Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Adopção:Desfazendo mitos I

por Jorge Soares, em 19.10.08

Adopção de crianças

 

Existem em Portugal uma serie de mitos relacionados com a adopção, sinto isso cada vez que falo com alguém sobre o assunto, cada vez que recebo um mail de alguém e mesmo de muitos dos comentários que me deixam aqui ou no nos adoptamos, o mais incrível é que mesmo muitas das pessoas que passam pelo processo de avaliação continuam a acreditar nesses mitos.... e a alimentá-los.

 

No outro dia recebi um mail de uns alunos de uma escola secundária do Porto a pedir ajuda para um trabalho sobre adopção, após uma troca de mails sobre a minha disponibilidade para os ajudar, enviaram-me uma serie de perguntas que eu tentei responder o melhor que sabia. A maior parte dessas perguntas reflecte isso mesmo, os mitos, aquilo que as pessoas acham sobre a adopção e os processos de adopção e que não tem nada a ver com a realidade. 

 

Eu não gosto de posts largos e o tema os mitos da adopção em Portugal  dá pano para muitas mangas, pelo que o assunto será tratado em vários posts, vamos lá à primeira pergunta:

 

1 - Porquê que há tantas crianças para adoptar?

 

Na verdade não há muitas crianças para adoptar, há poucas, durante o ano de 2007 foram adoptadas em Portugal pouco mais de 500 crianças, o numero de crianças em condição de ser adoptada anda à volta disto, 500 crianças por ano. Existem em Portugal mais de 11000 crianças em instituições, mas estas crianças não são para adopção, uma criança só vai para adopção quando o seu projecto de vida é definido para isso, e isto só acontece quando a família ou família alargada (avós, primos, tios) passa mais de seis meses sem aparecer na instituição ou mostrar interesse pela criança.

 

Reparem bem, basta que alguém faça um telefonema para a instituição cada seis meses para que a criança passe a vida inteira sem uma família. A ideia de que existem muitas crianças para adoptar é errada. Na verdade existem muitos mais candidatos, mais  de 3000, que crianças.

 

O principal motivo para que as pessoas tenham que esperar anos até poderem ter um filho, é porque na realidade não há crianças para adoptar, isso e o facto de 90% dos candidatos quererem crianças brancas até três anos de idade. Também é verdade que existem algumas crianças que estão em condições de serem adoptadas e não há candidatos para elas, principalmente quando se trata de dois ou mais irmãos e de crianças com mais de 7 anos, mas são uma pequena minoria.

 

 

Jorge

PS:imagem retirada da internet

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:04


4 comentários

Imagem de perfil

De aespumadosdias a 20.10.2008 às 10:47

Tenho pena é daqueles que têm condições para ser adoptados e não há candidatos para eles.
Infelizmente há muitos mitos em relação a essas crianças.
Sem imagem de perfil

De Maria Eugénia Pinto a 20.10.2008 às 13:19

Pois é, o problema é exactamente esse e é essa realidade que se deveria mudar. Ou seja as instituições deveriam de uma forma eficaz fazer o feed-back das famílias que têm crianças institucionalizadas mas que se interessam REALMENTE por elas (que não as têm consigo por questões pontuais) ou aquelas famílias que conhecem a lei e apenas telefonam ao fim de seis meses(por exemplo) exactamente para que a criança não entre em situação de adopção. As instituições deveriam ter pessoal que pudesse avaliar estas situações e, esta sim, deveria ser uma lei a mudar URGENTEMENTE. Se de 6 em 6 meses alguém tentar saber informações da criança ela rápidamente chega aquela idade "em que já ninguém a quer". Tenho a felicidade de ser mãe biológica e adoptiva e tive a sorte de o meu processo não ter sido daqueles que demoram anos (no total desde a inscrição à entrega da criança não chegou a dois anos). Mas, foi-me entregue uma criança com 1 ano que logo à nascença foi retirada e entregue para adopção e mesmo assim, ainda esteve institucionalzada um ano (1 ano fundamental para o seu desenvolvimento) até saír em termos jurídicos a autorização para adopção. Porquê tanto tempo?
Sem imagem de perfil

De smootha_girl a 21.10.2008 às 14:29

Confirmaste o que eu pensava.
Era mesmo essa ideia que tinha.
Imagem de perfil

De Teresa a 24.10.2008 às 14:45

Também acho que há muitos mitos sobre este tema, tenho aprendido muito contigo através do blog e agora quando oiço certas coisas corrijo logo as pessoas, porque anda tudo a fomentar coisas que não tem verdade nenhuma por detrás! Obrigado por isso

Beijinho****

Comentar post



Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D