Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Maria Lúis Albuquerque

 

Imagem do Público 

 

Estive à procura e não encontrei o autor da frase do título do Post, mas aplica-se perfeitamente à telenovela dos Swaps e da agora ministra das finanças Maria Luís Albuquerque.

 

Há pouco enquanto preparava o jantar estive a ouvir uma parte da audição da senhora na comissão de inquérito aos contratos de swap, eu não sei o que pensarão os deputados, mas eu fiquei esclarecido. Por mais provas que apareçam, por mais ministros, ex ministros, ex secretários de estado, acho que pode até vir deus testemunhar, a senhora terá sempre uma explicação para a forma como foram entendidas as suas palavras . Todo e qualquer facto novo que apareça terá uma explicação e no fim tudo se irá resumir a ".... a mim ninguém me contou, se me contaram foi por outras palavras e noutra altura qualquer, além disso não me vieram contar, fui eu que fui perguntar..."

 

De resto, para que serve tudo isto? Para que serve esta comissão de inquérito? Para que servem todas as comissões de inquérito do parlamento?.

 

Acho que já todos percebemos que os Swaps existiram, que se calhar até eram uma boa ideia na altura mas que depois em muitos casos a coisa correu mal, que até há swaps bons, os que a senhora fez na REFER e swaps maus, os que os socialistas e os ex secretários de estado demitidos há uns tempos, fizeram.

 

Todos também sabemos que devido às circunstâncias este tipo de contratos vai custar muito dinheiro às empresas, sabemos também que este governo já se encarregou de resolver o assunto, os contratos foram cancelados... os bons e os maus.

 

A mim falta-me saber duas coisas:

 

1 - Sabemos que a 29 de Junho de 2011 Maria Luís Albuquerque recebeu um mail onde era explicada a situação, terá nesse dia tomado conhecimento do assunto, sabendo ela o que são contratos sawps, imagino que se ela os assinou na REFER sabia dos riscos, como é que se demorou dois anos até se tomar consciência de que havia um problema muito sério? Será que este governo estava à espera que a situação mudasse e os contratos maus se voltassem a tornar bons?

 

2 - Ouvi a ministra dizer hoje de novo que os contratos não tem influência no défice e na dívida pública, como é que isso é possível? E sendo assim, como é que são tão maus para o país?

 

Ouvi um deputado do PSD, não sei o nome do senhor,  satisfeitissimo com as declarações da ministra, ele está plenamente esclarecido. Lá está, não importa qual é a verdade, as pessoas vêem o que querem ver.

 

Quanto a mim, que concordo com Rui Rio,  a verdade é algo mais que um simples jogo de palavras, todos ouvimos a ministra dizer que este governo não tinha sido informado da existência destes contratos, acho que já não restam dúvidas a ninguém que não só o governo foi informado como o foi por mais que uma via... se isso não é mentir.... 

 

Jorge Soares

 

PS: Hoje Ana Drago abandonou o parlamento, não conheço a pessoa que a irá substituir que sem duvida terá o seu valor, mas independentemente disso, o parlamento ficou mais pobre porque perdeu umas das suas vozes mais assertivas.

 

publicado às 22:29


1 comentário

Imagem de perfil

De poetazarolho a 01.08.2013 às 07:00

“Aquela verdade”

Redonda é a verdade
De mil faces vestida
Mentira por necessidade
Aí encontrará guarida

Pode mais essa mentira
Desta forma travestida
Enquanto a verdade gira
Mas por ela é subvertida

E o comum dos mortais
Sempre vai acreditando
Na mentira mascarada

Perguntam se querem mais
Enquanto o vão enganado
Desta forma descarada.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D