Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O amor em directo

por Jorge Soares, em 12.07.10

Sara Carbonero

 

Imagem no Ionline

 

É um daqueles momentos que irá perdurar como parte da historia deste mundial, não me lembro de ter visto imagens do golo da Espanha, ou do momento em que foi levantada a taça, mas o vídeo do que passará a ser um dos beijos mais conhecidos de sempre estava em todos os sites dos jornais portugueses e espanhois pelos que passei os olhos.

 

Pelo facebook iam passando as mais diversas reacções, os mais românticos não terão evitado uma que outra lágrima, há quem tenha aplaudido a ousadia do Iker, há quem tenha questionado o profissionalismo da jornalista. Para a maioria dos portugueses terá sido um momento estranho, a verdade é que este é um beijo com história.

Sara Carbonero é jornalista desportiva de um dos canais privados espanhóis e é namorada de Iker Casillas, guarda redes titular da selecção espanhola. Costuma fazer a cobertura dos jogos da selecção e na condição de repórter de campo segue os jogos atrás da baliza da Espanha, baliza que costuma ser defendida pelo seu seu namorado.. jogos do mundial incluídos.

 

Desde o inicio do mundial tudo isto tem sido fonte de uma enorme polémica nos meios de comunicação espanhóis, com os outros jornalistas a questionarem o profissionalismo de ambos  e dizendo que a presença da namorada atrás da baliza fazia descer a concentração do guarda redes. Ambos tiveram que engolir muitos sapos, mas a verdade é que pelo menos no que toca ao guarda redes, o seu percurso foi imaculado, para além de capitão, foi uma das traves mestras da defesa e com uma enorme quota parte no sucesso que levou a selecção espanhola ao triunfo no mundial.

 

Ontem já na condição de vencedor, Ike decidiu servir a vingança a frio... e na hora dos agradecimentos a quem sempre o tinha apoiado...escolheu a maneira de certa.

 

Já agora um aparte, reparem bem na bandeira espanhola pintada na cara da jornalista, algo que por cá seria impensável, na Espanha as coisas são muito diferentes, os jornalistas vivem de uma forma muita intensa tudo o que tem a ver com a sua selecção, e até dos seus clubes, sendo normal o facto de haver jornalistas que admitem abertamente as suas simpatias por um determinado clube.

 

 

 

 

Digam lá que não é bonito o amor.

 

Noticias relacionadas:

Ionline: Casillas beija namorada em directo

Público: Iker Casilhas comemora mundial com beijo em directo

Expresso: Casillas beija jornalista em direto

 

Jorge Soares

publicado às 21:12

Sem pénis... mas com alguma inveja

por Jorge Soares, em 05.07.10

As mulheres mijam de pé sim senhor

 

Já lá vão quase dois anos, era um daqueles dias em que não tinha mesmo nada para dizer, já tinha dado o post e o dia por perdidos ... até que a Cigana apareceu no messenger ...  saiu um daqueles posts escritos de rajada e em 5 minutos, Mijam de pé sim era o titulo ... hoje  um post da Sofia Rijo no A vida de saltos altos fez-me lembrar esse dia .. o essencial do meu post era o seguinte:

 

... esta conversa toda fez-me lembrar um livro que li de uma só vez numa noite de natal, comecei  a seguir ao jantar e terminei por volta das 5 da manhã... acho que foi o único livro que li de uma só vez, de fio a pavio. O amor dos tempos de cólera, de Gabriel Garcia Marquez. Há uma parte da historia em que o protagonista fala das coisas que fez por amor, começou por falar dos concursos de urinar mais longe ou com mais pontaria, da forma como conseguia acertar  no gargalo de uma garrafa a dois ou três metros de distancia, e sem deixar cair um pingo para fora... e terminou a dizer, que por amor, quando a idade fez com que essa pontaria e precisão começassem a falhar, e porque a sua amada não gostava dos pingos na sanita, ele mijava sentado.

