Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A hipocrisia das armas químicas

por Jorge Soares, em 16.09.13

Ban Ki-moon mostra a primeira página do relatório que lhe foi entregue por Ake Sellstrom

Imagem do Público

 

Com base na investigação do incidente de Ghutta, a conclusão é que foram usadas armas químicas no conflito que está a decorrer na República Árabe da Síria… contra civis, incluindo crianças, numa escala relativamente grande.”


Foi assim que Ban Ki-moon e o mundo ficaram a saber que sim, que na Síria alguém utilizou Gás Sarin para matar umas centenas de pessoas, incluindo algumas crianças.


Não é que restassem algumas dúvidas a alguém, mas agora é oficial, na Síria foi cometido um crime de guerra.... Eu continuo sem perceber, porque é que matar pessoas com armas químicas é crime de guerra e matar pessoas, milhares de pessoas, com rockets, aviões bombardeiros, ou outro tipo de armas qualquer, não é crime de nada.


Acho que também não restam dúvidas a ninguém de quem as terá utilizado,  mesmo a Rússia, pelos vistos o último aliado de Assad, exige que o governo entregue o seu arsenal, aliás, foi feita uma conferência entre Russos e Americanos para decidir o que fazer com esse arsenal... Não ouvi ninguém preocupado com o arsenal de armas químicas dos rebeldes...se calhar é porque é difícil acreditar que eles as possam ter e manusear.

 

Pelos vistos o governo Sírio já concordou em entregar o seu arsenal químico, mas haverá alguma forma de garantir que serão mesmo todas entregues e destruídas? E se amanhã elas voltarem a aparecer?

 

No meio de tudo isto se calhar era importante que alguém perguntasse onde foi o governo Sírio buscar essas armas Químicas, quem lhas forneceu? Quando? Em que condições? Há assim tantos países e instituições no mundo com capacidade para produzir e guardar gás Sarin?


São questões importantes, porque de certeza que quem fez estas fez muitas mais e se calhar era importante saber a quem mais as terá vendido.

 

E já agora, utilizar armas químicas é um crime de guerra, e fabricar, guardar e comercializar as mesmas não é crime?

 

Já o disse aqui, mas vou repetir: Uma arma química é uma arma, mata como mata qualquer outra arma, os países ocidentais fabricam  todos os tipos de armas que vendem ao governo e aos rebeldes e que alimentam aquela guerra, mas pelos vistos só os mortos das armas químicas interessam. Para os Estados Unidos, para a França, para a Alemanha, para a União Europeia os sírios podem passar o resto da vida aos tiros e bombardeamentos, podem matar-se até ao último habitante do país .... ninguém quer saber... desde que não utilizem armas químicas é claro... quanta hipocrisia.


Jorge Soares

 

publicado às 22:04


10 comentários

Imagem de perfil

De golimix a 16.09.2013 às 22:51

Talvez, e digo isto numa de santa ignorância mesmo, porque que sei eu de armas! Talvez com o gás não seja preiso fazer pontaria, é só lançar e as pessoas morrem. E com armas das outras como têm que fazer pontaria o que apresenta alguma dificuldade, vai daí acham que pode ser considerado um jogo qualquer e não que estejam mesmo a matar pessoas!
Será?


Concordo a 200% contigo. Anada para aí muita gente com auréola e forquilha ao mesmo tempo!
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 19.09.2013 às 22:19

Sem duvida nenhuma, anda muita gente por ai que só funciona ao sabor dos seus interesses... o que é melhor para a sociedade não interessa nada... só isso explica este tipo de coisas

Jorge Soares
Imagem de perfil

De Equipa SAPO a 17.09.2013 às 09:02

Bom dia,
este post está em destaque na área de Opinião do SAPO.
Cumprimentos,
Ana Barrela - Portal SAPO
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 19.09.2013 às 22:19

Obrigado Ana

Jorge Soares
Sem imagem de perfil

De Bento Norte a 17.09.2013 às 09:19

Deixe-me destacar e repetir esta pergunta que deixa no ar e que tem posto muita respeitável gente tolhida:
No meio de tudo isto se calhar era importante que alguém perguntasse onde foi o governo Sírio buscar essas armas Químicas, quem lhas forneceu? Quando? Em que condições? Há assim tantos países e instituições no mundo com capacidade para produzir e guardar gás Sarin ?
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 19.09.2013 às 22:20

É aquele tipo de perguntas que fica sempre sem resposta... porque há coisas que não interessa perguntar.

Jorge Soares
Sem imagem de perfil

De António Manuel Dias a 17.09.2013 às 10:38

> "Há assim tantos países e instituições no mundo com capacidade para produzir e guardar gás Sarin?"

Não sou químico, mas não me parece uma tarefa assim tão difícil de concretizar, a julgar pela página sobre este composto na Wikipedia: http://pt.wikipedia.org/wiki/Sarin . Acho que qualquer complexo de indústria química/farmacêutica terá capacidade para a produção do líquido (mas tu terás provavelmente mais experiência no caso). Talvez mesmo universidades o possam fazer. A seguir à produção, a sua utilização no terreno passa a ser uma simples questão de engenharia...
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 19.09.2013 às 22:25

Olá António

Por acaso não tenho a noção se é fácil ou complicado produzir este gás.. já fui à wikipédia e não fiquei esclarecido... imaginei que se fosse algo fácil de produzir seria utilizado muitas mais vezes...

Sei sim que há produtos que apesar de nem serem complicados de produzir, são muito complicados de armazenar e manter em condições, pelo que li este será um destes...

Nunca sabemos tudo..e reconheço que neste caso não fiz o trabalho de casa completo.

Jorge
Sem imagem de perfil

De Gabriel Reis a 17.09.2013 às 15:17

Enquanto houver indústria de armamento e esta concorrer com armas químicas fáceis de fabricar e com poucos recursos. Estas últimas sempre que utilizadas por \"criminosos de guerra\" serão um acto hediondo...
Enquanto que as armas convencionais, não Estranha estas Nações Unidas....
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 19.09.2013 às 22:26

Pois... há uma industria militar para manter a funcionar.. isso explica muitas coisas

Jorge Soares

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D