Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O que esperamos deste papa? Absolutamente nada!

por Jorge Soares, em 14.03.13

Non Habemus papa

 

Imagem do Pontos de Vista 

 

A imagem acima apareceu-me ontem ao fim do dia no Facebook, já por si é uma imagem forte, ontem era ainda mais forte, porque foi um dia em que pudemos ver todo o fausto e o luxo em que vivem muitos dos que todos os dias enchem a boca com palavras cheias de intenção mas que na realidade não passam disso, de palavras.

 

Hoje a Golimix deixou-me o seguinte comentário no post que fiz com a imagem no Pontos de vista:

 

"Estavas à espera de um Papa que tirasse o seu anel, que vale uma pipa de massa, que retirasse regalias do Vaticano e acabasse com a excentricidade da Igreja para ajudar, para fazer a mensagem que "teoricamente" pregam?"

 

Na realidade eu não esperava nada, nem deste papa, nem dos anteriores, não há muito a esperar, estiveram 115 gajos encerrados no luxo quase pornográfico do Vaticano para decidir quem  será o galo que se sentará a seguir sobre o pote de ouro.

 

Esses 115, juntamente com muitos outros, vivem como príncipes há vários anos, todos os dias pregam ao mundo mas não se privam de nada, nem a eles nem ao séquito que os rodeia. Como é que alguém pode esperar que algum destes senhores mude o que quer que seja?

 

Alguém acha que alguma das crianças da fotografia sabe quem é o papa?, é claro que não, eles estão preocupados com coisas muito mais importantes, ter o que comer por exemplo. Mas ninguém duvida que todos os cardeais sabem da existência destas crianças, e alguma vez algum se privou do que quer que fosse para tentar acabar com situações como as que se vêem acima?

 

Com o dinheiro que se gastou nestes últimos dias em Roma quantas crianças se alimentariam durante um ano?

 

É claro que eu não espero que ele venda o anel... mas se o fizesse e o convertesse em pão para os pobres seria sem dúvida nenhuma digno da minha admiração, até lá, não passa de um ditador mais, idolatrado por muitos sem que se perceba porquê, afinal o que fez ele até agora para merecer tantas loas e aclamações?  Agora está sentado num trono de ouro enquanto há zonas do mundo em que as crianças tem que lutar para terem cesso a umas migalhas de pão.

 

Para mim a existência de um papa e de tudo o que o rodeia é só mais uma prova de que deus não existe, porque de certeza absoluta que não há nem homem nem deus nenhum que aguente a utilização do seu nome em vão como o fazem estes senhores todos os dias.

 

Jorge Soares

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:34

Isabel Jonet, Take 4 - Carências alimentares

por Jorge Soares, em 17.12.12

O regresso Jonet

 

A palavra ao Bruno Nogueira... enquanto o vídeo não está disponível no Youtube.. podem ouvir aqui: O Regresso Jonet.

 

 

A brincar a brincar se dizem as grandes verdades... 

 

Para quem não viu o programa da Linha da Frente, que para além das afirmações incriveis da senhora nos mostra uma imagem pungente da realidade actual de muita gente, podem ver aqui

 

Jorge Soares

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:52

Ainda a Isabel Jonet ... Por que no te callas?

por Jorge Soares, em 04.12.12

Isabel Jonet e o pequeno almoço dos pobres

 

Imagem do Aventar

 

Isabel Jonet em entrevista ao CM


CM - Como é que analisa os casos das crianças que chegam à escola com fome?


Isabel Jonet - É inexplicável. Deve-se, em parte, à não responsabilização e falta de tempo dos pais. Sem o pequeno-almoço, os alunos não podem ter rendimento escolar.


Pois, está-se mesmo a ver que é por isso... os pais são uns irresponsáveis que deixam acabar o dinheiro que não ganham porque estão desempregados ou tem salários de miséria.

 

Realmente a pobreza está perto... mas acho que neste caso o que está mesmo perto é a pobreza de espirito, um comentário como este não tem nome. 

 

Mas esta senhora não se cala?

 

Jorge Soares

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:41

Como se educam crianças com fome?

por Jorge Soares, em 16.10.12

um país que dá isenção de impostos à igreja e não aos colégios e faculdades quer formar crentes e não estudiosos!

