Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Incêndios na Madeira

Imagem do Público

 

Infelizmente os anos passam e as coisas só pioram, o que se está a passar na Madeira, em Tavira e um pouco por todo o país é uma repetição do que se passou o ano passado, há dois anos, e básicamente em todos os anos anteriores, porque apesar de que todos os verões é a mesma coisa, a verdade é que não aprendemos nada de um ano para o outro e mal termina o calor e aparecem as primeiras chuvas em Setembro ou Outubro, simplesmente esquecemos os incêndios, a área ardida e as causas de tudo isto.

 

A propósito deste assunto, escrevi o seguinte neste post a 27 de Julho de 2010:

 

Há 15 dias fui passar o fim de semana aos meus pais, no Sábado à tarde peguei na máquina fotográfica e fui dar uma volta pelo lugar. Junto às ultimas casas e antes de entrarmos na densa floresta de pinheiros e eucaliptos, nos terrenos abandonados restam algumas árvores de frutos, uma figueira, pessegueiros, restos de uma enorme cerejeira e uma macieira coberta de frutos avermelhados que despontam por entre o enorme silvado que tomou conta de tudo. Do outro lado e a poucos metros das casas, por entre as árvores o mato que há muito não é limpo por ninguém, é bem mais alto que eu.

 

Hoje no telejornal (podem ver aqui) Hermínio Loureiro, Presidente da Câmara de Oliveira de Azeméis, desde as margens do rio Caima em Ossela, falava de um incêndio que decorria a poucos metros da povoação e descrevia uma situação assustadora e caótica. Lembro-me de há 3 ou 4 anos passar naquele mesmo lugar, que fica a poucos Kms da casa dos meus pais,  e ver toda a encosta junto ao rio completamente queimada. Não foi há muito que toda aquela floresta ardeu.. esse incêndio terá sido a ultima vez que aquele lugar foi limpo, sendo que desde então esteve a acumular combustível... para mais um incêndio.

 

A lei diz que a responsabilidade da limpeza das matas é dos seus proprietários, mas cabe ao estado, neste caso à Câmara Municipal, fiscalizar e notificar para que as limpezas sejam feitas. A realidade é que as matas não são limpas, ninguém fiscaliza e mal o tempo começa a aquecer os incêndios aparecem... e as imagens são as que infelizmente conhecemos de todos os anos.

 

Em toda a Europa a Biomassa é um negocio  que movimenta muitos milhões de Euros e em crescimento constante, em Portugal a biomassa acumula nas matas até que é consumida pelos incêndios florestais. O dinheiro que não se ganha com o seu aproveitamento é gasto no aluguer de aviões e de helicópteros que são sempre em número insuficiente para acudir ao número cada vez maior de incêndios (notícia do Público).

 

É de louvar que nesta altura o Sr, Hermínio Loureiro apareça junto à população, mas era muito mais inteligente de sua parte aparecer por lá na Primavera junto com os fiscais da Câmara e garantir que no verão as matas estejam limpas e livres de biomassa, e a prevenir que estas coisas aconteçam. E quem diz Hermínio Loureiro, pode dizer qualquer outro responsável camarário das centenas de câmaras com área florestal no nosso país.

 

Hoje os locais e os protagonistas são outros, mas a realidade e os culpados são os mesmos

 

Jorge Soares

publicado às 23:01


8 comentários

Sem imagem de perfil

De Cris a 19.07.2012 às 20:22

Pois é: o calor não explica tudo. E a biomassa idem. Será que já se estão a preparar para rentabilizar a nova lei dos eucaliptos?
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 22.07.2012 às 22:31

Talvez, mas a verdade é que matas limpas não ardem... não há incendiário que as consiga queimar... acho eu.

Jorge
Imagem de perfil

De momentosdisparatados a 20.07.2012 às 08:43

Infelizmente as pessoas têm a memoria curta e para o ano iremos ver o mesmo em outros locais e com outros protagonistas.
Achamos sempre que só acontece aos outros.
Ah, e o estado que deveria dar o exemplo também faz o contrario da lei. Pelo menos foi o que eu ouvi na reportagem na madeira. Falava um senhor que por pouco não tinha ficado sem a casa, que à volta eram terrenos da chamara e que estavam cheio de mato.
Bom fim de semana
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 22.07.2012 às 22:33

O estado devia dar muitos exemplos, nesta altura já vimos muitos presidentes de câmara a reclamar com os bombeiros e com a coordenação, será que vamos alguma vez ver um a dizer que não fiscalizou e não zelou pela limpeza das matas como diz a lei?

Jorge
Sem imagem de perfil

De Luis a 20.07.2012 às 09:12

Caro Jorge.

Tem razão ao afirmar que as matas continuam por limpar e que não há fiscalização.

Mas esqueceu-se de referir as centenas ou milhares de incêndios com origem criminosa:
- Vários dos maiores incêndios dos últimos anos têm começado a partir de 3 ou 4 focos simultâneos. É culpa dos proprietários ou do tempo?
- Vários dos maiores incêndios têm tido origem em vinganças tipo:"não gosto do meu vizinho, vou queimar 10 pinheiros que ele tem". É culpa dos proprietários?
- Vários dos maiores incêndios têm tido origem em queimadas no Verão. É culpa dos proprietários?
- Vários dos maiores incêndios têm tido origem em cigarros enviados para a berma. É culpa dos proprietários?

O negócio da biomassa é rentável? Será em zonas como o Pinhal de Leiria. E em zonas com milhares de proprietários, muitos deles desconhecidos?

PS: Não sou proprietário.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 20.07.2012 às 09:23

Luís, estou completamente de acordo consigo, mas pense lá comigo, se as matas estivessem limpas será que os incendiários, seja qual seja a sua motivação, teriam onde pegar o fogo?

Se as matas estivessem limpas não seria muito mais fácil controlar os focos de incêndio que sem combustível seriam muito mais pequenos e lentos?

É evidente que a culpa não é só dos proprietários, mas matas limpas não ardem.

Jorge Soares
Imagem de perfil

De golimix a 21.07.2012 às 10:27

Muitas serão as causas, desde falta de cumprimento dos proprietários e fiscalização dos mesmos, cigarros atirados para a berma, e essa já vi com os meus olhos! Um cigarro a ter já uma rodinha de erva seca queimada que se eu não chega-se se transformaria em muito mais. Interesses, vingança, maluquice,...
O certo é que me parece que o pouco que podemos de facto controlar e intervir não está a funcionar, e deveríamos aprender com os erros, ou não?

Bj e bom fim de semana
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 22.07.2012 às 22:34

Devíamos mesmo, mas daqui a dois meses começa a chover e tudo isto será história... esquecida.

Jorge

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D