Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A espera.... que tristeza!!!!!!

por Jorge Soares, em 24.09.08

 

pela mão

 Imagem de José Goulão, retirada de:http://olhares.aeiou.pt/de_mao_dada/foto715308.html
 
Este mês não escrevi o meu post mensal A espera, temos a entrevista marcada para o início de Outubro, não havia nada de relevante a dizer. Hoje recebi o seguinte comentário no post Adopção em Portugal:
 
"Olá amigos!!!! com o meu processo continua tudo na mesma, "lenta como a lesma", aqui há dias telefonei para a SS Lisboa, onde estou inscrita desde Maio 2007 e depois de muitas tentativas sem sucesso, lá me atenderam e...parece que estava a telefonar para uma mercearia!! A Assistente que falou comigo, Srª. Drª., foi ridícula, vou descrever a sua resposta: "queria saber como está o seu processo?? hãaa.... o que pediu? criança branca até 5 anos?? hãaa, pois,,,não,,,não temos, tem de continuar a esperar, está bem?" e desligou, foi um horror, senti-me tão mal, pois começo a ver verdadeiramente a realidade deste mundo e fico triste e magoada com tanta frieza e indiferença para com as pessoas!!nem perguntou o meu nome.... Estou muito triste, desanimada!!! vou procurar ajuda a nível Internacional. BASTA!!!"
 
Eu passei por um processo de adopção, sei o que se sente, a insensibilidade destas pessoas é algo que não tem nome. Eu costumo aconselhar as pessoas a que telefonem, a que chateiem, porque aquando do meu primeiro processo sempre senti que só se lembravam de nós e só faziam andar o processo quando nós ligávamos. Mas este caso é o cúmulo da indiferença, como é que nem se dão ao trabalho de perguntar com quem estão a falar? Ficamos com a sensação que efectivamente estas pessoas funcionam como se de uma mercearia se tratasse, talvez isso explique tantas histórias mal contadas.......
 
Sabem, este comentário deixou-me triste, porque nós vamos ter que passar por isto, e não há nada que nos prepare para uma resposta destas.
 
Jorge

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:47

O nosso sistema de saude 2

por Jorge Soares, em 03.09.08

Hospital do Outão

 

Sabia que se deixasse o post sobre o atendimento nos hospitais para hoje... já não o escreveria, por isso saiu ontem.

 

Tinha marcada a primeira consulta para hoje, disseram-me para estar às 8 que a secretaria abre às 9 e o atendimento é por ordem de chegada, cheguei às 8:30, tirei a senha para o RX e a senha para  a médica, que chegou às 10 ..... fui atendido depois do meio dia.

 

Não sei o que entendem eles por ordem de chegada.... mas não é de certeza o mesmo que o resto do mundo. Estive mais de 3 horas à espera para ser atendido durante 3 minutos e receber um papel da médica para ir fazer o penso. De certeza que há uma maneira qualquer de fazer isto sem obrigar as pessoas a estar 3 e 4 horas à espera.... a irritarem-se, a ver que não há cadeiras suficientes, que a ordem de atendimento é no minimo arbitrária e que pessoas incapacitadas não tem lugar onde sentar-se,..enfim.

 

Quando questionei a médica sobre qual o critério que utilizavam para a ordem de atendimento, disse que não estava de acordo mas havia pessoas que tinham prioridade.... acho que para a próxima chego ao meio dia... afinal não interessa a ordem de chegada!.

 

Há muito que não coloco um vídeo, ontem uma amiga querida que sabe que eu gosto de música portuguesa enviou-me este, musica portuguesa.

 

Sérgio Godinho- Só neste país.

 

 

 

Jorge

PS:Sim Xana.... tinhas razão!

PS2:Imagem retirada da Internet - Hospital do Outão, Setúbal

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:56

A espera... o silêncio das palavras

por Jorge Soares, em 12.08.08

Mãos

 

Há palavras que pesam mais que o silêncio, se bem se lembram a primeira entrevista foi a 11 de Junho, bom, algures a 16 de Julho finalmente aconteceu o telefonema esperado....  estávamos preocupados que ligassem por esses dias, depois da mudança a casa estava um desastre e havia caixas por todo o lado..... por incrível que pareça em 3 dias arrumamos tudo..... bem.... quase tudo!. À distância não consigo deixar de pensar que havia algo de ansiedade em toda essa pressa por termos tudo arrumado rapidamente....... havia sempre uma remota possibilidade de que quisessem cá vir naquela altura....ideia parva.
 
Vínhamos do Ikea de comprar os moveis quando ligaram, era para marcar a primeira entrevista..... dia  16 de Julho....... quase na altura de férias...... eu ia a conduzir e fiquei na expectativa, ..... talvez ainda antes da férias?... não, nada disso a entrevista foi marcada para.... 9 de Outubro!!!!!!!!!!
 
Não vou comentar, deixo a cada um de voz a oportunidade de pensar no assunto..... marcam uma entrevista a 16 de Julho, para 9 de Outubro..........A verdade é  que  continuam dentro dos 6 meses da lei.
 

