Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Sócrates anuncia ao país o que não vai estar nas medidas da Troika

Imagem do Público

 

Andámos durante semanas com o credo na boca, cada dia que passava alguém lançava mais um boato de uma suposta medida catastrófica que teríamos que enfrentar. Ontem finalmente o primeiro ministro deu um ar da sua graça e bem ao seu estilo de one man show, veio dar a boa nova...  afinal o céu não nos vai cair em cima.... e por todo o lado, em especial nas repartições públicas, se ouviu um enorme suspiro de alivio.... afinal vamos poder ir de férias e comprar as prendas de natal sem ter que andar a negociar títulos do tesouro ao desbarato... Não, não estou a brincar, cá em casa há um funcionário público... e consta-me que o terror era verdadeiro.

 

Mas se é verdade que as medidas não são tão penalizadoras como muito arautos da desgraça vendiam, também é verdade que a coisa não está para embandeirar em arco. Convém perceber que a crise existe mesmo, que é resultado de asneiras de muita gente que está ou já esteve no governo, e que ou nos mentalizamos que temos mesmo que apertar o cinto e deixar de viver como novos ricos, ou a coisa pode correr muito mal.

 

Estive a ler o resumo das medidas propostas, estão no Público, na generalidade concordo, lendo os comentários à noticia, parece que há pessoas que acham que a montanha pariu um rato, isto só mostra que há muita gente que ainda não percebeu nada do que se está a passar. Convém que a malta perceba que ninguém nos está a dar dinheiro, estão a emprestar, com juros de 5%, o que comparado com os 12 em que a coisa já ia, é muito bom, mas vamos ter que pagar na mesma... 

 

Voltando um pouco atrás, tal como era mais ou menos de esperar, as medidas propostas são mais ou menos as que estavam no PEC IV, eu continuo a achar que a oposição fez um mau serviço ao país quando fez cair o governo, até porque nas condições actuais, quer-me parecer que não vai haver maioria absoluta, a dizer verdade, quem tem mais possibilidades de ganhar as eleições até será o PS, tal a baralhação que vai nas hostes do PSD.

 

Bloco de Esquerda e PCP não tem condições para fazer parte de qualquer governo, quem faz questão de não aceitar a ajuda externa NÃO PODE aceitar governar com as medidas propostas pela troika. Restam PS, PSD e CDS... depois de tudo o que tem sido dito pelo Passos Coelho alguém acredita que os dois maiores partidos se entendam para formar governo?..e se os votos do CDS não forem suficientes para uma maioria com PS ou PSD?, o que fará Cavaco?

 

Falta um mês para as eleições, neste momento não faço a menor ideia em quem vou votar...... esperemos que o ambiente desanuvie...

 

Jorge Soares

PS: quem quiser pode fazer download do Memorando de Entendimento (em inglês) e ler com detalhe

publicado às 22:11


97 comentários

Imagem de perfil

De opinandomais a 05.05.2011 às 00:04

Não há volta a dar! Quer queiramos ou não, uns mais do que outros, vamos levar pela tabela. Já não ha dúvida que temos de pagar com "língua de palmo"e quanto mais cedo fôr melhor, quanto ao resto venha quem vier sentar no trono só vai ser "piloto automático " d'aqueles que cá puseram o "arame", por isso Meu caro Soares até se pode decidir isto com moeda ao ar, ou adecisão é tão fácil que venha o diabo e escolha!
Sem imagem de perfil

De Tony a 05.05.2011 às 00:20

Relaxe, isso é perfeitamente normal... Se estiver bom tempo, vá à praia. Se estiver mau tempo fique em casa, uma constipação è prejuizo maior para quem tem de pagar a crise.
Faça como sempre se fez, ignore. Não tente saber, mantenha-se puro. Deixe andar, um dia destes vão-lhe dar algo que nunca pensou que podia ter uso...
Imagem de perfil

