sido esta decisão, um inadmissível acto de censura por parte do governo,  a gota de água  que levou o escritor a emigrar para Lanzarote onde viveria até morrer na passada sexta-feira.

 

Sempre achei Cavaco Silva, para além de um politico desprezível, um homem com sorte, essa sorte foi uma vez mais bem patente, Saramago morreu precisamente no fim de semana que ele tinha escolhido para estar de férias nos Açores, bem longe de Lisboa e de tudo o que rodeou a morte do escritor. Era claro para todos nós que Cavaco e Saramago não morriam de amores um pelo outro, que não eram amigos e que os separavam enormes diferenças ideológicas e de pensamento.. mas um presidente da República é alguém que por definição não tem amigos. O presidente da República é alguém que antes de mais tem obrigações de estado e obrigações ante os cidadãos do estado.

 

Por muito que a mim me pareça que todas estas homenagens deveriam ter sido prestadas antes, a verdade é que o país decidiu prestar homenagem a um dos seus cidadãos mais ilustres. Quando decidiu não comparecer e  dar uma desculpa esfarrapada , Cavaco Silva mostrou que coloca os seus sentimentos pessoais  e a sua ideologia politica à frente dos seus deveres de estado, e como muito bem diz Daniel Oliveira no Expresso: "É incoerente decretar dois dias de luto nacional e depois estar ausente da cerimónia oficial."

 

É claro que se atendermos à posição oficial da igreja através do Jornal do Vaticano e às últimas notícias que dão conta das reacções da direita mais conservadora à promulgação do casamento Homossexual, poderíamos sempre concluir que tudo isto já faz parte da campanha politica.... mas isto já sou eu e o meu mau feitio a pensar alto.

 

Jorge Soares

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:39


9 comentários

Sem imagem de perfil

De José A a 21.06.2010 às 22:51

Amigo Jorge, eu também terei mau feitio porque penso o mesmo... A hipocrisia de todos, sim de todos os candidatos a presidentes têm a mesma frase: "Serei o presidente de todos os portugueses"... bem se vê que Saramago não era português... Numa frase de Saramago, está a essência da política portuguesa, "QUE BOM SER INGÉNUO , QUE BOM NÃO SER CÍNICO" Ainda bem que existem e existiram homens como Saramago...
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 24.06.2010 às 23:45

Olá José.. quanto tempo?

Completamente de acordo.., principalmente com a frase do Saramago.

Abraço
Jorge
Imagem de perfil

De DyDa/Flordeliz a 22.06.2010 às 00:09

Nem dá gosto falar (bater) em sua santa presidência, seus tabús e afins.
Venha mais um natal e bolo-rei. Aí temos presidente - contente.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 24.06.2010 às 23:47

E venham mais umas eleições... e aproveitamos para votar noutro qualquer.... bom, não exactamente em todos os outros qualquer

Beijinho
Jorge
Sem imagem de perfil

De Maria a 22.06.2010 às 12:02

O pai dos recibos verdes voltou, mais uma vez, a demonstrar que é mais um político... sem grande dimensão. Continuo sem perceber o porquê de haver tanta gente que o tem como uma espécie de deus, se foi exactamente no período em que o dito senhor foi primeiro ministro que se solidificaram as bases que fazem com que Portugal seja ainda e sempre um dos últimos da Europa! Olha onde já vai a Espanha e a Irlanda! Eram países que estavam uns bons furos atrás de nós!!! Olha onde nós estamos! De quem é a culpa? De Cavaco, em primeira mão! ...
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 24.06.2010 às 23:48

Sem dimensão nenhuma... mas cada país tem o povo que merece...

Jorge
Imagem de perfil

De aespumadosdias a 22.06.2010 às 12:44

Assino por baixo.
Imagem de perfil

De Existe um Olhar a 22.06.2010 às 20:52

Olá Jorge
O cidadão Aníbal Cavaco Silva até podia nem gostar do senhor, nem estar disposto a interromper as suas férias para vir ao funeral, afinal estar nos Açores é bem melhor, mas o presidente de todos os portugueses..e digo de todos, deveria ter tido a ombridade de participar na última homenagem a um homem que dignifica e honra o nome de Portugal além fronteiras...um homem que será certamente lembrado por muito mais tempo, do que o nosso Presidente da República.

Beijos
Manu
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 24.06.2010 às 23:50

Olá

Agora tocaste um ponto interessante... daqui a uns anos um será uma nota num rodapé de um livro de historia.. o outro deixou obras imortais... sem dúvida.

Jorge

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D