Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Não há coincidências ... ou haverá?

por Jorge Soares, em 17.10.13

Emigrar

 

Imagem algures do Facebook (perdi o link)

 

Haverá alguma relação entre ter havido eleições em Setembro e o facto de só em Outubro terem dado conta que os beneficiários de subsídios de desemprego e de doença estavam desde 25 de Julho a receber entre 5 e 6% a a mais que o devido?


A taxa de 6% incide sobre todas as prestações de desemprego, excepto quando são inferiores a 419,22 euros, quando têm uma majoração de 10% (para casais desempregados com filhos) ou correspondem a subsídio social de desemprego inicial ou subsequente. A taxa de 5% aplica-se ao subsídio de doença, mas salvaguarda-se as baixas inferiores a 30 dias e as que correspondem a um valor diário igual ou inferior a 4,19 euros. 


Ao contrário do que determinava a Lei, o ISS não aplicou estas taxas e continuou a pagar os subsídios por inteiro. Agora, pede a restituição do dinheiro aos desempregados.


Hummm eu cá acho que não há coincidências, mas no fim quem se lixa é sempre o mexilhão.


Jorge Soares

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:19

e quem se importa com os alunos?

 

Imagem de aqui

 

A Noticia é do DN, em apenas 4 meses, de Outubro a Janeiro passados, terão sido passados 70031 atestados médicos a professores.  O fenómeno é transversal a todo o país e há inclusive noticia de uma médica que passou atestados a professores de lugares tão distantes como Moura ou Mafra... médica esta que ela própria estava de licença prolongada.

 

Todos sabemos que a vida de professor não é fácil, as crianças estão cada vez mais difíceis, os pais não querem saber e as escolas são cada vez mais depósitos de crianças, 70000 atestados num universo de 350000 professores representam 1 quinto, 20% dos professores.

 

Para além do mal que se estão a fazer às crianças, que em muitos casos tem 3 ou 4 professores diferentes durante o ano, toda esta gente que se candidata para depois apresentar atestado médico, está a ocupar um lugar no concurso de alguém que realmente se interessa por ensinar.

 

Este ano os concursos foi o que se viu, há mais de 30000 professores por colocar, quantos destes foram preteridos porque alguém se candidatou só para depois apresentar um atestado médico? Já repararam que se estes 70000 não fossem a concurso, em lugar de sobrarem 30000, faltavam 40000 professores?

 

Entretanto ... "até agora foram instaurados 19 processos disciplinares pelo Ministério da Educação e um caso vai ser apreciado pela Ordem dos Médicos..." fantástico, agora só falta ver o que se passou com os restantes 70012 professores e com os outros milhares de médicos que andaram a brincar às baixas... bem que podiam brincar aos médicos, as nossas crianças e os nossos impostos agradeciam

 

Desculpem lá. mas isto é um escândalo e uma falta de vergonha de médicos e professores, é caso para perguntar: Quem se importa com os alunos?

 

Jorge Soares

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:39

Ser baixo não é problema

 

Tinha lido algo sobre isto há uns dias num dos blogs que costumo seguir, hoje foi noticia do telejornal. Parece que está a virar moda dar  hormonas de crescimento às criancinhas para que elas cresçam mais uns centímetros, mesmo que estas sejam saudáveis e tenham o tamanho normal dadas as características dos pais.

 

Sempre ouvi dizer que as pessoas não se medem aos palmos, a genialidade, a aptidão para as artes, para as ciências ou para o desporto não tem nada  a ver com a altura, mas parece que há uma corrente que acha que altura é formosura e pior que isso, parece que há muito paizinho por aí que acha que a criancinha deve crescer mais uns centímetros para poder jogar futebol... foi o médico que disse na reportagem..... 

 

Todos sabemos que vivemos a era das aparências, das cirurgias plásticas, do fútil, do parecer em lugar do ser,  mas levar isto ao limite de queremos fazer crescer as crianças de forma artificial é muito grave, e mais quando não sabemos os efeitos secundários que esta medicação poderá trazer a longo prazo...e há médicos que pactuam com isto.

 

Há tantos valores importantes que se podem transmitir às crianças, porquê transmitir este tipo de coisas?..e se é pelo futebol, o Maradona, o Chalana, O Messi,... alguns dos jogadores mais geniais que o futebol já viu...são todos bem baixinhos.

 

As pessoas não se medem aos palmos.... digo eu.

 

 

Jorge Soares

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:47


Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D