Imagem de aqui 

 

É mais uma daquelas noticias que se enquadrará naquele Custe o que custar de Passos Coelho, segundo o Correio da Manhã na escola EB1 número 2 da Quarteira, uma criança foi impedida de almoçar na cantina escolar porque os seus pais ainda não tinham pago os cerca de 30 euros da mensalidade da alimentação.

 

A criança de 5 anos terá ficado sentada a ver os colegas almoçar,  tendo a direcção da escola impedido uma das funcionárias de pagar a refeição da criança do seu própiro bolso.

 

Eu juro que tento, mas não consigo entender qual a lógica de uma medida destas, haverá de certeza outras formas de obrigar os pais a pagar as refeições sem exercer uma violência deste tipo sobre uma criança. Como é que alguém que consegue deixar uma criança de 5 anos a passar fome na escola pode ser responsável pela gestão de uma escola? Se fossem os pais a deixar a criança sem almoçar em casa o caso seria motivo de queixa á comissão de protecção de menores, sendo a directora de uma escola ficará simplesmente impune?

 

É a pessoas destas que entregamos todos os dias os nossos filhos?  Já há neste momento na Internet uma petição a exigir o afastamento de Conceição Bernardes directora do agrupamento de escolas Dr.ª Laura Ayres, em Loulé... mas é mesmo necessária uma petição, será que não há alguém no ministério da educação que olhe para estes casos e veja que isto não pode acontecer?

 

Será que deixar crianças a passar fome faz parte das novas regras da Troika, como se educam crianças com fome?

 

Jorge Soares

 

Update: Parece que há muita gente com dúvidas sobre a veracidade da notícia,   a versão da directora do agrupamento pode ser vista aqui. Não é suficiente para eu mudar de opinião sobre a atitude tomada: não deixar que uma criança de 5 anos coma junto das outras crianças como forma de represália aos pais por estes não pagarem a dívida é imoral e incompreensível. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:03

Tem Fome?, vá-se queixar ao primeiro ministro

por Jorge Soares, em 29.02.12

Tem fome?, queixe-se ao passos Coelho

Imagem de aqui

 

A resposta acima foi dada pelo pessoal de um hospital de Lisboa aos familiares de uma idosa que deu entrada nas urgências e que devido ao seu estado de saúde teve que ficar internada nessa urgência.

 

As indicações são que não há dinheiro, logo, quem fica internado nessas urgência, mesmo que seja por dois ou três dias, não tem direito a nenhum tipo de alimentação. A idosa em questão ia acompanhada por familiares que evidentemente trataram de comprar alimentos, mas fico a pensar naquelas pessoas que por algum motivo vão parar a este hospital sem o conhecimento da família, ou naqueles casos em que nem o doente nem a família tem poses para comprar alimentação e levar para o hospital... são deixadas a passar fome até que morram e desocupem a maca?

 

E a resposta foi mesmo essa: não, aqui nas urgências não há comida para os doentes, pode ir queixar-se ao Passos Coelho.

 

Jorge Soares

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:04

bebé sete mil milhões

Imagem do Público

 

Terá sido hoje, ou há uns meses, ou daqui a uns meses, a realidade é que é impossível saber quando ou onde foi que nasceu o habitante sete mil milhões do nosso planeta, alguém das nações Unidas decidiu que seria nas Filipinas e assim de repente saiu uma especie de sorte grande a uma menina chamada Danica e à sua família.

 

A população da terra cresce de modo exponencial, há dois mil anos pouco passávamos de 300 milhões, no inicio do século passado não tínhamos chegado sequer aos dois mil milhões... os últimos mil milhões demoraram só 12 anos em ser ultrapassados.

 

Num mundo em que 48% da população vive com menos de um Euro por dia e em que a distribuição da riqueza está mais desnivelada que nunca, talvez mais que perguntar onde nasceu, haveria que perguntar como poderá ser o futuro desta ou de qualquer outra criança que nasça no  mundo actual.

 

Se tivermos em conta que a pressão demográfica é mais intensa precisamente nos paises mais pobres, o mais certo é que a criança sete mil milhões  tenha nascido com a garantia de uma vida cheia de dificuldades. 

