Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Há coisas positivas em Portugal.

por Jorge Soares, em 03.03.11

O Bar das caixas de plástico e leds do Diogo Aguiar

 

Este é um post que estava perdido na minha memória, um daqueles que foi ficando para trás.. porque ou falta a inspiração ou há sempre uma desgraça qualquer, um novo caso de que falar... há pouco na busca de inspiração dei uma volta pelos blogs que costumo ler e pelos jornais..e sabem uma coisa..  começa a ser deprimente.... a crise, a geração à rasca, os juros, a desgraça da justiça e dos políticos que temos.. é deprimente.. e talvez sea, porque não nos cansamos de olhar para o lado mau...e há tantas coisa boas neste país, tantas coisas para as que podemos olhar.

 

A noticia já tem 15 dias mas não deixa de ser notável,  Diogo Aguiar e Teresa Otto pegaram em 420 caixas de plástico compradas a dois Euros cada uma no Ikea, juntaram uns milhares de leds de cores diferentes e com isto criaram um bar desmontável para a queima das fitas do Porto de 2008. O efeito dos cubos de plástico que mudavam de cor foi arrasador, um autêntico sucesso. No fim da queima o bar que custou uns poucos milhares de Euros foi desmontado... mas não foi esquecido, a candidatura foi feita "na sequência de uma brincadeira de amigos, que divulgaram o projecto num blogue. Daí para a frente funcionou o efeito viral das redes sociais na Internet até chegar à lista dos finalistas do Arch Daily. .... Venceram numa categoria em que havia resorts luxuosos e grandes nomes da arquitectura mundial em competição "

 

Somos um país pobre, disso não há dúvida, mas pobreza monetária não tem porque significar pobreza de ideias,são exemplos como os do Diogo e da Teresa que nos fazem acreditar que não é preciso muito para se fazerem coisas notáveis, coisas que apesar de por vezes serem pequenas, podem ser grandiosas... mesmo.

 

Acredito que haverá muitos exemplos como este no nosso país, coisas positivas para as que podemos olhar e sentir orgulho de nós e da capacidade dos nossos jovens.... e sim, nem tudo é à rasca nesta geração..  há quem saiba olhar para a vida e fazer por ela.

 

 

Resta dizer que para além deste prémio o nosso país..e a cidade do Porto, arrecadaram também o prémio para a Arquitectura Institucional com o Edifício da Vodafone, que custou 50 Milhões de Euros,  e o prémio para O Melhor Design de Interiores com uma casa 44 metros quadrados baseada no conceito da domótica e aproveitamento do espaço.

 

Jorge Soares

 


publicado às 22:09


12 comentários

Imagem de perfil

De DyDa/Flordeliz a 04.03.2011 às 01:04

Haja coisas boas a apontar.
Que aproveitamento de coisinha ruim...é pão que nos noticiários nos servem todos os dias.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 04.03.2011 às 22:40

Começa a ser deprimente.. porque os telejornais são um filme de terror .

Temos que olhar para a vida com um sentimento mais positivo... ou vamos morrer de tristeza.

Bom fim de semana e bom Carnaval

Jorge
Sem imagem de perfil

De manuel a 04.03.2011 às 12:21

Tenho por convicção considerar que todos os jovens fazem e sabem fazer coisas fenomenais.

Quando nos debruçamos na análise do individual, basta pegar nos nossos filhos, nos filhos dos nossos amigos, nos filhos dos nossos vizinhos de rua, e mesmo nos filhos dos nossos conhecidos, a conclusão que retiramos é que, salvo raras excepções, eles são bons. Ou porque apresentaram um projecto inovador na escola, ou porque tem uma atitude pró activa, ou participam em causas de voluntariado, ou dedicam-se a uma associação ou colectividade, ou outras coisas quaisquer.

Agora quando extrapolamos no geral, a regra é aplicada pela negativa, ora se estamos a falar dos mesmos jovens, pegamos nas tais raras excepções e damos um relevo exacerbado à coisa, generalizamos, rotulamos e divulgamos como se de facto todos os jovens, ou toda uma geração não soubesse fazer coisas admiráveis.