Porque
não vens agora, que te quero
E adias esta urgencia?
Prometes-me o futuro e eu desespero
O futuro é o disfarce da impotência....

Hoje, aqui, já, neste momento,
Ou nunca mais.
A sombra do alento é o desalento
O desejo o imite dos mortais.

 

Miguel Torga

 

Jorge

PS:Poema e imagen retirados da internet

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:09

Passamos sem Televisão?

por Jorge Soares, em 20.07.08

 

Há 6 anos quando da ultima mudança de casa antes desta, deixei de ter telefone fixo porque quase três meses depois de termos pedido a transferência da linha, decidimos que quem estava há três meses sem telefone, bem que podia passar sem ele para sempre.

 

Na segunda feira passada liguei para a TVCabo a pedir a transferência do serviço para a nova morada. Se bem se lembram, aqui há uns tempos havia uma publicidade em que esta empresa prometia a transferência em 24 horas. A mim, cliente desta empresa e conhecedor da forma como tratam os clientes, aquilo dava-me vontade de rir, agora percebi porquê.

 

Logo na primeira chamada as coisas aqueceram, sim, eles conhecem o prédio, até tem um contrato com o construtor em que não temos que pagar os três primeiros meses. Nesse caso, quando posso ter o serviço ligado? Bom, eles não sabem! Então e as 24 horas?, pois, isso não é para prédios novos. E o que posso fazer? Esperar!. Aqui foi quando saiu a reluzir o meu mau feitio. Garanti que ia ligar para a concorrência e que se eles me colocassem o serviço primeiro.....Voilá, mudou de imediato a conversa, iam fazer o pedido de imediato e que no máximo em 48 horas me ligavam.

 

Efectivamente na quarta ligaram, a dizer que ainda durante esta semana tinha o serviço. Na sexta à hora do almoço voltei a ligar. Foi assim uma conversa para o surreal, basicamente a pessoa que me atendeu repetiu tudo o que tinha sido dito na segunda, quando expliquei que já tinha passado por essa parte e que só queria saber se iam cumprir o prometido, fiquei a saber que não sabiam de nada. E lá voltou o meu mau feitio... e as ameaças de cancelar o contrato.... mas não serviu de muito, porque ela não sabia de nada e não podia dizer nada.

 

No Sabado ligaram, afinal o prédio tem ligação e basta cá virem ligar a entrada em minha casa, e isso será na segunda feira....dizem eles, eu acredito quando ligar a televisão e tiver sinal, e quando ligar o computador e a internet funcionar.

 

A verdade é que estou há uma semana sem ver televisão, a internet móvel é mais lenta, mas lá vai funcionando, talvez quando deixar de ter coisas para arrumar vou dar pela falta das séries do AXN, mas a verdade é que se calhar um dia de estes descubro, que se já estou há tanto tempo sem TVCABO, bem que posso poupar a mensalidade.

 

Tenho um colega que mudou de casa e esteve mês e meio à espera de algo que era prometido em 24 horas, atenção senhores da TVCABO, que é assim que se perdem clientes.

 

Jorge

PS:Imagem retirada da internet

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:03

A espera: Um mês de silêncio

por Jorge Soares, em 09.07.08

mãos

 

Se bem se lembram, aquela primeira entrevista serviu para entrega dos documentos e para que a responsável dos serviços nos conhecesse, depois disso o processo seria entregue a uma das assistentes sociais que irá entrar em contacto connosco.

 

Bom, passou um mês, 30 dias de silêncio total, por lei, o processo deverá estar finalizado em seis meses, durante esse tempo deverão acontecer pelo menos três entrevistas, uma delas domiciliárias e no fim estaremos aptos a adoptar uma criança. Passado o primeiro mês, restam 5.

 

Nos primeiros dias a Raquel falava muitas vezes do assunto, não descansou enquanto não deu a noticia a toda a família, ela vai ter uma mana. Lá tentamos explicar que só tínhamos ido entregar os documentos e que agora temos que  esperar que nos digam algo, ..... um destes dias lembrou-se..e lá perguntou quando vem a mana,...... lá tentamos explicar que estamos à espera que nos liguem, e que se calhar a mana vai demorar a vir.

 

Quando se tem 8 anos é difícil entender o silêncio, por muito que expliquemos, ela não percebe o que impede as senhoras de ligar. Na verdade, tenha-se a idade que se tenha, é sempre difícil entender o silêncio, principalmente quando sabemos que algures, está uma criança que anseia pelo amor amor e carinho que a Raquel tem para dar a essa mana que ela exigiu e que quer conhecer.

 

Passou um mês, faltam 5...... para o verdadeiro inicio da espera....se se cumprir com os prazos da lei.

 

Confiança

O que é bonito neste mundo, e anima,
É ver que na vindima
De cada sonho
Fica a cepa a sonhar outra aventura...
E que a doçura
Que se não prova
Se transfigura
Numa doçura
Muito mais pura
E muito mais nova...

                Miguel Torga

Jorge

PS:Imagem retirada da Internet

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:12


Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D