 

Eu diria que muito mais importante que saber onde e quando nasceu ou nascerá o próximo bebé, o mundo deveria preocupar-se em encontrar uma forma de poder garantir alguma esperança de uma vida decente para ele e para todos os outros bebés que nascem hoje e que nascerão no futuro. Pensar numa forma de controlar de forma eficaz o crescimento da população e encontrar uma forma de garantir educação, saúde e alimentação para cada um dos habitantes do planeta.. isso é que era importante.

 

Jorge Soares

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:49

Como ajudar a Somália?

por Jorge Soares, em 20.07.11

A seca na Somália

 

Imagem do Público

 

A Somália é um país no Corno de África, tem perto de 9 milhões de habitantes e vive desde 1991 uma guerra civil em que os vários senhores da guerra lutam pelo poder e pelos poucos recursos que ainda restam. Todos estes anos de guerra converteram este pais sem lei e sem destino aparente num dos mais pobres do mundo. Sendo que ultimamente ficou tristemente conhecido graças à pirataria que floresce nas suas costas e que inclusivamente já levou a que os barcos mercantes sejam protegidos por navios de guerra da NATO.

 

Já não bastavam os maus humores dos seus governantes, agora até a natureza se empenha em fazer sofrer o povo Somali, o Corno de África, está a sofrer uma das maiores secas dos últimos 60 anos que está a deixar um rasto de morte e miséria. As Nações Unidas declararam formalmente a existência de fome no Sul do país e já se fala da mais grave tragédia humanitária no mundo.

 

Várias organizações lançaram campanhas, em todo o mundo. Eis como pode ajudar:

 

- A Unicef em Portugal (www.unicef.pt) está a recolher fundos, os donativos podem ser feitos no site ou nas caixas multibanco. Selecciona-se “Transferências”, depois “Ser solidário” e finalmente “Unicef”. Para efeitos fiscais, escolhe-se depois a opção “Factura” e introduz-se o número de contribuinte.

Também podem ser enviados cheques para a morada Comité Português para a UNICEF, Av. António Augusto de Aguiar, 21 - 3º Esquerdo 1069-115 Lisboa.

Também é possível contribuir por telefone, através do número 760 501 501, chamada de valor acrescentado que custa 60 cêntimos. Ou fazer depósitos para a conta no banco Millenium BCP (NIB 0033 0000 5013 1901 2290 5)

- O Comité Internacional da Cruz Vermelha também tem uma página na Internet dedicada à Somália onde se podem efectuar donativos (http://www.icrc.org/eng/where-we-work/africa/somalia/index.jsp)

- O Alto Comissariado das Nações Unidas para os refugiados lançou, também na Internet, uma campanha para ajudar a Somália, à qual se pode aceder emhttp://www.unhcr.org/emergency/somalia/

- O Programa Alimentar Mundial está a efectuar recolha de donativos para ajudar as vítimas da seca no Corno de África em http://www.wfp.org/crisis/horn-of-africa

- A Oxfam (http://www.oxfam.org/eastafrica
) também está a aceitar donativos para as vítimas da fome.

- A Care lançou a sua campanha na página http://www.care.org/index.asp

- Os Médicos sem Fronteiras recolhem também donativos emhttps://www.doctorswithoutborders.org/donate/ 

 

Fonte: Público.pt 

 

Jorge Soares

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:21

Dia de quais crianças?

por Jorge Soares, em 01.06.11

 

Crianças de Cabo Vrerde

Imagem Minha, criança de Cabo Verde

 

Sabem os que me costumam ler que sou contra os dias, especialmente contra aqueles dias que são completamente desvirtuados e se convertem no dia de São Comercio. Para a maioria das nossas crianças hoje foi o dia de mais um brinquedo, de mais um passeio, de mais uma festa na escola. Para a maioria o brinquedo será só mais um que estará lá por casa, algures esquecido num canto. As crianças hoje em dia têm tudo e mais alguma coisa, dezenas de brinquedos que na maior parte dos casos são abertos e esquecidos a seguir....  mas há sempre um pretexto para receberem mais um.