De sentaqui a 05.05.2011 às 00:22

Quando tiveres uma ideia em quem vais votar, manda aí a sugestão, porque eu estou completamente perdida, como devem estar a maioria dos portugueses, pelo menos aqueles que gostariam de ver alguém com um discurso diferente e umas ideias milagrosas para conseguirmos o mais rapidamente possível sair deste buraco.
Sem imagem de perfil

De VM a 05.05.2011 às 02:35

"Ideias milagrosas" ? Está a confundir o estado com a igreja, não está ? Faz-me lembrar um ditado destas bandas "Fia-te na Virgem e não corras!" -Quanto a mim já me contento com a existência de ideias de todos os intervenientes políticos, mas mesmo isto está difícil.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 05.05.2011 às 21:32

Daqui até às eleições tenho que saber.. porque a hipótese de ficar em casa não se coloca..
Sem imagem de perfil

De Pinto a 05.05.2011 às 00:30

Vai votar, e não votes PS, por nós.
Sem imagem de perfil

De VM a 05.05.2011 às 02:37

Fala por ti.
Sem imagem de perfil

De Pinto a 06.05.2011 às 01:12

Falo por mim, para salvar o país! De mais PPP's de mais fundações de mais empresas de "carácter" público, de mais administradores do nada a ganhar tudo! Vocês metem nojo!não trabalharam nunca! Têm um currículo e uma fortuna comprados com amizades e compadrios! Põe o país à venda por cargos de administração das empresas que favorecem nos períodos de 6 anos onde enganam as pessoas, mentem, roubam... Se o TGV,(um comboio atrasado dos anos 70, cheio de problemas de manutenção, que já nem os franceses querem,porque só dá prejuízo), sei porquê, sei porquê é que não temos hospitais, porque os Tugas (querem sempre a história cor-de-rosa) vão outra vez votar na manipulação e na mentira, e nunca, nunca na verdade, vota em quem quiseres, mas não votes no PS! Por favor! Ah e essa treta dos votos em branco é mentira! se votarem em branco conta como um nulo na verdade, se existirem 70% de votos em branco, continua a ser eleito o partido mais votado.
Sem imagem de perfil

De joao saloureiro a 05.05.2011 às 10:13

Por favor Portugueses não votem mais no Sócrates , pensem bem ,mentiras mais mentiras, vamos dar a oportunidade a uma cara nova, não sou filiado em nenhum partido mas acredito que o Dr. Pedro Passos Coelho é a solução até quando o Mário Soares o confirma. Pelos nossos filhos e pelos nossos netos
Sem imagem de perfil

De VM a 05.05.2011 às 11:22

Também acreditas no Pai Natal, certo ?
Sem imagem de perfil

De fm a 05.05.2011 às 12:51

...como o Mário Soares nunca foi exemplo p'ra ninguém voto contra.
Sem imagem de perfil

De Andreia Neves a 05.05.2011 às 13:33

Estão loucos?? O Passos Coelho é solução, um personagem, que demorou anos a concluir a Licenciatura, só queria mulheres e cervejas, ninguém o quer a gerir coisa nenhuma, nunca trabalhou, é solução para Portugal???
Por favor, vamos mudar as mentalidades, e o rumo,deste País, os culpados são o PS e o PSD.
Aindas temos algumas alternativas, ou então fazemos como Marinho e greve no dia das eleições.
Sem imagem de perfil

De Hugo Figueiredo a 05.05.2011 às 13:49

Cara Andreia,

O que o amigo Marinho deveria ensinar e incentivar é a votar em branco. Uma maioria de votos em branco obriga a novas eleições com novas listas. Estes senhores iriam automaticamente para o desemprego embora nem isso mereçam...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 06.05.2011 às 01:01

Estou completamente de acordo com voto em branco, seria o ideal pois estaríamos a exercer aquilo que é um direito até deveria ser uma obrigação, obrigaríamos esta escória politica a pensar e mudar.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 05.05.2011 às 21:34

O Passos Coelho?.. mas o homem é incapaz de manter o discurso por mais de dois dias, como pode alguém acreditar em alguém assim?
Sem imagem de perfil

