Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Portinho da Arrábida desde a Serra

 

Imagem minha do Momentos e Olhares

 

Hoje à hora do almoço falava-se de maravilhas naturais, da natureza e de praias, alguém se lembrou que eu sou de Setúbal e logo lembraram que o Portinho da Arrábida era uma das maravilhas naturais.... desataram-me a língua, até porque era algo sobre o que tinha pensado falar desde que estive de férias a norte e pude comparar a forma como são cuidadas as praias a zonas marinhas de Setúbal e dos lugares por onde andei.

 

Gosto muito de Setúbal, gosto muito de viver em Setúbal, gosto muito das pessoas de Setúbal, mas isso não me impede de ter olhos na cara. O Portinho da Arrábida foi declarado maravilha natural, agora é necessário que alguém, não sei se a Câmara de Setúbal, se o parque natural, se o ministério do Ambiente, faça algo para dar a esta maravilha natural um pouco de dignidade... porque neste momento, não a tem. E não, não é só o Portinho, é toda a zona de praias entre Sesimbra e Setúbal.

 

Se repararem bem, em toda esta zona, não há uma única praia com bandeira azul, e não há porque simplesmente as praias para além da areia e das águas com aspecto tropical, não têm absolutamente mais nada, não há apoios de praia decentes, infra-estruturas,  casas de banho, não há onde estacionar, não há nada.

 

A Praia do Creiro, a maior da zona da Arrábida e a que está mais perto da Maravilha natural, não tem um único sanitário, quer dizer, tem, uma enorme casa de banho que é a mata do parque natural. Há 3 restaurantes e até concessionários na praia, mas não há quem se digne a construir um apoio de praia decente e com sanitários, nem quem se encarregue de caçar as matilhas de cães que se passeiam livremente assustando os turistas, nem quem se digne a limpar a praia ao fim do dia, nem....

 

A praia da Figueirinha no mês de Junho é um mar de crianças, é a praia de eleição de todas as escolas e colégios de Setúbal e arredores e até de Lisboa, mas não tem uma única casa de banho pública.

 

No outro dia em Albarquel, naquele dia em que fomos voar papagaios, à saída da praia havia um senhor a espalhar comida para os muitos gatos vadios que por ali andam, na rampa de acesso à praia, comida para gatos na rampa onde as pessoas costumam andar descalças durante o dia..

 

Esta eleição como maravilha natural pode ser uma excelente oportunidade de promover toda a zona a nível turístico, mas para isso há muito a fazer, muito mesmo.

 

Eu sei que estamos a falar de um parque natural... mas se não queremos turismo de massas nas praias, então fechem-se os acessos, restrinjam-se  as entradas... não podemos dizer que é parque natural e  portanto não se pode mexer uma palha, e depois permitir que durante o mês de Agosto toda a serra se converta num gigantesco parque de estacionamento que vai do Outão até ao Portinho e mais além. Se queremos turismo, se podemos ter turismo na Arrábida, então criem-se condições dignas para isso, como estão as coisas é uma vergonha.

 

Eu estive a Norte, em Caminha, em Vila Praia de Âncora, no Moledo... e a comparação é penosa, e estamos a falar de locais em que há condições para ir à praia durante dois meses.. as praias da Arrábida tem pessoas e condições durante pelo menos 6 meses...  Em Maio em Albarquel a praia estava cheia de gente e a areia tinha todos os detritos que vieram com o rio durante o Inverno... porquê?

 

Como disse neste Post acho esta história das maravilhas naturais uma treta.... e é mesmo.

 

Jorge Soares

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:30

As 7 maravilhas naturais de Portugal

por Jorge Soares, em 07.03.10

Serra da Arrábida e o portinho

 

Imagem minha do Momentos e olhares

 

Eu estava indeciso entre voltar a falar do Bullying, até porque o comentário da Marta ao Post de sexta merece que lá volte e eu vou voltar, ou da adopção em Cabo Verde, que não tem nada  a ver com o que estamos habituados por cá e bem merece que se fale do assunto, entretanto decidi dar uma olhadela pelo Público online e encontrei o seguinte:

 

Revelados os 21 finalistas do concurso Sete Maravilhas Naturais de Portugal

 

Sou só eu que já estou farto desta história das sete maravilhas? Quando alguém diz as 7 maravilhas, já sejam elas do mundo antigo ou moderno, parece que limita o termo maravilha para estas sete coisas, fazendo com que tudo o resto seja desvalorizado e passe para uma segunda divisão, uma classe inferior com menos valor.  Ora se para as sete maravilhas do passado isto já poderia ser questionável, quando falamos de maravilhas actuais é completamente questionável, porque maravilhas da ciência e da tecnologia há aos milhares pelo mundo inteiro e qualquer eleição que escolha só sete pecará de certeza absoluta por deixar de fora sete mil.

 

Se tudo isto é válido para maravilhas construídas pelo homem, quando falamos de maravilhas naturais a situação piora de modo exponencial. O nosso país é todo ele uma maravilha natural de norte a sul, como é que alguém pode classificar mais ou menos maravilhosa uma parte da natureza fantástica que temos?

 

Olhando para a lista dos finalistas que copio abaixo, logo no primeiro item, florestas e matas,  e apesar de considerar realmente maravilhosas as 3 candidatas, já estive nas 3, eu pergunto, e então a Mata do Gerês? então e a serra da Freita?, e nas zonas Marinhas ou não Marinhas a Ria de Aveiro? e então e as Dunas de São Jacinto? e então as praias fantásticas e a perder de vista de Tróia?, e então e a Baia de Setúbal?, membro com direito de uma outra coisa que se chama as mais belas baías do mundo. E então alguém pode aceitar uma lista em que não esteja o vale do Douro?,e  o Douro internacional?..e de certeza que cada um de vós se irá lembrar de  mais sítios maravilhosos...

 

Maravilhas naturais é o que há mais no nosso país e quanto a mim, estão todas ao mesmo nível e qualquer tentativa de colocar rótulos vai sempre pecar por injustiça, porque vai desvalorizar tudo o resto.

 

 

Lista dos 21 finalistas:

 

“Florestas e Matas”:

Floresta Laurissilva

Mata Nacional do Buçaco

Paisagem Cultural de Sintra – Património da Humanidade

 

“Grandes Relevos”:

Paisagem vulcânica da ilha do Pico

Parque Natural da Arrábida

Vale Glaciar do Zêzere

 

”Grutas e cavernas”:

Algar do Carvão

Furna do Enxofre

Grutas de Mira de Aire

 

”Praias e Falésias”:

Pontal da Carrapateira

Portinho da Arrábida

Praia do Porto Santo

 

”Zonas Marinhas”:

Arquipélago das Berlengas

Ponta de Sagres

Ria Formosa

 

”Zonas Não Marinhas”:

Lagoa das Sete Cidades

Portas de Ródão

Vale do Douro

 

”Zonas Protegidas”:

Parque Nacional da Peneda-Gerês

Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina

Reserva Natural da Lagoa do Fogo

 

Eu não penso votar, até porque não conseguiria escolher, mas para quem quiser, o site é aqui

 

Agora vou ali responder a uns comentários, que tenho umas dezenas em atraso.

Jorge Soares

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:53


Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D