Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Trabalhamos demais porquê?

por Jorge Soares, em 27.02.08

Relogios e trabalho

 

A propósito deste post  da Inês, lembrei-me de uma situação que me contaram há uns tempos atrás.

 

Um dia numa reunião de quadros de uma empresa, discutia-se o facto de as pessoas trabalharem por norma mais horas que as que eram devidas, um dos quadros virou-se para o CEO da empresa e disse:

 

-Existem três causas possíveis para alguém passar mais tempo que o normal na empresa:

 

1 - A pessoa não consegue organizar o seu trabalho de forma a que o seu dia renda, passa o dia em tarefas acessórias ou em assuntos pessoais e portanto necessita muito tempo para realizar as suas tarefas... isto é um problema para a empresa.

 

2- A empresa distribui mais trabalho ao empregado que aquele que é possível realizar nas suas horas normais, isto cria tensão, faz com que a pessoa se sinta frustrada... e termina por ser um problema para a empresa.

 

3- A pessoa não consegue conviver com a sua família e portanto passa o maior tempo possível na empresa, e utiliza esta como desculpa para não ir para casa... e mais tarde ou mais cedo, isto será um problema para a empresa.

 

Por acaso não sei qual foi a resposta do CEO , ou se alguém retirou as devidas ilações desta constatação, por aquilo que ouvi que esta empresa continua a cultivar a cultura do trabalho fora de horas.... sem a devida compensação, é claro,.... e quem cumpre o seu horário é olhado de lado, mesmo que  tenha as suas tarefas em dia e cumpra com todas as suas responsabilidades.

 

Quando entrei para a empresa donde trabalho, eu também era assim, trabalhava que me fartava, no fim do primeiro ano tinha contabilizados mais de 40 dias de trabalho extra.... até que a minha filha nasceu e a P. disse que me queria em casa..... passei a ficar só quando é assunto de vida ou morte... e o meu trabalho continua a ser feito... é uma questão de opções, de força de vontade e de organização. É claro que nem tudo é tão simples, e mais agora em que o emprego não está fácil e é preciso fazer pela vida...mas se eu consegui......

 

Jorge

PS:Imagem retirada da Internet

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:41


10 comentários

Sem imagem de perfil

De Crisálida a 28.02.2008 às 18:46

Nossa, amigo, nem me fala nisso... Eu trabalhava demaaaaais, mas já há um tempo estou disciplinada e não fazer horas-extras sem que seja uma emergencia, e mesmo assim, priorizo minha vida pessoal. Mas ainda assim, trabalho muito... :-/

Beijinhos
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 28.02.2008 às 21:50

Olá Lu... é bom ver-te por cá.

É muito importante sabermos dar prioridades, comigo foi fácil, a minha filha bebe era mais importante que tudo....e a P. não estava disposta a arcar com tudo sozinha... logo...

Beijinho amiga
Jorge
Sem imagem de perfil

De marisa a 28.02.2008 às 20:28

Hmmm... essa situação é-me muito familiar. Eu não passo por ela, mas uma pessoa que me é proxima sim. E tal como dizes a cima, ninguém lhe paga para trabalhar horas extra.

Por acaso não trabalhas na Capgemini, não? :P
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 28.02.2008 às 22:00

Olá

Bem vinda ao meu humilde cantinho

Não, não trabalho na Capgemini... esta situação é muito frequente nas empresas de consultadoria (será Consultoria?), mas também acontece em outro tipo de empresas...

Obrigado pela visita, e por favor volta!

Jorge
Sem imagem de perfil

De Inês a 28.02.2008 às 23:37

Eu estou claramente no ponto 2. Tenho muito mais trabalho em cima do que aquele que é humanamente possível e até sou uma rapariga despachada.
Detesto esta cultura portuguesa de exploração. As 40 horas semanais deviam ser suficientes para produção.
Mas confesso que as horas que trabalho me trazem muitos conhecimentos e para já vou aguentando. Até porque mudar de emprego não me traria menos horas de trabalho mas talvez me trouxesse menos conhecimentos...
Neste momento ainda não me sinto frustrada... apenas cansada...
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 29.02.2008 às 00:34

Olá Inês

Agora é moda, eu tenho trabalho que dava para três de mim, e o problema é que com tanto trabalho não me consigo organizar... e as coisas vão-se a cumulando.

Enfim, é para o que está... alguém precisa de um informático?

Beijinho Inês, e obrigado pela visita.
Jorge

Imagem de perfil

De Mia a 01.03.2008 às 23:23

Também passei pelo mesmo. Primeiro trabalhava mais horas porque se saisse a horas era mal vista na empresa, era novata... tinha que me aguentar. Depois, despediram pessoas e eu tive que segurar todas as pontas...por fim era trabalho de mais e eu queria manter o meu brio profissional. acabava por fazer horas e trazer para casa trabalho de casa. os meus filhos precisavam muito de mim, ainda eram pequeninos. Uma vez estive doente e meti a primeira baixa de uma semana, nos 7 anos que tive na empresa.... resultado, quando voltei tinham alguem para fazer o meu trabalho. Essa foi a paga... despedi-me e acordei com o meu marido ficar em casa num periodo de 1 a 2 anos. A minha familia está primeiro que tudo!
bjokinhas
Sem imagem de perfil

De candida a 24.03.2008 às 19:41

desculpa aquilo do chato, mas há muitas coisas k não entendo.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 24.03.2008 às 19:49

Olá

Benvinda e tás desculpada, mas olha que aquele livro é dose....

Jorge
Sem imagem de perfil

De ToZé a 05.06.2008 às 19:29

Se fosse na Capgemini bem que podias ficar à espera das horas extra, nem um tostão.

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D