 

O dia internacional da criança foi uma iniciativa da  Federação Democrática Internacional das Mulheres, que em 1950 e  dadas as condições precárias que existiam em muitos países do mundo após o fim da segunda guerra mundial, propôs às Nações Unidas que se criasse um dia dedicado às crianças e donde se tentasse melhorar as suas condições de vida. E o dia foi comemorado logo no dia 1 de Junho desse ano... 

 

Se eu pudesse propunha que no próximo dia da criança não se comprasse um único brinquedo, que em lugar disso utilizássemos todo esse dinheiro para tentarmos seguir o principio que deu origem a este dia e melhorar a vida dos milhões de crianças que pelo mundo fora, além de não terem brinquedos no dia da criança, também não têm que comer, nem neste nem na maior parte dos dias..... se conseguíssemos isso, eu voltaria a acreditar que o dia da criança faz sentido.

 

Por favor, não deixem de ver o vídeo seguinte e de reflectir.

 

 

 

Jorge Soares

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:30

Dia de quais crianças?

por Jorge Soares, em 01.06.10

 

Crianças de Cabo Vrerde

Imagem Minha, crianças de Cabo Verde

 

Sabem os que me costumam ler, que sou contra os dias, especialmente contra aqueles dias que são completamente desvirtuados e se convertem no dia de São Comercio. Hoje de manhã fui a um hipermercado e passei pela zona dos brinquedos, os dois corredores estavam a  abarrotar de pessoas, dezenas de criancinhas a escolher brinquedos, para a maioria delas será só mais um que estará lá em casa a encher um caixote. As crianças hoje em dia têm tudo e mais alguma coisa, dezenas de brinquedos que na maior parte dos casos, são abertos e esquecidos a seguir....  mas há sempre um pretexto para receberem mais um.

 

O dia internacional da criança foi uma iniciativa da  Federação Democrática Internacional das Mulheres, que em 1950 e  dadas as condições precárias que existiam em muitos países do mundo após o fim da segunda guerra mundial, propôs às Nações Unidas que se criasse um dia dedicado às crianças e donde se tentasse melhorar as suas condições de vida. E o dia foi comemorado logo no dia 1 de Junho desse ano...

 

Se eu pudesse, propunha que no próximo dia da criança não se comprasse um único brinquedo, que em lugar disso utilizássemos todo esse dinheiro para tentarmos melhorar a vida dos milhões de crianças que pelo mundo fora, além de não terem brinquedos no dia da criança, também não têm que comer, nem neste nem na maior parte dos dias..... se conseguíssemos isso, eu voltaria a acreditar que o dia da criança faz sentido.

 

Por favor, não deixem de ver o vídeo.

 

 

 

Jorge

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:15

Dia de quais crianças?

por Jorge Soares, em 01.06.08

 

Fome

 

Sabem os que me costumam ler, que sou contra os dias, especialmente contra aqueles dias que são completamente desvirtuados e se convertem no dia de São Comercio. Hoje de manhã fui a um hipermercado e passei pela zona dos brinquedos, os dois corredores estavam a  abarrotar de pessoas, dezenas de criancinhas a escolher brinquedos, para a maioria delas será só mais um que estará lá em casa a encher um caixote. As crianças hoje em dia tem tudo e mais alguma coisa, dezenas de brinquedos que na maior parte dos casos, são abertos e esquecidos a seguir....  mas há sempre um pretexto para receberem mais um.

 

O dia internacional da criança foi uma iniciativa da  Federação Democrática Internacional das Mulheres, que em 1950 e  dadas as condições precárias que existiam em muitos países do mundo após o fim da segunda guerra mundial, propôs às Nações Unidas que se criasse um dia dedicado às crianças e donde se tentasse melhorar as suas condições de vida. E o dia foi comemorado logo no dia 1 de Junho desse ano...

 

Se eu pudesse, propunha que no próximo dia da criança não se comprasse um único brinquedo, que em lugar disso utilizássemos todo esse dinheiro para tentarmos melhorar a vida dos milhões de crianças que pelo mundo fora, além de não terem brinquedos no dia da criança, também não tem que comer, nem neste nem na maior parte dos dias..... se conseguíssemos isso, eu voltaria a acreditar que o dia da criança faz sentido.

 

 

Jorge

PS:Vídeo plagiado do Estou_Estupefacta 

PS2:Imagem retirada da internet

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:54


Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D