De António a 05.05.2011 às 00:56

Sinceramente, não consigo perceber como é que ainda alguém vota neste governo. não estou a falar de partidos, pois isso a mim não me diz nada. infelizmente até hoje não houve um único governo realmente bom. Houve apenas uns menos maus...e o pior de todos, que é o actual. Contra factos não há argumentos. Se este governo foi o que mais aumentou a dívida pública, porquê votar nele? falam muito bem, mas só fizeram asneiras. As alternativas não grande coisa, mas pelo menos tirem de lá estes mentirosos (com factos). para mim isto é uma questão de lógica!
Sem imagem de perfil

De José a 05.05.2011 às 02:13

Pois, meu caro António, quer queira quer não, a democracia não se faz sem os partidos mas também não se esgota neles. O seu remédio é votar para tirar de lá aquele que, segundo a sua opinião, foi o pior governo de todos os tempos. Por mim não votarei num partido que, baseado numa mera hipótese, despediu por Portaria 150 trabalhadores – acabando também com 5000 postos de trabalho indirectos – que originou uma despesa para a Seg. Social, com esses 150, de cerca de 34.000.000€ (trinta e quatro milhões de euros) e esteve lá pouco tempo… contra factos não há argumentos. Já agora, essa história da dívida, tem muito que se lhe diga… Saudações.
Sem imagem de perfil

De VM a 05.05.2011 às 02:25

Também foi este governo o que mais aumentou o salário mínimo. Foi também este governo que acabou com a acumulação de pensões e salários na função pública. Foi também este governo que mais investiu em energias alternativas (ambiente). Foi também este governo que, bem ou mal, tomou medidas contra algumas classes em que o seu principal objectivo de vida era o seu próprio umbigo. Foi também este governo que limitou o número mandatos na administração... por aí fora. Teve erros ? Claro que sim. Mas dizer que o o actual é o "pior de todos" baseado em que factos ?
Sem imagem de perfil

De Isabel a 05.05.2011 às 09:54

Concorso consigo. E todos estes ataques ao Governo só me fazem pensar que de algum modo este governo acabou com a mama aos que o atacam. Se o Sócrates não tivesse acabado com tanta chulice (veja-se o caso da acumulação de pensões) não tinha tanta gente contra ele.
Também já se percebeu que a queda do governo foi porque, como diz Santana Lopes, os que se estão a chegar à frente no PSD, são os que dependem da política (não têm outra ocupação) daí a urgência de governar. Isto prejudicou e muito o país pois como agora se provou, não tinhamos necessidade de gastar milhões em eleições. Não tinha em votar pois nesse dia até tenho um casamento. Mas vou levantar-me mais cedo e vou votar no PS.
Sem imagem de perfil

De Mia a 05.05.2011 às 11:33

Portugal teve que pedir ajuda ao FMI, porque a oposição é que criou a divida pública???? Se o PS tivesse retirado o Sócrates até poderia pensar votar nele. Mas votar num 1º ministro que sempre nos ocultou a situação em que estávamos , no maior mentiroso da história de Portugal Só se eu fosse maluca.
Sem imagem de perfil

De Isabel a 05.05.2011 às 14:33

Maluca, não será! Diria antes distraída.
Sem imagem de perfil

De João Loureiro a 05.05.2011 às 10:25

Também foi este governo que falsificou as contas do défice , foi este governo que esbanjou milhões em auditorias, foi este governo que gastou o que não tínhamos , foi este governo que ajudou os ricos a ficarem mais ricos, foi este governo que beneficiou uma grande empresa que agora até criou uma Fundação porque vai para processo de insolvência , foi este governo que mentiu ao povo, até a começar pelas aptidões do Sr. Sócrates , foi este PM que beneficiou a empresa a qual a ex mulher tem grandes interesses, e este PM que defende a escola publica e os filhos estudam no melhor colégio particular, é este PM que defende o SNS quando teve o acidente a fazer sky foi operado no Hospital da Força Aérea , podia ter sido no S. André em Leiria e esperar pela vez. SOCIALISMO NÃO ,DESTA FORMA ,
VIVA PORTUGAL.
Sem imagem de perfil