 

Como podemos ver, gajo que é gajo mija de pé, mas por amor fazemos qualquer coisa, até mijar sentado..e estamos a falar de um qualquer macho latino-americano.... e de uma das mais belas histórias de amor que já se escreveram.

 

Mas dizia a Cigana, que gaja que é gaja mija sentada.... foi aí que me lembrei da dona Alzira, que morava numa casa muito velha e que alguma vez fora pintada de um cor de rosa escuro. A Dona Alzira era uma mulher dura, sozinha amanhava todo o quintal à volta da casa, batatas, cebolas, favas, tremoços, milho, feijão, abóboras.. tudo. No Outono víamos a Dona Alzira chegar do monte, carregada com troncos que ela mesma converteria nas achas que assegurariam o calor  para combater o frio inverno que só nas casas antigas se consegue sentir.

 

Frente à velha casa de rosa desbotado, havia um largo onde com improvisadas balizas jogávamos à bola, um dia, quando a meio do jogo a bola fugiu para o quintal da dona Alzira, calhou-me em sorte subir ao muro para a ir buscar. Subi e olhei, a Dona Alzira preparava os regos para plantar as batatas, de repente parou, abriu as pernas e por entre as longas saias que chegavam quase até ao chão, ouvi a longa cascata..... amiga Cigana, talvez fossem outros tempos, os tempos em que se utilizavam sete saias mas não se utilizavam cuecas, mas ao menos nesse tempo, as mulheres mijavam de pé!

 

Os comentários são simplesmente deliciosos, muito mais divertidos que o post em si... mas destaco este da Smootha:

Ó Jorge... Tu e a Cigana devem ler pensamentos... (bem, ela deve ter bola de cristal )

Sempre que está frio, é quando mais vontade tenho de fazer visitinhas ao wc.
E como é de calcular, quem se senta para fazer o seu xixizito, tem de expôr o rabiosque à temperatura exterior... 
Ora hoje, após a 3ª ou 4ª mija, lembro-me de estar sentada na sanita e pensar: "Que inveja dos gajos... mijam de pé!"

 

Ao contrário do que diz a Sofia Rijo no seu post... pelo menos no inverno... há quem tenha alguma inveja.

 

Mas há quem tenha pensado no assunto, aposto que foi uma mulher....e  para que deixem mesmo de ter frio... alguém inventou isto:

 

 

Há ideias mesmo para tudo, haja imaginação...e quem compre!
Jorge Soares

publicado às 22:38

Adopção.... não fique indiferente!!!

por Jorge Soares, em 06.06.10
Adopção

Há muito que não se fala por aqui de adopção, não é que a forma como está a decorrer o processo não justificasse já alguns posts,.. mas há alturas na vida em  que o silêncio é de ouro.... e haverá tempo no futuro..

Encontrei o Vídeo algures na internet, é interessante ver como os jovens olham para um tema como este, a mensagem final mostra que não chegaram fundo o suficiente na questão, mas é um excelente trabalho.


Jorge Soares

publicado às 22:25


Bruna, a professora de Mirandela na Playboy

 

 

Hoje foi o dia dos professores, a meio da tarde o tema do facebook era a anedota da vaca... uma anedota parva, é verdade, tão parva que me levou a ir procurar o livro, porque tenho a certeza que haverá por lá algumas mais parvas e mais ofensivas de que ninguém se queixou, ainda não o encontrei... mas já lá iremos.

 

Ao fim do dia, este post da Suspeita chamou-me a atenção para esta noticia:

 

Posar para a Playboy pode ser motivo de despedimento. Que o diga a professora Bruna, de Mirandela, que vê agora a sua carreira ameaçada depois de ter ocupado oito páginas da edição de Maio da revista portuguesa numa sessão ousada com outra mulher.

 

Por acaso a noticia passou no telejornal, vê-se logo que já não há papa, e aproveitei para falar do assunto com a R., que com a sapiência dos seus 10 anos, não viu mal nenhum no assunto... "ela não prejudicou ninguém com isso, logo, qual é o problema?" .... agora vou ser pai babado... gosto da minha filha!

