Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Somos piegas sim, é triste, mas é verdade

por Jorge Soares, em 08.02.12

E os piegas somos nós?

Imagem de Anterozoide 

 

Eu não consigo perceber tanto escândalo com as palavras do senhor, afinal o homem está carregado de razão.. só um povo piegas teria elegido um primeiro ministro destes depois da campanha pobre e cheia de contradições a que ele nos sujeitou e sobretudo, só um povo piegas se deixa entalar e roubar como este governo tem feito até agora sem dizer nem água vai....

 

Só quando ele decidiu que não há brincadeiras parvas de Carnaval para ninguém é que se ouviram uns ,poucos, gritos de contestação... mas isto não é ser piegas? ... então é o quê?

 

Malta, foram vocês que o elegeram, agora aturem-no.... a ele e ás bocas parvas dele.

 

Jorge Soares

publicado às 21:55


21 comentários

Imagem de perfil

De poetazarolho a 08.02.2012 às 22:58

“Povo deles”

Custe o que custar meu povo
Vejam lá não sejam piegas
Que isto não é nada de novo
Um dia disse-o Mário Viegas

“Não me peçam sorrisos”
Um povo assim humilhado
Não se leva com tais avisos
E de todos vós vive cansado

Nós que construímos caminho
Sem reconhecimento nem glória
Cansados à tarde após a labuta

Dispensamos o vosso carinho
Não partilhamos da vossa vitória
Guardai p’ra vós os louros dessa luta.
Imagem de perfil

De poetazarolho a 08.02.2012 às 23:00

“Fraco rei”

Para que se construiu Abril
Estamos como em Janeiro
Só que agora há vozes mil
No covil quem é primeiro?

Instrução aos mais capazes
Lugar aos mais competentes
O trabalho com capatazes
E o poleiro p’rós dementes

Gritam-nos “vem aí o lobo”
E que a todos vai deglutir
Mas o pior está p’ra vir

Não será o estado novo
Será o que nos querem servir
Já não tem força este povo.
Imagem de perfil

De DyDa/Flordeliz a 08.02.2012 às 23:59

Se todos estivessemos de barriga cheia e cú quente (como ele) ninguém reclamava.

Deixe de ser idiota e pondere o que diz antes de ofender quem o elegeu e acreditou nas palavras "mansas" com que enganou quem nele colocou o X (e olha que o meu não estava lá).

Não somos piegas.
- Eu não sou piegas.

Quando o Sr Coelho começou a trabalhar eu tinha a idade dele.
Mas com uma diferença de 21 anos de descontos e trabalho em cima do corpo.
Portanto: Vá chamar piegas ao raio que o parta.

E "voilá"! Há dias em que me salta a tampa. Pena que não lhe acerte na cabeça de forma a que as ideias dele fiquem mais arejadas.






Imagem de perfil

De Jorge Soares a 09.02.2012 às 22:46

E não é que o homem não se cala? ainda nem tinha acalmado a poeira do Piegas.. já temos uma nova e bombástica declaração.. os políticos em Portugal ganham pouco.... afinal, ele acha que ainda não tem o cú o suficientemente quente.. já viste? não ganha o suficiente para o aquecimento....

Vais ver que um destes dias anuncia que se aumentou o ordenado.. quer a carteira..digo, a barriga, mais cheia.

Jorge
Sem imagem de perfil

De Susana Carvalho a 09.02.2012 às 00:21

Realmente, somos piegas sim. Não votei neste senhor e desde que começou a governar que discordo com praticamente tudo o que ele faz ou manda fazer, mas concordo em não dar tolerância de ponto no Carnaval. Primeiro, o Carnaval não é feriado!! Se repararem, o Carnaval raramente vem marcado no calendário e quando vem, vem marcado com um E de Entrudo e não um F de Feriado. Portanto, a malta anda ao engano! E sim, os portugueses são uns piegas de primeira apanha, porque estão mal habituados a pontes e tolerâncias e agora já tinham o fim-de-semana marcado na Serra da Estrela, ou no Algarve ou seja lá o que for, e o PM veio estragar-lhes a festa. Não percebo, os portugueses querem regalar-se nos frutos do seu trabalho, mas sem trabalhar?
O Carnaval é uma festa (não tem significado nenhum importante), por favor, ide trabalhar! A Implementação da República e a Independência de Portugal sim, é que deviam manter, mas com feriados históricos não vejo os portugueses muito incomodados (claro, o que interessa é a festa!!).
Sem imagem de perfil