De ARPires a 05.05.2011 às 10:39

É por estas e muitas outras razões que eu também voto Sócrates, será que os maldizentes não enxergam o mundo que os rodeia?
Será que o que fez e tentou fazer, mas as Frentes Corporativas não deixaram, na educação, na justiça, não foi nada, será que a auto-estrada transmontana até Bragança não interessa para nada principalmente para quem faz vida em Lisboa, e muitas mais coisas haveria a dizer, mas vou trabalhar e mais logo eu volto...
Sem imagem de perfil

De joao oliveira a 05.05.2011 às 13:22

sim mas... foi este governo que mais aumentou a divida, foi este governo que num cenario em que apregoava a dimunuição de defice mais aumentou a despesa e também foi este governo que queria pagar juros a 12% em vez de 5%. quem acha que a troika não deveria ter vindo deveria pagar o diferencial do seu bolso.importva esclarecer as diferenças entre o PEC IV e a troica. importava tb esclarecer que a troika tem mais credibilidade que o governo e isso nos juros que pagamos faz toda a diferença
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 06.05.2011 às 01:13

Por amor de Deus Você está agarrado ás pequenas, pequeninas virtudes deste governo, esquecendo-se das gigantes borradas que cometeram...pensa que esta obstinação no aeroporto e tgv, se deve a que? sabe-se lá, já quanto dinheiro entrou por portas e travessas naqueles bolsos, quantos e quantos deste governo já devem estar comprometidos com essas empresas.
Acredito que se fosse outro governo a situação seria igual e lamento isso, pois infelizmente pouco ou nada acredito nesta classe politica da esquerda à direita.
Mais, hoje ouvi por alto a entrevista dos José Rodrigues dos Santos ao Teixeira dos Santos, e no ouvido retive o mais importante, penso eu pergunta o Jornalista ".. como acreditar num PS que afirma que o PEC 4 era suficiente para colmatar as falhas do país..quando antes houve outros 3 pecs todos eles afirmando o mesmo.."
Que chamar a 4 pecs todos eles apresentados como mais que suficientes quase milagrosos, para tirar o país da crise ? Não será pura e dura imcompetência?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 05.05.2011 às 01:08

“Olhos troikados”

Está bom pr’a quem não tem nada
Está bom pr’a quem nada come
Estará bom pr’a quem tem fome?
Se comes ou tens vem a pancada

Se possuis habitação IMI aumenta
Se queres luz sobe a electricidade
Se trabalhas IRS ganha virilidade
Nos alimentos IVA não se aguenta

São estes os presentes da troika
Escolhidos pr’a esta nação heróica
Que em conferência apresentarão

Validados pl´o arco da governação
Que fazem de nós uns coitados
E nos deixam de olhos troikados.
Sem imagem de perfil

De Alexndre a 05.05.2011 às 01:14

Bem ainda existem pessoas sóbrias em Portugal folgo saber isso, genericamente concordo com o que diz, independentemente dar cor politica, uma coisa eu sei, (ao que parece muitos portugueses não sabem), não voto em mentirosos, porque este 1.º ministro das duas uma ou é mentiroso ou muito, demasiado incompetente, porque alguém que um dia diz, AFIRMA, PROCLAMA, difunde aos sete ventos que o país está bem, respira saúde, para dias depois vir dizer que não e tem que haver cortes....por amor de Deus, santo povo ignorante.
Sem dúvida os cortes ou ajuda ou o raio que o parta já devia ter sido feito há muito para evitar, as dificuldades que se apresentam e irão apresentar.
Quase que me deu vontade de rir, não fosse a situação tão grave ao ouvir um telespectador, desses programas de opinião dizer que iria votar em Sócrates porque isto e mais aquilo tudo virtudes e também porque ele podia ser mentiroso mas os outros também são, é de rir não é! Viva a mentira, onde estão os valores morais destas pessoas que é que elas ensinam aos filhos?
Mais uma vez este governante ao promover este belo show off, deu a entender aos "fracos de cabeça", que afinal não estamos assim tão mal, afinal nem vão cortar nos subsídios, por isso vamos continuar a comprar telemóveis de 300 euros a crédito quando ganhamos pouco mais de ordenado, ou fazer mais uns empréstimos, afinal está tudo bem, ou não estará?
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 05.05.2011 às 21:40

