Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O povo saiu à rua... para quê?

por Jorge Soares, em 16.09.12

Sinais de paz em Lisboa

Imagem de aqui 

 

Não, não fui à manifestação, infelizmente antes de sair a convocatória eu tive a infelicidade de marcar algo para o mesmo dia e a mesma hora, e portanto não deu... com muita pena minha, apesar de que neste blog sinto-me mais ou menos em manifestação constante.

 

Rezam as crónicas que estas terão sido as maiores manifestações desde o primeiro de Maio de 1974, mais de 600 mil pessoas na rua, é obra. 600 mil portugueses que de forma firme mas ordeira fizeram questão de mostrar a Passos Coelho, à troika, ao governo, à assembleia da República e ao presidente da República que afinal não vale tudo....

 

Será sem dúvida um dia para recordar por muita gente, mas será que os visados entenderam a mensagem? E sobretudo, será que todo aquele mar de gente que encheu as ruas de muitas cidades pelo país fora, entendeu a sua mensagem?

 

A questão é, imaginemos que amanhã se dissolvia a assembleia da República e que eram convocadas eleições para daqui a dois ou três meses, em quem votaria aquele mar de gente? 

 

É bom que o povo tome consciência de que estas medidas não podem ser a solução, é bom que todos tomemos consciência que este caminho não nos leva a lado nenhum.... mas também era bom que todo aquele mar de gente entendesse que a solução também está em nós e era muito bom que todos entendêssemos que para além de manifestações como a de ontem, onde realmente podemos fazer a diferença é no momento de votar.

 

Está mais que visto que estes senhores não vão mudar de rumo e dos que lá estiveram antes estamos conversados, a questão é, será que toda aquela gente está preparada para de verdade mudar o rumo do país e votar noutros, ou como tantas vezes ouvi durante esta semana vencerá de novo o "eles são todos iguais"?

 

Será que aprendemos mesmo alguma coisa com o que aconteceu neste país nas últimas duas ou três décadas ou estas manifestações são só fogo de vista como foi a da geração á rasca? ... que é bom recordar foi antes das eleições que levaram estes senhores ao governo.

 

Jorge Soares

publicado às 21:30


16 comentários

Sem imagem de perfil

De Susana Carvalho a 16.09.2012 às 22:49

Estou muito de acordo com o Jorge.
A manifestação de nada vale, se na hora de votar, continuarmos a votar nos mesmos. As sondagens já mostram o PS na frente do PSD. Alguém acha que estaríamos melhor com o PS? Ia ser exactamente a mesma coisa. Manifestem-se sim, mas na na hora de votar, votem... e não votem nos mesmos.
Sim, já chega... já chega dos políticos do costume.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 18.09.2012 às 22:28

Pois Susana, o problema é esse, a seguir saem estes e vem mais do mesmo.. quando será que as pessoas vão olhar à volta e perceber que há mais alternativas?

Jorge
Imagem de perfil

De poetazarolho a 16.09.2012 às 22:52

“Manifestação comercial”

Manifestação é fogo
Que arde sem se ver
Meu povo foi a jogo
Este jogado p’lo poder

É o poder que não se vê
Quem manda não aparece
Hoje passa a rodos na têvê
E amanhã já se esquece

Teremos nova austeridade
Nesta loucura prometida
Que nos arrasta em espiral

E p’rá semana na cidade
A manifestação já decidida
Será no centro comercial.
Imagem de perfil

De Kok a 16.09.2012 às 22:59

As minhas (as nossas) dificuldades são as mesmas de ontem: olho em volta tentando ver em quem votar, em quem é possível ser de facto uma escolha credível, e nada!
Ninguém me parece com capacidade de ser o tal.
Tal como em 2011, ou antes disso.

Tive "mais sorte" do que tu pois não tinha nada combinado e por isso caminhei até à Praça de Espanha e depois mais um pouco.
Vi pessoas mostrando desagrado, raiva, desilusão, esperança, mas sobretudo convictas da serem ouvidas e consideradas.
Resta esperar pelo resultado. E que seja o recuo da estúpida decisão do sr. Coelho.
Porque estou em crer que a próxima manifestação já não será tão calma.

1 abraço!
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 18.09.2012 às 22:29

Bom.. eu olho à volta e vejo que há mais além do PS e do PSD e do CDS... se calhar está na hora de percebermos que se calhar é de um dos outros que tem que vir a solução.

Jorge
Imagem de perfil

De aespumadosdias a 17.09.2012 às 13:24

Vamos esperar pelas cenas dos próximos capítulos:
- reunião da comissão política do PSD na 4ª feira;
- conselho de estado na 6ª feira.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 18.09.2012 às 22:30

Olá

Pois... eu não colocaria muita esperança nessas reuniões, està à vista que apesar da zanga, as comadres não vão abdicar do poder...e de Belém, só pasteis.

Jorge
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 19.09.2012 às 11:17

Concordo .... mas, nesse caso quem é que achas que poderíamos escolher para ser o nosso Mario Monti?

Jorge
Imagem de perfil

De aespumadosdias a 19.09.2012 às 18:23

Mário Monti foi comissário europeu, logo a única escolha possível seria António Vitorino mas é do PS. No entanto o candidato natural do PSD seria Manuela Ferreira Leita.
Uma excelente escolha seria Rui Vilar, actualmente à frente da Fundação Calouste Gulbenkian.
Sem imagem de perfil

De stiletto a 19.09.2012 às 22:18

Rui Vilar até pode ser muito competente mas já não está à frente dos destinos da Fundação Calouste Gulbenkian como podes ver aqui http://pt.wikipedia.org/wiki/Em%C3%ADlio_Rui_Vilar.

Depois desta correcção, quanto ao suposto Governo de Salvação Nacional (não acredito que aconteça) a hipótese mais provável seria Manuela Ferreira Leite. Ainda por cima é amiguinha do PR.
Imagem de perfil

De golimix a 17.09.2012 às 15:19

Tal como já te disse, espero que esse dia tivesse sido o primeiro dia de uma verdadeira mudança no acto cívico e na consciência cívica de cada um. Porque já conseguimos pelo menos provar que, e para parafrasear algo conhecido, "Yes! We Can!"
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 18.09.2012 às 22:47

Olá

Gostava de pensar que sim.. que foi o início de qualquer coisa.... mas tenho sérias dúvidas, vejo muita gente acomodada, muita gente a dizer que não há alternativas...

Jorge
Imagem de perfil

De golimix a 19.09.2012 às 09:59

Sabes, acho que não há coragem para alternativas.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 19.09.2012 às 10:19

Nesse caso andamos a gritar para quê?, se não temos coragem para uma verdadeira mudança e se sabemos que com os mesmos não vamos lá... resta-nos o quê?

Jorge
Sem imagem de perfil

De JotaB a 17.09.2012 às 23:48

Direccionemos a nossa revolta para os políticos e os partidos.
E essa gentalha está na assembleia da república e nas sedes partidárias.

http://www.youtube.com/watch?v=pE_VbjcFz4c
http://www.youtube.com/watch?v=RNr1eOhA4qE&feature=related

Os actuais partidos e políticos terão que desaparecer do nosso horizonte.
É aqui, a meu ver, que deveremos actuar, concentrando toda a nossa energia.

Notas finais:
O aníbal silva não merece que gastemos um segundo das nossas energias com ele, pois é um zero absoluto.
O governo cairá inevitavelmente, se resultarem as nossas acções, estas ou outras.

Acabemos com esta farsa a que chamam democracia.


Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D