De dara maria a 09.02.2012 às 22:45

E porque não tentar perceber q se trata de linguagem coloquial, informal, não ensaiada, destinada ao meio escolar?Todos os professores deste país do básico à faculdade (ideologia à parte) sabem o q são estudantes piegas. Ou não?
Pobre povo ignorante que só vê o q lhe põem à frente do nariz sem capacidade de discernir. Quantos comentadores de pacotilha ouviram mesmo o discurso em causa? Foi assim tão deprimente? Não achei.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 09.02.2012 às 22:50

A parte do comentadores de pacotilha foi para mim? por acaso não ouvi o discurso... mas também não é preciso, desde há muito que o venho a ouvir, a dizer de manhã, e a contradizer a seguir ao almoço, a prometer que não tira subsídios e a tirar depois, etc, etc, etc...

Linguagem coloquial, é isso que a senhora acha?..e hoje quando diz que os políticos em Portugal ganham pouco também é coloquial?..e

Foi sim, mesmo deprimente... e é muito triste que a esta altura ainda haja quem o defenda.. pelos vistos a crise e a austeridade não chegou a todos.

Jorge Soares
Sem imagem de perfil

De Susana Carvalho a 10.02.2012 às 02:33

Este país precisa urgentemente que as pessoas mudem de mentalidade, seja o povo ou a classe política (visto que a classe política é o reflexo do povo, afinal de contas, é de lá que vêm).
Enquanto uns não votarem e outros serem cobardes e só votarem no laranja ou no rosa, o país não evolui em nada. Já experimentaram PS, PSD, CDS-PP, não resulta, porque não têm a coragem de mudar? E os que não votam, porque permitem que outros decidam quem governa por eles? As pessoas não se interessam o suficiente, e só reclamam quando lhes vão ao bolso ou lhes tiram tolerâncias de ponto. Aí já é tarde!! Somos piegas e somos irresponsáveis (como alguém aqui disse e muito bem). Não fazemos nada pelo bem do país, só queremos saber do nosso bem estar, lazer sim, trabalhar não. Mais vale uma mão inchada que uma enxada na mão...
O senhor Passos Coelho é o PM eleito por meia dúzia de carneiros com palas nos olhos e agora temos que levar com ele. Para a próxima sejam mais corajosos, tomem a iniciativa e votem em algo que não sejam os suspeitos do costume. Caso contrário, é garantido que passamos a vida nisto; políticas baseadas em acordos com a Troika (e mais além!!!), cada vez pagamos mais para ter menos e em vez de lutarmos pelos nossos direitos, reclamam alguns por causa da porcaria de uma tolerância que nunca devia ter existido sequer! Andamos com as prioridades trocadas, pelos vistos...
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 09.02.2012 às 22:52

Olá

Acho que leste o meu post sobre o assunto, tirando o timing, acho que devia ter anunciado a medida muito antes, deve ser a única coisa em que concordo, ia ficar chateado se depois de tirar feriados, férias, horas.. viesse dar tolerâncias de ponto.

Jorge
Imagem de perfil

De efoi a 09.02.2012 às 10:11

Não somos piegas, somos irresponsáveis... e este (e os outros também)governo é a nossa irresponsabilidade

Imagem de perfil

De Jorge Soares a 09.02.2012 às 22:54

Olá

Concordo... bom ponto de vista...

Jorge
Sem imagem de perfil

De rpm a 09.02.2012 às 10:13

Jorge, se fossem apenas aqueles que o elegeram que tivessem de o aturar eu até achava bem.

