Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A austeridade já chegou à Madeira ... ou não!

por Jorge Soares, em 08.11.11

Na Madeira não há vergonha

Imagem do Público

 

Os funcionários públicos da Madeira têm amanhã dispensa do serviço, a partir das 14 horas, para assistirem à posse do governo regional, marcada para as 17h. 

 

Não está ali escrito, mas faltou dizer que evidentemente é para assistirem pela televisão, que não cabem todos na assembleia legislativa da Madeira. E com isto ficamos a perceber porque é que o homem ganha as eleições, com benesses destas a malta vai votar em quem? E pensar que por cá o governo do PSD anda a falar em cortar feriados para acabar com as pontes e aumentar a  produtividade.... está visto que à Madeira não é só o primeiro ministro que não vai... a austeridade também não.

 

Já agora a noticia também diz o seguinte: A última “tolerância de ponto” foi dada por Jardim na primeira sexta-feira de Agosto deste ano, para possibilitar aos funcionários públicos da região assistirem ao Rali Vinho Madeira.

 

Se alguém pensava que aquele barulho todo que se armou com o buraco dos 8 mil milhões serviu para algo, aqui está a prova de que não, na Madeira nem as moscas mudaram, e tudo isto continua a cheirar muito mal..... e os nossos impostos é que pagam. Onde andam as famosas medidas de austeridade que iam ser aplicadas à região para cubrir uma parte do enorme buraco que causou um rombo nas contas do país? Só para terem uma ideia, são precisos 4 anos de subsídios de natal e ano novo para se chagar a uma poupança igual ao buraco das contas do senhor Alberto João Jardim.

 

Então e um bocadinho de vergonha, não?

 

Jorge Soares

publicado às 21:49


8 comentários

Imagem de perfil

De DyDa/Flordeliz a 09.11.2011 às 00:44

Vê lá se o homem ainda te chama de...
Salazar?!
Sim! Ele ri na tua e na minha cara.
Vergonha? Para isso era necessário - ter consciência!

Portanto: Haja paciência (muita).
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 10.11.2011 às 23:45

Pois.. eu devo estar algures na lista negra do senhor....

Mas tens razão, ele ri-se de nós à gargalhada .... eu não sei tu, mas eu já não tenho paciência, nem para ele nem para quem por cá lhe dá cobertura....
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.11.2011 às 01:46

Adorava que fosse dada a independência à Madeira. Tenho impressão que a coisa piava mais fino. Mas o culpado não é só ele. A falta de vergonha tb vem de quem o põe lá. Não tenho pena nenhuma dos madeirenses.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 10.11.2011 às 23:45

Pois, isso é algo que já tenho advogado cá no blog mais que uma vez... independência para a Madeira, já.

Jorge
Imagem de perfil

De golimix a 09.11.2011 às 08:32

A palavra "vergonha" não consta do dicionário de muita gente!
Só não consigo perceber como é que esta gente tem a distinta coragem de por grande parte do País na penúria e ainda dorme de noite, sabendo que existe outra saída, basta serem justos.
Inté, L.Maria
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 10.11.2011 às 23:47

Como é que eles dormem?.. quentinhos e bem aconchegados nas suas camas king sizes, nas suas mansões de luxo bem temperadas eles querem lá saber de nós?

Jorge
Imagem de perfil

De Rosinda a 09.11.2011 às 11:45

Basta olhar com olhos de ver para a cara do sujeito, para nos apercebermos que ele é RATO!
Eu se pudesse colocava-lha aquele remédio em que, os ditos "bichos" ficam colados e esperneiam de caraças!

E neste momento eu pergunto:
De que estão à espera para mandar a Madeira às favas? Ou às ervilhas de cheiro, para não ofender o Jardim...
Um abraço
Rosinda
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 10.11.2011 às 23:48

Pois, isso é o que me tenho perguntado várias vezes; porque não dão a independência aos gajos e eles que se governem?

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor


Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D