Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A vida como ela é?... ou como a queremos ver?

por Jorge Soares, em 29.01.09

A vida é alegria

 

"Porque a vida é feita de pequenos nadas" e Viver é uma das coisas mais difíceis do mundo, a maioria das pessoas limita-se a existir!" são as frases que apresentam este blog, são frases que falam da vida e em certa forma reflectem a forma como eu a tento encarar.

 

Ontem a meio da tarde apareceu no Reader do google um texto que me chamou a  atenção, muito bem escrito e com o que à primeira vista me identifiquei. Ao fim do dia em casa voltei a ler e fiquei a pensar. O texto está no blog Cocó na Fralda e tem como titulo:

 

"A vida como ela é  

 

Hoje de manhã íamos no carro, depois de mais um acordar em correria, e eu sentia-me exausta, e olhei-te e estavas exausto, e lá atrás os miúdos gritavam um com o outro, É meu! Não, é meu! Ó mãe! Ele chamou-me bebé! Eu não sou bebé! E os gritos enchiam-nos os ouvidos e o sangue principiava a ferver-nos dentro das veias, sim, que eu bem senti o teu sangue ferver-te nas veias da mesma maneira que o meu, uma vontade imensa de gritar CALEM-SE C**AL*O!, e o cansaço, às 8.30, tão fundo. 

Olhei para ti sem que te apercebesses (creio que estavas a entrar numa espécie de transe) e pensei: isto é a vida. A vida tal como ela é. E há poucas pessoas capazes de aguentar a vida como ela é. E quando se dão conta de que a vida não é como no Sexo e a Cidade, quando percebem que a vida não é só jantares românticos e festas e fins-de-semana em resorts de luxo, quando percebem que estão num carro, às 8.30 da manhã, completamente esvaídas, sem forças para darem um grito sequer, quando percebem, as pessoas - muitas pessoas - rebentam. Desistem. Dizem: Isto não é vida. Vou-me embora. Separo-me. Vou à procura de outra coisa. Melhor. Mais excitante. Mais glamorosa. Mais cool. A porra é que é engano. É mentira. É ficção. Daí a pouco, noutra casa, noutro carro, sentirão o mesmo. Sem tirar nem pôr. Porque isto é a vida. A vida tal como ela é. Claro que há momentos de uma felicidade que não tem tamanho nem preço nem palavras que a definam. Ah, sim, claro! Mas são momentos. Excelentes por serem isso mesmo: instantes. E a gente vai naquele carro e pensa: daqui a bocado vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. No fim-de-semana vai ser melhor. Nas férias vai ser excelente. Para o ano é que vai ser em grande. E vai. Mas a vida, a puta da vida, é aquele momento no carro. E a maior parte das pessoas que eu conheço não me parece minimamente preparada para aquele momento. Ou seja, para a vida."

 

Imagino que já todos nos teremos sentido assim, mas será que a vida é mesmo assim? não, claro que não! A vida não se resume a 15 minutos dentro de um carro, não se resume a um simples momento..... a vida é muito mais que isso.... ainda que por vezes não pareça.

 

Tenho dois filhos que se levam menos de sete meses de diferença, duas crianças vivas e irrequietas, duas crianças que me deram muitas dores de cabeça e muitas noites sem dormir. Consigo lembrar-me de muitos momentos como os que são referidos, mas também de muitos sorrisos, dos primeiros passos, das brincadeiras no jardim.... de muitos momentos maus é verdade, cabeças e ossos partidos, hospitais, viagens de centenas de quilómetros em que cheguei a parar o carro e a ameaçar deixar ambos ali..., mas no fim a marca que fica é a dos momentos positivos, da alegria, da felicidade.... da alegria de viver.

A vida é feita de momentos sim, de pequenos nadas, mas podemos olhar para ela da maneira que entendermos, o copo sempre poderá estar meio cheio ou meio vazio... e nem sempre olhamos para o copo da mesma maneira....resumir a vida por um momento de 15 minutos dentro de um carro não só é redutor como é esquecer que ela existe para além desse momento.

 

Numa coisa estou de acordo, há muita gente que não está preparada para viver, limita-se a existir, essas são nas pessoas que rebentam, que resistem, que abandonam tudo e voltam para casa dos pais ou para os apartamentos de solteiro.

 

E vocês, como vêem a vida, como eu? ou como a pessoa que escreveu o texto?

 

Jorge

PS:Mafalda, obrigado por partilhares os posts.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:04


Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com


Posts mais comentados





Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D