Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



As minhas orquídeas florescem em Janeiro

por Jorge Soares, em 10.01.08

As minhas orquídeas estão a florescer, apesar de que a varanda está do lado nascente e de que só apanham um bocadinho de sol de manhã, elas já estão assim

:

As minhas orquídeas, colheita 2008  - 1

 

As minhas orquídeas, colheita 2008 - 2

 

As minhas orquídeas, colheita 2008 3

 

Esta é uma do ano passado..mas as novas também já estão quase

 

As minhas orquídeas, 2007

 

Podem ver mais fotografias da colheita do ano passado aqui:

 

Jorge

 

 

publicado às 22:49

Eu desnaturado me confesso!

por Jorge Soares, em 17.12.07

Ontem fiz 12 anos de casado, passei parte do dia em Nova Iorque, de manhã estive a passear na neve e à chuva no Central Park ,almocei Dim Sum na Chinatown , estive montes de tempo numa loja para pintores enquanto o meu colega de passeio escolhia pincéis e tintas que lhe tinham encomendado desde Portugal. Andei calmamente à chuva pelo Soho , entrei em várias lojas, estive montes de tempo numa livraria e finalmente jantei Sushi num restaurante japonês em Princeton.

 

O dia perfeito para quem faz anos de casado.....bom, quase, em primeiro lugar não me lembrei, confesso que desde que aqui cheguei não sei muito bem a quantas ando, só sei que cheguei numa segunda feira dia 3 e me vou embora no dia 19 às seis da tarde...e que isso é na quarta. É claro que entre 3 e 19 de Dezembro há o dia 16, dia do meu aniversário de casamento. Em segundo lugar, de certeza que seria o dia de aniversário de casamento ideal se a P. estivesse aqui comigo, e infelizmente ela está em Setúbal ...a uns 5 mil quilómetros daqui, e eu fui para Nova Iorque com um dos consultores que está aqui no projecto que estou a acompanhar. Ou seja, o passeio em Nova Iorque foi uma seca, estava a chover, um vento gelado que convertia os 0 graus em menos 5 ou menos 6, e andar em Nova Iorque com alguém que não tem o nosso ritmo ou os nossos interesses, é um verdadeiro suplicio.

 

Como disse, nem me lembrei da data, para mim não era o dia 16 de Dezembro, era o dia -4 para a minha volta para casa, e para estar com a P., a R. e o N. Estava eu sentado à espera dos Noodles e demais coisas estranhas que almocei (o Dim Sum é engraçado....mas acho sempre que é melhor não perguntar o que estou a comer), decidi enviar um SMS a contar do frio e da chuva, resposta:

 

"Doze anos de casados, beijos"

 

Gelei...e não foi do frio, a verdade é que eu sou desnaturado por natureza, nunca sei o dia de aniversário da minha mãe, sei o do meu pai mas nunca me lembro, demorei anos a recordar o dia de aniversário da P. e os dos amigos, nem vale a pena, não me lembro, Pronto!. Tentei ligar várias vezes mas a P. nunca atendeu....achei que ia chegar a Setúbal e ia ter a roupa à porta em sacos plásticos, o que vale é que ela já me conhece e já interiorizou que eu sou assim.

 

Faz-me confusão aquelas pessoas que se lembram das datas todas, dos aniversários dos primos, das tias, dos amigos todos e até dos conhecidos, eu não sou assim, não é defeito, é feitio......bom, se calhar é defeito, mas acho que já não vou mudar. É claro que começo a colocar algumas datas no Outlook , que me vai avisando de algumas coisas...mas eu só vejo o outlook durante a semana.......se calhar isto resolvia-se com uma agenda electrónica...ou com um daqueles telemóveis de ultima geração...não há uma alma caridosa que me ofereça um para eu não ter que voltar a passar por estas vergonhas?

 

Neve em central Park, Nova Iorque

 

Esta fotografia é mesmo minha, um banco no Central park, Nova Iorque

 

Jorge

 

PS:Qualquer estudo psicológico sobre o escrito neste post...está errado!

PS2:Feliz natal para todos

publicado às 15:28

Finalmente o Sol....mas pouco!

por Jorge Soares, em 14.12.07

Depois de mais de uma semana sem ver o sol, hoje finalmente ele veio...por umas poucas horas, que para amanhã estão aprever uma tempestade de neve e mais frio.

 

Com o sol chegaram eles, aos milhares!

 

Passaros

 

Passaros 2

 

Jorge

publicado às 22:06

O meu lugar no mundo

por Jorge Soares, em 12.12.07

Nos meus tempos de estudante desterrado em Lisboa, quando andava pelo 4º ou quinto ano do curso, ouve uma altura em que sentia que não tinha o meu lugar no mundo. Na altura estava a morar num quarto alugado na Rua dos Poços dos Negros, num prédio antigo que no inverno era gelado e no verão um forno, sentia que nada de aquilo era meu, que só ali estava de passagem e por favor.

