Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Italia fora do mundial

 

 

Dos jogos que vi até agora neste mundial, o Italia-Inglaterra foi um dos melhores, a Itália começou muito bem e a Inglaterra apesar de perder parecia ser uma excelente selecção cheia de juventude e com muito bom futebol... na altura vaticinei que seriam estas duas equipas a dominar o grupo... o que vale é que eu não gasto dinheiro em apostas ....

 

A Inglaterra já estava eliminada desde há uns dias e hoje a Itália, que depois daquele jogo pouco mais mostrou, foi derrotada por um Uruguai que com Luiz Suarez em campo é outra coisa. O jogo em si foi fraco, quezilento e confuso, com imensas faltas de parte a parte e  até mordidelas teve, parece que os 10 jogos de castigo não serviram de lição a Luiz Suarez.

 

No outro jogo do grupo, um jogo em que já nada se decidia, Costa Rica e Inglaterra empataram a zero.

 

Ao contrario destes, nos outros dois jogos do dia houve golos para todos os gostos e feitios, a Colombia que se apresentou com 8 alterações no onze inicial, marcou 4 golos ao Japão. Foi um excelente espectáculo de futebol, a equipa do Japão que precisava de ganhar para se classificar, nunca abdicou de atacar e de jogar o jogo pele jogo. Mas esta Colômbia mesmo com a equipa B, é uma selecção recheada de excelentes jogadores de futebol, uma boa parte deles já passou pelo futebol português, e na segunda parte já com James Rodrigues em campo, embalou para uma vitória cheia de golos, alguns deles verdadeiras obras de arte. Muita atenção a esta Colômbia que mostra um futebol cheio de classe e qualidade e muita atenção a James Rodrigues que pode sair deste mundial a provar que já é um dos melhores do mundo.

 

No outro jogo do grupo C, a Grécia de Fernando Santos venceu mesmo ao cair do pano a Costa do Marfim e conseguiu classificar-se para os oitavos de final... pelo que vi dos jogos dos gregos, não me parece que vá muito mais longe... mas também era o que parecia no Euro 2004 e depois foi o que se viu... Não há dúvida que Fernando Santos tem feito um excelente trabalho.

 

Hoje esteve outro português em campo,  Pedro Proença arbitrou o Colombia Japão e fez um excelente trabalho.

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:58

Japão, voltou o medo do holocausto atómico?

por Jorge Soares, em 17.03.11

Fukushima

 

Imagem do Público

 

Hoje à hora do almoço enquanto lia algumas das reportagens do enviado do El Mundo a Fukushima, dei por mim a lembrar-me de uma fase da minha vida em que tinha terror às bombas atómicas. Convém recordar que eu comecei a tomar consciência do mundo que me rodeava no fim dos 70's início dos 80's, quando o mundo ainda estava dividido entre os bons e os maus e a ameaça do holocausto nuclear era ainda bem real.

 

A queda do muro afastou esta realidade, pelo menos aparentemente e com o tempo, não só deixei de ter esse terror ao nuclear, como até há uns dias atrás eu estava convencido que a energia do futuro seria mesmo esta. Mais limpa, mais barata e esperava eu que num futuro não muito longínquo, até mais segura.

 

Por vezes a realidade é maior que todas as certezas, hoje sabemos que com a tecnología actual não se conseguem construir centrais nucleares realmente seguras, e à medida que vou lendo mais e mais noticias vou percebendo que muito do que eu pensava sobre a segurança deste tipo de energia estava construído sobre mentiras e meias verdades.

 

Noticias como esta do Público vão saindo a pouco e pouco e mostram como os interesses se sobrepõem muitas vezes à verdade e na ânsia de não matar a galinha dos ovos de ouro, há muita gente que mente, esconde factos e até acidentes. O pior é que isto é válido para as centrais japonesas e para muitas das de outros países, basta recordar que na vizinha Espanha já ocorreram acidentes que só vieram a público quando desde cá se começaram a medir níveis anormais de radiação.

 

Será difícil medir quanto do poderio económico do Japão se deve ao facto de ter apostado neste tipo de energia que fez diminuir a sua dependência do petróleo e do exterior, assim como será difícil saber qual o preço que terá que pagar agora em recursos e em vidas humanas pelo desastre que aconteceu em Fukushima.

 

Neste momento há muitos países a repensar e até a cancelar projectos de energia atómica, é difícil aceitar que algo de positivo possa sair de uma tragédia como a que aconteceu no Japão, mas quando leio que a Alemanha mandou encerrar uma série de reactores cuja vida útil estava esgotada e que se queriam manter a funcionar por mais umas décadas, que a India cancelou o seu programa de energia Atómica, ou que a Espanha decidiu testar a segurança de todas as centrais do país... eu só posso pensar que a natureza é mesmo sábia e  que muitas vezes se escreve direito por linhas muito tortas.