A sociologia consegue explicar estes fenómenos, mas como iletrados que somos nesta matéria, continuamos a persistir no erro e deixamo-nos ir atrás, não valorizando o sucesso.
E os nossos jovens estão de parabéns.

Abraço
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 04.03.2011 às 22:47

Os nossos jovens são capazes, acho que na sua grande maioria tem falta de consciência cívica e politica.. porque não foram educados para a terem.. mas ao nível das capacidades de trabalho e de realização, sem duvida que são das gerações mais capazes... falta é que aprendam a acreditar em si e a terem capacidade de lutarem pelos seus sucessos.

Bom Carnaval Manuel

Jorge
Imagem de perfil

De Rosinda a 04.03.2011 às 16:04

Não serão muitas... mas ainda temos coisas muito boas em Portugal e muita gente com ideias boas.
Um abraço
Rosinda
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 04.03.2011 às 22:49

Claro que sim Rosinda... muitas coisas, muitas ideias, muitas pessoas... temos é que acreditar em nós...

Bom fim de semana e bom carnaval

Jorge
Sem imagem de perfil

De Paulo a 04.03.2011 às 16:32

Bem visto, há coisas muito positivas e quiça únicas no mundo que só encontraremos no povo lusitano. Uma é sem dúvida a imaginação e o carácter inventivo dos portugueses (não sei se o típico "desenrascanso" é consequência deste factor). O caso aqui partilhado é um grato exemplo do que somos capazes. Tens razão Jorge, deviamos olhar mais para o lado positivo das coisas do que auto-flagelarmos diariamente focando nos aspectos negativos.

Em cada notamos estes exemplos da boa imaginação e sobretudo com piada, se calhar passa despercebido que quando há um acontecimento desportivo, político ou referente a pessoas mediáticas, nos dias seguintes surge o reportório anedótico ou via e-mails o produto desta inspiração expontanea que nos granjeia boa disposição.

Grande abraço e óptimo fim de semana
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 04.03.2011 às 22:51

Olá Paulo

Faz falta é que valorizemos o que é nosso.. as nossas ideias, as nossas pessoas... e faz falta que eduquemos os nossos filhos para que saibam e sejam capazes de lutar por eles e os seus sonhos

Bom Carnaval Paulo

Jorge
Sem imagem de perfil

De Leamar a 04.03.2011 às 16:58

Boa tarde Jorge!!!

Acredito que para um político português haja muito mais coisas positivas em Portugal...mas apenas para ele e os da sua classe!!! Nós tentamos procurar o positivo em tudo! O célebre chavão : "Podia ser pior" ou "Já foi muito pior" é na prática uma maneira de se ser positivo!...Pelo menos a não esmorecer e continuar a tocar prá frente.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 04.03.2011 às 22:59

Olá

Pois... um dos nossos maiores problemas é que passamos a vida a minimizar tudo o que fazemos.. o que nos leva a ter um sentido de inferioridade que não é real.. deveríamos olhar mais para o lado positivo das coisas.. acreditar mais em nós... afinal, há coisas positivas em tudo na vida..

Bom fim de semana e bom Carnaval
Jorge
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.03.2011 às 22:20

“Tolerância zero”

Os tempos são de números
Já não são tempos de letras
Então que fazer dos poetas?
Passam a ser energúmenos

E que fazer com a filosofia?
Não tem valor acrescentado
Por agora coloca-se de lado
Talvez possa ser útil um dia

Nos tempos em que vivemos
Apenas tem valor a economia
E tu se não és uma mais-valia

Pode bem ser que te toleremos
Mas como quebras a hegemonia
Passas a contar como anomalia.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 04.03.2011 às 23:06

A vida é um ciclo permanente e nós andamos anda às voltas com ela, tudo vai e vem... vai ver que daqui a uns tempos os números já eram e estes seus versos vão valer pelo que são.. uma autêntica preciosidade.

Obrigado pelas visitas e tenha um bom fim de semana alargado

Jorge

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D