 

Por outro lado, depois de 4 anos fora de casa, quando ia passar os fins de semana, começava a sentir que o meu lugar também não era ali, em soma, não era de lado nenhum, pensando bem, o sitio donde passava mais tempo era a biblioteca do IST...quase a minha casa.

 

Hoje não foi um bom dia, tenho saudades de casa, dos mimos dos meus filhos dos carinhos da minha P., lá ao longe sinto o seu desespero de quem ficou sozinha e  está com problemas e eu não posso fazer mais que tentar ouvir......e de novo sinto que não encontro o meu lugar neste mundo frio e distante, donde há mais de uma semana que não vejo o sol.

 

Jorge

 

PS:Não tem nada a ver, mas apeteceu-me ouvir isto:

 

 

 

publicado às 23:57

O lobo mau e a "drograda"

por Jorge Soares, em 09.12.07

Ao passar pelo site do DN, deparei-me com este artigo da Fernanda Câncio , que recomendo vivamente a todos.

 

Desde o inicio do caso Esmeralda que eu estive contra a corrente, eu sempre achei toda a historia muito mal contada e continuo a achar que a comunicação social deste pais fez, e continua a fazer, um péssimo trabalho. Ao invés de informar tentou formar uma opinião completamente parcial sobre o assunto.

 

Sobre este assunto tive enormes discussões já seja pessoalmente ou no grupo de mail donde se trata o tema adopção em que costumo participar. Desde o primeiro momento eu achei que deveriam entregar a criança ao pai, e por vários motivos a saber: Em primeiro lugar, porque a lei deve ser para se cumprir, se há uma ordem do tribunal, esta deve ser cumprida, porque caso contrario, é a anarquia.

 

Em segundo lugar, porque acho que a adopção é um assunto muito serio, para alguém poder adoptar uma criança, deve haver todo um processo de avaliação, não podemos ir simplesmente à esquina trazer uma criança e ficar com ela, caso contrario isto torna-se simplesmente num negocio e breve estamos a escolher as crianças pela fotografia na internet.

 

Em terceiro lugar, porque há medida que ia lendo mais coisas sobre o caso, toda a historia ia ficando mais mal contada, e nem vou dizer aqui o que acho que aconteceu...porque eu acho mesmo que todo este caso é um caso de policia.

 

Com respeito a este ultimo caso da Iara , não me vou repetir, leiam por favor o meu post O que é uma família de acolhimento publicado há uns dias atrás.

 

Retirei o titulo do post do artigo do DN, chamou-me a atenção porque efectivamente é assim que o país vê este dois pais que tiveram a ousadia de tentarem fazer valer os seus direitos, somos um país com um povo mesquinho, que adora colocar rótulos nas pessoas, muitas vezes nem sabemos do que estamos a falar, e quando somos confrontados, mostramos a nossa ignorância e resolvemos a questão com, mas foi assim que disseram na televisão, acreditem eu ouvi esta resposta mais que uma vez, quando falava deste assunto.

 

Jorge

publicado às 17:09

Era uma vez na américa II

por Jorge Soares, em 06.12.07

Uma das poucas vantagens de estas deslocações em trabalho é que normalmente terminam por ser uma viagem gastronómica, senão vejamos:

 

Segunda Feira ao jantar, Salmão em ninho de folhas de espinafre, num restaurante italiano.

Terça Feira ao almoço, Paninis com frango....uma espécie de sandes de frango com queijo e um monte de vegetais, noutro italiano

Terça ao jantar - Depois de andar desde a Rua 42...ou seria a avenida?.... até à 11 de Nova York, um belo bife com pimenta num bar americano na esquina da 11 com a 6...e volta da 11 até à 42 a pé...estavam à volta de 1 grau!

Quarta ao Almoço, Sushi num restaurante japonês.

Quarta ao jantar Frango picante num restaurante indiano....

Quinta ao almoço, Salmão com salada e molho de queijo azul....... num bar americano.

 

Bom, ainda faltam duas semanas.............

 

Os americanos tem umas coisas engraçadas, no dia do almoço do panini , eu pedi uma cerveja, que não, que eles não vendem cerveja, eu bebi agua, o resto da malta bebeu coca cola....e por estranho que pareça a meio da refeição vieram com um jarro de coca cola reabastecer os meus colegas,...mas para mim que estava a beber agua da torneira não ouve reposição.

