Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Presépio é com vaca e burro

Imagem minha do Momentos e Olhares

 

Reza a lenda que o primeiro presépio do mundo terá sido montado em 1223 por São Francisco de Assis, que na ânsia por fazer entender o significado do nascimento de Jesus e do natal às pessoas comuns, decidiu que nesse ano a data em lugar de festejada na igreja, seria na floresta, para onde mandou transportar uma manjedoura, um burro e um boi. Desde então para cá e durante os últimos 900 anos, a tradição instalou-se  e o natal tem-se festejado assim, com manjedoura, menino, José e Maria, Reis magos e camelos e claro, o burro e a vaca.

 

É claro que tudo isto é uma questão de fé, na realidade ninguém sabe bem nem o lugar, nem a data, nem as circunstâncias do nascimento de Jesus, quem tem fé acredita que Maria era virgem e portanto terá concebido por obra e graça do Espírito Santo, que o menino nasceu numa manjedoura e que uma estrela guiou os três reis magos até ao lugar onde tudo isto terá acontecido...

 

Hoje ficamos a saber que afinal não devemos ter tanta fé. Segundo um livro escrito pelo papa Bento XVI, afinal no lugar onde nasceu Jesus não havia animais e que portanto no presépio não deveria haver nem burros nem vacas.

 

Segundo o papa, a fé deve servir para acreditarmos que Maria era virgem e que Jesus ressuscitou, já os reis magos podem ou não ter existido, ele não acredita lá muito nisso, mas pode ser.

 

Para mim que não sou uma pessoa de fé, se Jesus realmente nasceu numa manjedoura é muito mais natural que lá estivessem os animais que o contrário, afinal as manjedouras estão nos estábulos que é precisamente onde costumam estar os animais.

 

Já aqui falei sobre a forma como olho o natal, foi neste post, é uma festa familiar e tradicional, que serve para juntar a família à volta da mesa. O meu natal só faz sentido com uma árvore enfeitada e um presépio... e menino em palhas deitado sem burro e sem vaca não faz sentido nenhum.... De resto acredito mais rapidamente que estivessem lá os bichinhos a ver o nascimento do menino, que na ideia de Maria ser virgem ou Jesus ter ressuscitado... mas isso sou eu.

 

Com tantas coisas sobre as que botar faladura, com tantas desgraças a acontecer no mundo e sobre as que ele nunca fala, para que raio havia agora de vir o papa estragar a tradição a meio mundo?

 

Jorge

publicado às 21:15


5 comentários

Imagem de perfil

De Dona das Chaves a 22.11.2012 às 00:21

Sempre me disseram que o burro e a vaca e algumas ovelhas, faziam parte do estábulo, e foram eles que aqueceram o menino Jesus, naquela noite fria. Para mim, os presépios sempre tiveram o burro e a vaca de um lado do Menino para o aquecer, José e Maria do outro lado a venerar. Mas porque raio vem agora o Papa armar-se aos cucos? Se as pessoas já se estão a afastar da igreja por esta não evoluir com os tempos, acha o Papa que é com esta ideia revolucionária que vai cativar fiéis? É que nem tanto ao mara, nem tanto à terra... é preciso a igreja modernizar-se, mas não assim, matando o pouco em que as pessoas ainda acreditam. Para mim, tanto me dá, como deu, há muito que a fé, está num plano lateral. Acredido que possa ter havido, um ser humano, que se tenha revelado "especial" naquela época, como acredito que tenham existido pessoas excepcionais em humanidade, que hoje são considerados Santos. Fora isso, tudo o mais, neste caso a Bíblia, foi escrita por homens, logo tão falível como a própria humanidade.
O Papa, antes de ser quem é na igreja, é um humano igual a qualquer outro, logo tão falível quanto qualquer um de nós. Não quero com isto desculpabilizar o que escreve Bento VI, e nem sequer gosto do Sr. que sinceramente, acho que não cativa ninguém, nem perto do que cativou o Papa João Paulo II, que apesar de não ter grande abertura em relação à evolução dos tempos e da vida moderna, sempre teve carisma, e cativava as pessoas em redor da igreja.
Eu há muito que deixei de acreditar na religião como ela me foi apresentada, tendo agora as minhas próprias crenças. Portanto uma delas, é que a ter existido um Menino Especial, ele teve um um burro, uma vaca, e algumas ovelhas para o aquecerem. Se puderam existir pessoas más, que não abriram a porta a Maria, para ela pernoitar, porque é que não podem ter existido animais no estábulo, se são o mais óbvio no meio desta história? Estábulo- animais? Certo?
Há muito que não passava por aqui, e já me alonguei mais uma vez, e ainda ficam muitas ideias por dizer.
Xana
Imagem de perfil

De Dona das Chaves a 22.11.2012 às 00:24

Lá em cima, é Bento XVI...
Imagem de perfil

De sentaqui a 22.11.2012 às 01:30

Eu que sempre fui habituada a fazer o presépio com figurinhas de barro construídas por mim e pelos meus irmãos, em que nunca faltavam os animais, venho a saber por aqui que afinal não havia bicho nenhum...que desilusão! Desilusão não é de certeza a minha convicção de que este papa , pelo qual não tenho especial simpatia, resolveu deixar obra através de livros que vêm abalar toda a fé de todos os cristãos convictos.
Tal como tu, para mim apesar de não ser ateia, o Natal é a festa da família.
Acredito em Jesus, em Buda , Maomé ou Alá, acho que existiram sempre seres iluminados que de formas diferentes tinham um objectivo comum: fazer com que a humanidade se regesse por princípios e valores que visassem o bem comum e universal e agora vem este senhor que de iluminado não tem nada, dividir, confundir e tentar alterar o que para mim é inalterável...a fé de quem a tem.
Imagem de perfil

De naterradosplatanos a 22.11.2012 às 16:54

Tens razão Jorge, com tantos males pelo mundo de que ele não fala e tantas misérias que não ajuda, tinha que vir agora o papa a estragar a tradição! Porque é que não editaram o dito livro lá por Agosto, que é qd a maioria tem tempo para ler? Entretanto já todos tinham esquecido que o burro e a vaca não deveriam estar junto ao menino e a tradição continuava a cumprir-se! Quero acreditar que muitos fundamentalistas destas coisas, já não vão permitir que aqueles pacíficos animais lá continuem!
Sem imagem de perfil

De Cris a 23.11.2012 às 11:41

Na minha modesta opinião nem devias fazer um post sobre o assunto. É que assim estás a dar demasiada importância ao que diz o senhor...

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D