 

A Bruna é professora de actividades extracurriculares.. bom era, porque segundo a vereadora Maria Gentil na reportagem da RTP, ".. um dos critérios será o da boa conduta".... desculpe?

 

Onde é que está a má conduta da professora?, Ela foi despida para a escola?, despiu-se para os alunos?... teve alguma atitude menos própria durante as aulas?... não sabemos, mas imaginamos que não, caso contrário e com tanto zelo por parte da autarquia já teria sido despedida antes.

 

Alguém me explique o que de mal veio a mundo, ou aos alunos da Bruna, pelo facto de ela se ter despido para a playboy!!!, qual é o problema?, as criancinhas compram e lêem a playboy?... pelos visto em Mirandela sim.. vêem e digitalizam as imagens, e passam-nas para os telemóveis.. e até tiram fotocópias da revista... fantástico. Tudo isto será culpa de quem? Da professora? Será dos pais que não controlam? Alguém me explica porque é que os alunos menores de idade tem acesso a uma revista para maiores de idade?

 

Não será este mais um capítulo da eterna telenovela, os pais não são capazes de controlar os filhos e acham que deve ser o mundo a controlar-se?.. Ou será só mais um caso de falsos moralismos?

 

E não foi em Mirandela que o Leandro se atirou ao rio..  e a escola não sabe de nada?... desta vez foram rápidos a saber!

 

Eu e as minhas perguntas parvas.

 

 

 

 

Jorge Soares

PS:Fotografia retirada do Ionline

publicado às 21:21

 O deputado Ricardo Rodrigues

 

Imagem do Público

 

A propósito de um telemóvel que um dia foi encontrado algures nas pedras de uma calçada de Setúbal, há uma regra cá em casa que os meus filhos sabem que tem que cumprir, tudo o que encontramos na rua ou noutro lugar qualquer e que não nos pertence, não é para trazer para casa... e ainda a semana passada houve uma pequena troca de ideias por causa de uma bola de futebol que alguém na escola ofereceu... pela dúvidas, a bola ficou na escola, cá em casa não entra.

 

Pelos vistos quando o sr Deputado Ricardo Rodrigues era pequenino, os pais dele eram mais liberais, ninguém lhe ensinou que o que se encontra em cima das mesas é para entregar ao dono... e vai daí, temos uma cena que para além de triste, é lamentável.

 

Levou, roubou, apropriou-se, confiscou, tomou posse... li e ouvi um pouco de tudo... seja qual for a interpretação e o nome que se queira dar à coisa, não deixa de ser uma atitude que irreflectida ou não, é vergonhosa e indigna de alguém que foi eleito para nos representar a todos. Quanto a mim o senhor devia de imediato abandonar o lugar de deputado, não só pelo acto em si, mas principalmente pelo que representa, uma tentativa estúpida e inglória de impedir que seja público o seu desconforto com perguntas que tem a ver com o seu passado. Todos temos um passado, se não nos orgulhamos dele, se temos rabos escondidos, então o melhor é mantermo-nos quietos e calados...

 

Lamentável também a atitude de Francisco Assis, líder da bancada do PS, que saiu a tentar apoiar e justificar o injustificável.

 

Para quem ainda não viu, deixo aqui a prova do crime:

 

 

 

Jorge Soares

publicado às 22:43

25 de Abril sempre - Grândola vila morena

por Jorge Soares, em 25.04.10

 

Cravos de Abril, 25 de Abril sempre

 

 

 

Letra
Grândola, vila morena
Terra da fraternidade
O povo é quem mais ordena
Dentro de ti, ó cidade

Dentro de ti, ó cidade
O povo é quem mais ordena
Terra da fraternidade
Grândola, vila morena

Em cada esquina um amigo
Em cada rosto igualdade
Grândola, vila morena
Terra da fraternidade

Terra da fraternidade
Grândola, vila morena
Em cada rosto igualdade
O povo é quem mais ordena

À sombra duma azinheira
Que já não sabia a idade
Jurei ter por companheira
Grândola a tua vontade

 

Zeca Afonso

publicado às 15:16

 

 

 

Nós podemos até nem gostar do homem, podemos duvidar da sua honestidade, podemos desconfiar que está metido até às orelhas no caso Freeport, que mentiu no caso TVI, que tem amigos pouco recomendáveis e metidos em negócios de sucata, que está a levar o país bem ao fundo em época de crise, mas há limites para tudo.