A merda é que eu não votei nele, nunca votaria nele nem na corja que o rodeia e também aturo os disparates que ele diz e as asneira que faz.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 09.02.2012 às 22:55

Ora lá está... uma enorme verdade, pode ser que a maioria que votou nele ou os que nem lá foram e são tão responsáveis como eles, acordem e façam algo para remediar o desastre...esperemos que não seja tarde.

Jorge Soares
Imagem de perfil

De libel a 09.02.2012 às 13:39

É de facto triste a importância e o alarido que se faz, à volta de um vocabulário menos formal, mais popular. Todo o empolgamento gira à volta do facto do senhor ter chamado aos portugueses de "piegas", lá está, não quero ofender ninguém, mas será que os portugueses só percebem o que se passa, ou se tocam, quando o vocabulário é popular.
Se for isso, temos que fazer um referendo, para que as campanhas sejam mais claras, ou seja, uso exclusivo de termos populares. Quem sabe não resulta. Agora é esperar pelas próximas eleições.

Beijinhos
Sem imagem de perfil

De Cris a 09.02.2012 às 14:41

Eu gostava que, a par dos termos populares, o senhor também torna-se populares algumas explicações que não dá. E gostava, finalmente, que o populus realmente importasse a esse senhor e a todos os outros que já geriram ou irão gerir os nossos destinos. Eu vivo de utopias, vá-se lá saber porquê...
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 09.02.2012 às 22:59

Gostavas tu e gostávamos todos...e já agora que ele se calasse.. isso é que era.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 09.02.2012 às 22:57

Hummm e que tal um referendo para que as campanhas sejam honestas? ou para que as promessas se cumpram?... isso é que era.

É evidente que tudo isto está muito empolado.. mas o senhor devia aprender a estar calado.. ainda agora saiu mais uma.. "Em Portugal os políticos ganham pouco"... isto só pode ser mesmo a gozar com o povo.

Jorge
Imagem de perfil

De golimix a 09.02.2012 às 16:49

Sabes Jorge começo a compreender o que dizes quando afirmas que somos piegas (já vi os teus comentários em outros blogues), primeiro mal ou bem o senhor foi eleito, se foi eleito é porque gostaram da cantiga dele e se ainda lá está é porque continuam a gostar! E digo-te mais vai uma aposta em como volta para lá de novo?
Pois é meu caro... não sei se é pieguice, masoquismo, ou burrice!
Agora preferia é que já que temos mesmo que o gramar e que gramar com a Troika agradecia que é que os nosso políticos permanecessem amordaçados porque as pérolas que vêm soltando não são lá muito felizes. Obrigada!
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 09.02.2012 às 23:03

Hummm, falta quanto tempo para as eleições?...sabes uma coisa, a esta distancia eu se calhar nem me importava que ele conseguisse ganhar outra vez.. era sinal que mail ou bem, as coisas estariam mais ou menos... vá, que não tínhamos chegado ao estado em que está a Grécia.... acho que isso já era uma boa noticia... mas na realidade eu não acredito muito nisso.. aliás, nem acredito muito em que ele chegue ao fim do mandato... se calhar nem a meio...basta olhar para a Grécia e ver ao que levaram as medidas que estão a tomar por cá..depois basta ver quantos governos já teve a Grécia desde que pediram ajuda.

Jorge
Imagem de perfil

De golimix a 10.02.2012 às 12:24

Jorge nós são somos gregos, estás a esquecer-te do "povo de bandos costumes" e estás a esquecer-te do mais importante, este povo é fruto de uma ditadura de mais de 30 anos que ainda pesa na maneira de ver as coisas.
Por isso acho MESMO que venham as medidas que vierem não vai acontecer nada, porque os que falam e querem mudança são poucos e nada dados a extremismos. Acho que vamos mesmo ter que "morder a língua" e "aguentar custe o que custar".
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 12.02.2012 às 23:31

Humm, de facto não somos gregos.. mas não sei se realmente isso é bom ou mau... era bom que as coisas não chegassem até ao ponto do que se passa na Grécia.. mas eu não tenho a certeza... v~e o meu post de hoje à noite.

Jorge

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D