 

Entretanto ontem compramos o vinho numa loja ao lado do restaurante Indiano e levamos para o jantar, e além de que os indianos não se importam, ainda trazem copos de vinho e se oferecem para abrir a garrafa. É claro que isto tem uma explicação lógica, a licença para vender bebidas alcoólicas é muito cara, portanto muitos restaurantes optam por não as vender e a malta leva o vinho de casa............pelo menos fica mais barato!

 

Enfim, americanices!

 

Hoje de manhã estavam 5 graus negativos......está muito frio!

publicado às 19:26

O corpo humano evoluiu para viver na penuria!

por Jorge Soares, em 29.11.07

Como tenho a gaticha com dores de ouvido, sai mais cedo do emprego, estava sintonizado o Rádio Clube no rádio do carro, não sei qual era  o programa, os locutores ou os convidados, sei que era um daqueles programas da tarde, que o convidado era um médico do Porto e que o tema era a alimentação.

 

Para mim foi uma tarde de descobertas interessantes, vou começar com a frase do dia, dita pelo médico:

 

"Os humanos evoluíram durante milhares de anos a sobreviver na penúria, a viver com o mínimo, portanto estamos adaptados para a penúria"

 

As palavras exactas não foram estas...eu ia a conduzir e estou a escrever de memoria.....bom, já sabem, querem ser saudáveis.... fiquem pobres...nada de opulência.

 

Mais coisas,...o exercício é mau para a saúde, abusar no ginásio faz envelhecer mais depressa.....isto tem uma explicação cientifica, o facto de fazermos exercício faz com que se absorva mais oxigénio, e o oxigénio é um oxidante natural...logo, muito exercicio=muito oxigénio no organismo=envelhecer mais rápido. Segundo ele o exercício adequado é meia hora de passeio diário...a passo normal, mais que isso é prejudicial.......assim que nada de ginásio...só passeios higiénicos.

 

Bom, imagino que aquelas 5 horas a subir e a descer pela serra de Sintra no outro dia devem ter-me tirado uns bons meses de vida......e as duas horas de treino de Karaté três vezes por semana.....e pensar que eu faço o sacrifício em prol da minha saúde.......

 

Sobre o colesterol, aquela ideia de que a alimentação é o que causa o colesterol elevado.....mentira, só 20% do colesterol vem da alimentação, o resto é natural, logo comam lá as feijoadas e o marisco que entenderem....não é por aí. Alem disso, as vacas e os restantes animais que se alimentam de pasto ou de alimentos naturais tem pouca gordura saturada....logo comer carne de vaca não faz mal....bom, é pena que cá em Portugal não há dessas vacas....... por outro lado, comer peixe de aquicultura é a mesma coisa que comer frango de aviário...é só gordura saturada.

 

Sabem aquela ideia dos vegetarianos e afins de que a soja é que é boa,  a proteína animal é má e pode ser substituída pela soja....mentira, a soja é um veneno......confesso que já não me lembro porquê... mas segundo ele, existe um lóbi da soja que nos vende ideias feitas e muitas mentiras, a soja nas quantidades e da forma que se consome no ocidente é um veneno....foi ele que disse.

 

As margarinas são outro veneno, se querem ser saudáveis, utilizem azeite ou banha para cozinhar.

 

Em resumo, querem ser saudáveis, nada de exercício, continuem a comer à vontade e sejam pobres...em alternativa, podem passar pela clínica dele que ele trata-lhes da saúde.

 

Jorge

 

PS:É evidente que nem tanto ao mar nem tanto à serra, tudo na vida deve ser com conta peso e medida, se calhar 5 horas de caminhada pela serra é demais, mas 1 ou duas horas é melhor que 20 minutos, sobretudo para quem passa o dia todo sentado ao computador. Comer só feijoadas e gorduras é mau, mas substituir todas as proteínas animais por soja também o é.

 

 

 

 

publicado às 22:22

Andanças - Fim de tarde na Taipa

por Jorge Soares, em 26.11.07

Taipa- Macau

 

Um fim de tarde na Taipa, em Macau - Abril de 2007

 

Jorge

publicado às 21:35

De volta ao Karate - Oliveira de Azemeis

por Jorge Soares, em 21.11.07

Voltei ao Karate, ...quer dizer, a minha mente tenta, o resto do meu corpo é que parece que não está muito para aí virado......mas é bom, há uma serie de músculos que já não me lembrava que existiam.....agora sei que eles estão lá........doem!

 

Isto lá para de aqui a um mês deve passar....se conseguir sobreviver até lá!

 

Entretanto no Blog Forum Azemeis encontrei este vídeo, os créditos estão no fim, não pedi autorização para a sua utilização, mas desde já deixo o meu muito obrigado ao Carlos Cunha, ..autor deste trabalho.

 

Mais memórias da minha terra, Oliveira de Azeméis

 

Jorge

publicado às 23:08


Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D