 

Este foi sem duvida um momento muito triste, não sei o que estava a passar pela cabeça do apresentador, que foi sem duvida pouco sério e profissional, há coisas com as que não se brinca... e não, eu não tenho pena nenhuma do Primeiro Ministro.

 

Update: Entretanto saiu a noticia do pedido de desculpas pelo sucedido, podem ler aqui

 

Jorge Soares

publicado às 22:17

Hoje não ia haver post, estava a dar tempo a que quem é contra a co-incineração se desse valor para entrar na discussão do post de ontem, afinal, parece que 80% da nossa população é a favor.. pelo menos foi isso que retirei dos comentários..... ainda estão a tempo, vão lá e comentem... é aqui

 

Dizia eu que não ia haver post, mas há coisas que são más demais para as deixar passar, hoje foi o dia em que pelas mãos de Maria José Nogueira Pinto e Ricardo Gonçalves, o circo desceu à comissão Parlamentar da Saúde (noticia do Público)... deve ser a proximidade do natal.. época de circo.

 

Este tipo de situações é cada vez mais comum no nosso parlamento e curiosamente acontece quase sempre com deputados dos dois principais partidos..... os que tem mais deputados, imagino que os deputados dos partidos mais pequenos, como são menos tem mais que fazer que andar a espalhar vergonhas destas.

 

 

Figuras tristes de quem foi eleito pelo povo para representar o povo, como diz alguém no fim do vídeo, nem os palhaços nem os inimputáveis tem culpa alguma e são muito mais dignos que alguns senhores deputados

 

Jorge Soares

 

publicado às 22:48

Eu hoje ia falar da Quimonda, ando há uns meses para falar do assunto, por um motivo ou outro não se proporcionou, era hoje, era... porque logo de manhã,  encontrei esta pérola:

 



Isto não passa de um vídeo parvo feito por alguém que aparentemente tinha sido colocada num pedestal por muitos portugueses e que hoje parece que caiu do altar abaixo.

 

Ora, para além da blogosfera, este vídeo foi noticia no Ionline, no JN, no DN, No Destak,  no Público,  na TVI, na  RTP e de certeza em muitos mais meios de comunicação.

 

A meio da tarde, recebi o mail com o link para a já inevitável petição online onde num texto sem caracteres portugueses, se pede para que seja proibida a entrada em Portugal da dita senhora (há bocadinho ia em 125 assinaturas, ainda que a noticia do DN fale em 2000).

 

Eu concordo que o vídeo não passa de uma pobre amostra da falta de cultura e de educação da senhora, mas sinceramente, justifica este barulho todo? Já passaram as eleições, a gripe A já deu o que tinha a dar, no PSD ainda se está no processo de afiar-se as garras para o que aí vem e portanto não há noticias... mas será que não havia mais nada de que falar nos jornais e nos noticiarios da televisão?

 

Estamos mesmo mal quando nos importamos com coisas e pessoas pequeninas como esta.

 

Jorge Soares

publicado às 21:41

Morreu Michael Jackson

por Jorge Soares, em 26.06.09



Não sou lá um grande fã, aliás, não sou grande fã de ninguém, mas cresci a ouvir o Michael Jackson a cantar, e gostemos mais ou menos, a verdade é que nunca mais ninguém venderá cinquenta milhões de discos de um unico álbum, e ele vendeu esta quantidade do Thriller e 30 milhões em dois dos outros. Os tempos são outros, as estrelas são mais efémeras, tudo é mais efémero... morreu o ultimo rei da pop.

 

Gosto especialmente deste Beat it.

 

Jorge

publicado às 13:29


Ó pra mim!

foto do autor


Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D