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:02

Os terremotos são certos é o destino

 

"Durante una cena en Tokio me hicieron una vez una pregunta que me pareció trivial. ¿Qué pedazo de sushi te comes el último? Algunos trozos se consideran los mejores: la anguila, la ventresca de atún. Yo los dejo para el final, dije, sin darle importancia a mi respuesta.

 

Mi interlocutor, japonés, me explicó que se comía los mejores trozos al principio de la comida. Los pedazos más vulgares eran los últimos, para matar el hambre. ¿Por qué? Me respondió: si ocurre un terramoto ya me los habré comido."

 

Retirei este texto do Blog Notas de Fukushima, é um texto que expressa na perfeição a forma de ser e de encarar as circunstâncias de vida de todo um povo. No Japão os terramotos são parte do dia a dia. Uma das coisas que me impressionou no primeiro dia, foram os vários relatos de cidadãos estrangeiros em Tóquio sobre a forma como os colegas japoneses reagiram ao facto de o mundo estar a abanar. Vi uma fotografia em que se viam dois ocidentais debaixo de uma mesa num escritório e à volta estavam japoneses de pé a olhar para eles... esclarecedor.

 

Hoje, olhando para a que se passou no Japão, uma sociedade em que as leis e as regras são cumpridas em nome da honra, uma sociedade que vive com a certeza de que estas coisas vão acontecer só não se sabe é quando, vendo tudo o que se passou eu não consigo deixar de pensar o que acontecerá por cá quando  isto acontecer,.... e sim, por cá também é certo que isto irá acontecer, só não se sabe é quando. O que aconteceria a Cidades como Lisboa, Setúbal ou Aveiro caso aconteça um Tsunami como aquele que vimos quase em directo pela televisão? Até onde chegaria a destruição no estuário do Tejo?

 

Eu também sou apologista de deixar o melhor bocado para o fim.. depois de pensar um pouco, de pensar na forma como por cá na hora de construir a única honra que existe é a do lucro fácil, depois de vermos coisas como as que aconteceram na Madeira há um ano e que mais que culpa da natureza são culpa do homem e da forma como não sabe ordenar a ocupação do solo.. depois de tudo isto... acho que vou passar a ser como os japoneses e comer primeiro os melhores bocados... 

 

Jorge Soares

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:06

... a dizer eu amo-te!   

 

Kimi o ai shiteru

 

Noticia do Portugal diário:

 

A Associação dos Maridos Devotados do Japão nasceu em 2004 e tem 150 homens de meia-idade como sócios. O principal objectivo é ensinar os maridos japoneses a dizerem «amo-te» às suas mulheres. E também há algumas regras básicas a seguir em casa. O sucesso é garantido.

 

Esta associação, que diz estar a «colaborar para a paz mundial» e a «conservar o meio ambiente», organiza eventos, para que os maridos possam expressar a sua devoção em público.

 

«Na época dos samurais, o homem que tinha mais sucesso com as mulheres era o que não dizia «Eu amo-te», conta o fundador da associação, Kiyotaka Yamana . Por isso, «o japonês acha que há mais valor em não dizer «Eu amo-te» do que expressar este sentimento. Só que, na prática, isso não funciona porque as mulheres querem ouvir a frase."

 

Bom, a cultura japonesa não tem nada a ver com a nossa,... mas há coisas que não são assim tão diferentes..... por cá, não há samurais mas acho que os homens que tem mais sucesso com as mulheres  são aqueles que não dizem "Eu amo-te"... principalmente se estivermos a falar de mulheres solteiras.......  ou não?

 

A mo te

 

Falando disso, hoje fiz o jantar, frango salteado com cerveja!... ficou uma delicia... mas eu ontem disse que ia dar a receita do costado de porco que fiz no domingo.

 

Costado de Porco ao vinho tinto.

 

Ingredientes

 

2 costados de porco pequenos

1 copo  de vinho tinto

Alhos

Pimentão doce

cominhos

Ervas aromáticas

1 Laranja

Batatas

1 folha de Loureiro

Azeite

Sal

Pimenta

 

Pique os alhos e o loureiro. Num recipiente coloque o azeite, os alhos e o louro picados, os cominhos, as ervas aromáticas, a pimenta e bastante  pimentão. Misture bem.

 

Unte os costados com a mistura, coloque-os  num pirex , junte o vinho tinto e o que restou da mistura. Esprema a laranja e regue a carne com o sumo. Junte sal ao gosto.

 

Junte as batatas previamente descascadas e cortadas em rodelas.

 

Leve ao Forno durante 1 hora e meia a duas horas a 180 Graus, vá vigiando, se necessário junte mais vinho tinto. Se reparar que as batatas estão a ficar secas, coloque os costados por cima.

 

Estava uma verdadeira delicia.

 

Jorge

PS:Imagem retirada da internte.

PS2:Mamã, Eu amo-te!

 

Related Posts with Thumbnails

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:12


Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D