Está difícil, entre um troca tintas e um mentiroso....
Sem imagem de perfil

De VM a 05.05.2011 às 02:11

"Convém perceber que a crise existe mesmo, que é resultado de asneiras de muita gente que está ou já esteve no governo"
Caro Jorge Soares, já vi que para si não existe/existiu crise mundial, não existe especulação financeira, não existe Europa, por aí fora. Mas concordo com a parte de que a existência de um governo minoritário, ou melhor, a existência de coligações negativas é um problema.
Mas ao contrário do Jorge, eu sei em quem é que NÃO vou votar. Não vou votar, nem nunca votarei, em quem tenha contribuído para a queda de um governo sem que tenha apresentado alternativas.

Imagem de perfil

De Jorge Soares a 05.05.2011 às 21:45

A crise internacional existe, é claro, e a especulação.. mas não está a querer dizer que quem nos governou nos últimos anos não tomou muitas opções erradas que nos levaram onde estamos?

Foi preciso virem pessoas de fora do pais para que se tomaram medidas que eram necessárias à muito tempo, porque neste país governa-se a pensar nos votos e não no bem estar da população.
Sem imagem de perfil

De José a 05.05.2011 às 02:21

Caro Jorge, tendo de ganhar um partido, gostaria que ganhasse com maioria absoluta, porque acho que necessitamos – muito! - de estabilidade governativa. Dado que se me afigura que maioria absoluta não haverá, então, que não ganhe o PSD. Talvez o Dr. Fernando Nobre ficasse a saber onde está o “tal” saco de gatos… Saudações
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 05.05.2011 às 21:38

Concordo... ou pelo menos que se consiga um acordo que permita um governo forte, porque sem uma maioria vão ser tempos muito conturbados.
Sem imagem de perfil

De AF a 05.05.2011 às 02:53

Eu irei voltar votar PS! Não é bom, mas ainda não me esqueci de 10 anos cavaquismo! Quanto ao novo governo terá de resultar de PS+CDS e PSD dado que, por muita pena minha não existem partidos de esquerda que possam participar na melhoria do pais!
Sem imagem de perfil

De Paulo a 05.05.2011 às 09:33

Há quem ainda reclame do cavaquismo???
Tem piada!
Pois não há erros e atropelos cometidos durante os governos de Cavaco que não pudessem ter sido consertados, investidos e emendados (três vezes!) nos últimos 16 anos de socialismo!

As pessoas não tem noção das coisas. O Cavaco pode até ter tido ministros que não correram bem... mas hoje... qual é o ministério que não tem feito merda? E mais... ESTAMOS NA BANCARROTA!!!

É possível fazer pior?
Alguém é capaz de dizer que Cavaco fez pior??
Please! LOL
Sem imagem de perfil

De Isabel a 05.05.2011 às 10:23

E a bancarrota, meu caro Paulo, não se forma em 6 anos. A bancarrota vem, quer o Paulo queira, quer não, desde há mais de 20 anos e a meu ver de algumas decisões que se tomaram para se ganhar eleções com maiorias absolutas, como porexemplo:
Acumulação de pensões, subvenção vitalícia dos políticos aos 12 anos de serviço, toda a classe de professores chegarem ao topo da carreira. E já agora porque não perguntar ao Paulo se tem alguma razão para no tempo do Professor Cavaco, que foi a altura que Portugal recebeu milhões de contos (na altura não havia €) por dia para fazer estradas haver necessidade das parcerias público privadas que ainda agora estamos a pagar. É por estas e por outras que eu continuo a dizer que se há algumas classes contra o Sócrates é porque ele lhes acabou com a chulice.
Sem imagem de perfil

De Paulo a 05.05.2011 às 11:28

Isabel... e por que não dizer que a bancarrota vem de há 100 anos? Ou 300? Nenhuma bancarrota é inevitável num espaço de tempo tão recuado. Há 20 anos a bancarrota era evitável. Há 15 anos a bancarrota era evitável. Havia margem de manobra. Havia tempo (anos!). No entanto, há 6 anos a bancarrota TORNOU-SE inevitável. E pior... tornou-se PREVISÍVEL. Foi este governo que fingiu que não (ou não quis ver). Isto chama-se incompetência e irresponsabilidade.

