Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Braga de Macedo recebe 1400 Euros por mês

Imagem do Público

 

O ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, recebe todos os meses cerca de 1400 euros por subsídio de alojamento apesar de ter um apartamento seu na área de Lisboa onde reside durante toda a semana. A assessoria de imprensa do Ministério da Administração Interna (MAI) afirma que o subsídio é legal, uma vez que o governante tem a sua residência permanente em Braga.

 

 

Haveria que explicar ao MAI que há uma enorme diferença entre ser legal e ser moral, poderá ser legal, mas a verdade é que ante a situação actual do país, ante todos os sacrifícios que se pedem a todos os portugueses, isto é uma enorme imoralidade. O facto de o senhor se ter candidatado ao subsidio é de uma falta de vergonha que nem tem nome.

 

Com que lata é que depois estes senhores nos vem pedir sacrifícios quando eles aproveitam todas as oportunidades para chularem o estado? Quantos portugueses poderíam ter direito aos subsídios de natal e/ou de férias com os quase 16 mil Euros que o senhor recebe por ano à custa disto? E que tal ao menos terem um bocadinho de vergonha?

 

Jorge Soares

publicado às 09:47


15 comentários

Sem imagem de perfil

De Dario Silva a 22.10.2011 às 10:33

Perdão, 1400 euros x 12 meses…
Mas é tudo legal apesar de ser absolutamente pornográfico.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 23.10.2011 às 22:50

Há uma enorme diferença entre ser legal e ser moral... e a este senhor falta-lhe a moralidade toda.

Jorge
Sem imagem de perfil

De stiletto a 22.10.2011 às 11:09

Sempre gostava de saber quantas situações destas é que há em todo o universo dos nossos políticos!
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 23.10.2011 às 22:55

Olá

Muitas, muitas mesmo, ...


Jorge
Imagem de perfil

De sentaqui a 22.10.2011 às 11:17

É por estas e por outras que ando aqui com uma raivazinha contida e cá dentro há duas palavrinhas que não me saiem da cabeça:" Revolução já"
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 23.10.2011 às 22:56

Andamos todos... mas não nos podemos calar, temos que fazer sentir a estes senhores que apesar de haver quem os eleja cegamente, há entre nós que não se cale e não admita tudo.

Jorge
Imagem de perfil

De Alice Alfazema a 22.10.2011 às 13:50

E com esta atitude estes senhores(porque isto não é obra de um só)querem passar o espírito de leão, dragão, àguia e formiga. Parece-me antes espírito de cigarra, ou de hiena; de cigarra porque espera que os outros juntem para poder gastar; de hiena porque come as presas vivas.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 23.10.2011 às 23:14

E neste caso as presas somos todos nós....
Sem imagem de perfil

De Cris a 22.10.2011 às 22:34

Eu ando a dizer há anos que eles são todos iguais, mas parece que agora já me dão ouvidos e voz! Mas ainda é uma voz fraquinha fraquinha. Vai ter que aumentar uns decibéis...
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 23.10.2011 às 23:15

Olá

Não concordo que sejam todos iguais... os que tem governado até agora são, sem dúvida, mas eu quero acreditar que há no nosso país gente séria e capaz... tem de haver.

Jorge
Sem imagem de perfil

De Marito a 23.10.2011 às 13:18

E já agora pergunto, e como deputado também recebia ou recebeu? E quantos outros casos como este existem? SEM VERGONHA E SEM COLUNA VERTEBRAL.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 23.10.2011 às 23:16

Imagino que sim..e além disso recebia o dinheiro das viagens todos os fins de semana

Jorge
Imagem de perfil

De poetazarolho a 23.10.2011 às 16:46

“Animais”

Com a visão da águia vamos
Conseguir elevar-nos mais alto
Com energia do dragão estamos
A um passo de dar o grande salto

Com a força do leão estaremos
Defendidos para todo o sempre
Como a formiga trabalharemos
Não haverá povo como a gente

Se nos virem com ar deprimido
É porque somos muito ingratos
Cuspimos no prato onde comemos

Aproveitemos o que nos é oferecido
Aos políticos devemos estar gratos
Ou então nem sequer os merecemos.

http://profetablognot.blogspot.com/
Imagem de perfil

De Sofia a 23.10.2011 às 19:37

São situações completamente vergonhosas! Ainda no outro dia ouvi um senhor na televisão a fazer contas à vida pois não sabia como levar a vida com estes cortes tendo um salário de 1200€. E eu fiquei com vontade de lhe perguntar como o fazem as pessoas que têm pensões de 250€??!!
Isto está insuportável...precisamos revolucionar o país sem dúvida!
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 23.10.2011 às 23:18

Olá

Isto tudo é uma verdadeira vergonha... mas convém recordar que toda esta gente anda por lá porque nós os elegemos....

Jorge

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D