Proteger o PS e tentar culpar o Cavaco é um argumento tão vazio quanto culpar o D. Sebastião. Quem espetou o país nesta bancarrota foi o PS e não o Cavaco ou o PSD. LEIA o meu post: nos últimos 16 anos, 14 foram de governo PS. Culpe o Cavaco, o Salazar ou o Marquês do Pombal se quiser.

Uma bancarrota se forma em 6 anos, sim! Estude um pouco de gestão e aprenda.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 05.05.2011 às 11:47

Concordo
Sem imagem de perfil

De Mia a 05.05.2011 às 11:58

Os únicos que continuam a votar Sócrates, são os que vivem de subsídios e nunca trabalharam, pois foi a única coisa que o Sócrates fez, dar subsídios.
Sem imagem de perfil

De José a 05.05.2011 às 13:27

Cara Mia, de facto, o fanatismo político – tal como o clubístico – leva-nos a dizer disparates. Leu bem o que escreveu? Está a referir-se ao ex-RMG (Rendimento Mínimo Garantido) criado no tempo de Guterres, renomeado em RSI (Rendimento Social de Inserção) pelo governo Barroso/Portas o que acarretou despesas enormes só por causa da mudança de nome? E sabe por que é que mudaram o nome? Foi para as pessoas pensarem que tinham sido eles (Barroso/Portas) a criar esse “benefício”! Felizmente nunca necessitei de ajuda, foram 41 anos de trabalho, podiam ter sido mais, mas Barroso/Portas não quiseram… Saudações
Sem imagem de perfil

De Margarida teixeira a 05.05.2011 às 13:44

Alguém diz que não há Esquerda, os únicos partidos que falam em direitos dos trabalhadores são o PCP e o Be, mas isso não interessa, só existe PS E PSD, E ASSIM VAI CONTINUAR POR MUITOS ANOS INFELIZMENTE.
Estamos longe de mentalidades da Europa, tanto ganha a Esquerda moderada, como a extrema esquerda,ou a Direita, nesta miséria de Paía, se alguém fala no PCP, é comunista lá vem a ex União Soviética, se falar no Bloco de Esquerda, vão acabar com as miltinacionais, etc....
Ainda acham que estes dois partidos deveriam falar com a TROIKA, via disponibilizar 12 milhões para a BANCA, acordem os bancos continuam a enterrar os portugueses, até nos incentivam a comprar relogios com credito individual, cobram 25% pela nossa conta ordenado, ACORDEM.....
Sem imagem de perfil

De Paulo a 05.05.2011 às 04:05

Olá, João:

Nos últimos 16 anos, 14 foram de governação socialista. Após a temporada Guterres, Durão Barroso disse que o país estava de tanga. Gozaram-lhe e chamaram-no "exagerado". Manuela Ferreira Leite disse que as contas públicas estavam na bancarrota. Chamaram-lhe "obsessiva com o défice". Hoje vai-se ver... já perdemos até a tanga e estamos mesmo na bancarrota.

Politiquices à parte... COMO (COMO????) é possível ainda ter dúvidas em quem vai votar? Temos um Primeiro-Ministro incapaz de dizer a verdade e uma equipe de ministros incompetente. Estas pessoas viram a bancarrota e acharam que o problema não era com eles. Passos Coelho não é Jesus Cristo... mas está a lutar contra uma máquina de propaganda gigante (16 anos!!!) para afastar esses incompetentes do futuro governo.

Para mim, a escolha é clara: PSD. Com todos os seus problemas, o PSD é 30 vezes mais capaz de fazer um bom trabalho do que o PS.

Obrigado.
Sem imagem de perfil

De MJ a 05.05.2011 às 09:06

Concordo completamente. Se o PS ganhar, mais vale passar um atestado de demência aos portugueses, pq os que votão já o estão e os que não votam neles, vão ficar. Aliás, eu até acho que os pais do nosso PM, se enganaram a dar-lhe o nome. Deveria de ser Nero, porque incendiou as nossas finanças como ninguém, comparável a ele só o Guterres, mas este por ser boa pessoa e mau gestor, mas este, por vaidade, arrogância e jogos de interesses com muitas mentiras à mistura. Posso até admitir que fez algumas coisas bem feitas, mas poucas principalmente com as medidas catastróficas que tomou. Saldo final, bastante negativo e quem paga a factura somos nós. Como já sei a porcaria que a casa gasta antes prefiro apostar numa aventura desconhecida do que correr o risco de afundar nela. em relação ao Passos Coelho, parece-me que não será muito competente, mas que está a ficar rodeado por pessoas capazes. Mas espero que não tenha a maioria absoluta e que precise do CDS para lhe poder melhorar as ideias. Em relação ao Sócrates, ele até poderia ter pessoas competentes, mas este deve ter sido o único governo em que o PM era o mandatário de tudo, e que mesmo os mais competentes não lhe conseguiram dar a volta e ainda fizeram mais má figura do que eles. Mas realmente, uma coisa temos de tirar-lhe o chapéu, é o ilusionista da palavra mais conceituado da história de Portugal. Por favor votem em todos, mas menos PS. Se o candidato a PM fosse outro, até poderia ser, mas com este incendiário que não merece o nome de um filosofo tão conceituado e sábio, é que não. Que Deus dê sabedoria aos portugues para votarem bem, é a minha oração.
Sem imagem de perfil

De meistofeles a 05.05.2011 às 10:37

Estou cá a lembrar-me que já nos foi vendida a ideia de que a Segurança Social estava falida, não tinha volta a dar-se-lhe. Vi quem queria aproveitar disso e quem surgiu para refazer o edifício, afastar a ideia de falência, digificar a ideia do Social, dar esperança! Os que deitaram abaixo estão de regresso a jurar que têm pena dos coitadinhos, mas a deixarem escapar que deveria haver uma remodelação, de novo, da Seg.Social, que de deve dar oportunidade aos privados, às seguradoras e etc!!!! Pergunta, alguém que não seja rico (que já ande a aproveitar-se das mais valias que não distribuiu por quem o enriqueceu) vai votar nesses que deitaram e querem deitar, de novo, abaixo a Seg. Social?
Sem imagem de perfil

De Raul Costa a 05.05.2011 às 13:53

Caro MJ, fez-me rir agora, o PSD tem pessoas competentes??? Aquele anormal do Catroga, que na década de 80 foi executado por dívidas ás finanças, que não sabe nem gerir a casa dele e vem opinar sobre as nossas, O cavaco que criou o monstro da função pública e o Guterres que a seguir veio efectivá-los, têm a memoria curta ??? Onde está o dinheiro dos subsidios que o Cavaco andou a dar aos seus amigos agricultores??? Alguém me responde . Realmente nós temos a classe politica que merecemos.....
Sem imagem de perfil

De Isabel a 05.05.2011 às 11:17

Passos Coelho não é Jesus Cristo. Pois não e também não é um contribuinte. Acusam o Sócrates de ser um engenheiro relativo mas mal ou bem fez os seus descontos, contribuiu para o País. O que se pode chamar a um economista que, com 48 anos de idade tem 4 de contribuições. O que fez nos restantes? Esteve à mama da política, já se vê. Se, para si, o economista relativo é melhor, faça bom proveito.
Sem imagem de perfil

De Elisabete a 05.05.2011 às 13:28

Concordo plenamente consigo Isabel.

Comentar post


Pág. 1/5



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D