Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Ignorância

Imagem de aqui

 

Aquele vídeo sobre a suposta ignorância dos alunos universitários de que falei neste post, tem dado pano para mangas por aí,  como em tudo na vida há reacções para todos os gostos, desde a indignação, já seja com as respostas ou com as perguntas, passando pelo humor, a indiferença, etc.

 

No Facebook alguém falou da falta de patriotismo de quem divulga tais coisas. Suponho que patriotismo seja olhar para o outro lado e fingir que estas coisas não acontecem, se é isso eu nego-me, eu já passei duas vezes pela faculdade e se é verdade que em ambas ocasiões encontrei pessoas muito cultas e esclarecidas, também encontrei muita pobreza de espirito e muita gente que dificilmente responderia à maioria daquelas perguntas.

 

A Maria Bê deixou-me um link para um blog onde um grupo de pessoas tratou o assunto com alguma superioridade, as pobres jornalistas devem ter ficado com as orelhas a arder... eu li alguns dos comentários e reconheci alguns dos nomes... aquelas mesmas pessoas, no blog de uma senhora que na Blogosfera se chama Lua, num contexto diferente, deitavam abaixo uma modelo porque numa entrevista respondeu que o último livro que tinha lido era do Paulo Coelho.. coisa que elas viam como sinal de pobreza de espirito... Eu também não leio o Paulo Coelho, mas não tenho nada contra quem gosta, até porque conheço muita gente que gosta do Garcia Marquez e do Paulo Coelho.

 

Para quem acha que aquilo aconteceu porque as jornalistas escolheram a dedo as faculdades, não é a primeira vez que vejo um vídeo daqueles, há uns anos a RTP fez uma coisa parecida à porta do IST em Lisboa, uma das perguntas era, Qual a raiz quadrade de 5?... eu ainda me lembro, 2,23, tal a quantidade de vezes que a tive que utilizar, a maioria dos entrevistados, alunos de engenharia dos vários anos, não sabia.

 

A minha meia Laranja é professora universitária, ela não achou o vídeo assim tão estranho, para quem já encontrou alunos que tem dificuldade em calcular se um número é par ou impar, que eles não saibam quem escreveu os Maias não é assim tão estranho.

 

Curiosamente a mim essa é a que me faz mais confusão, os Maias é de leitura obrigatória no nono ano e uma pedra no sapato da maioria dos alunos portugueses, como é que esqueceram algo assim?, baldaram-se a Português no nono ano?, copiaram no exame?

 

Tal como dizia a Maria Bê e como dizem a maioria dos professores que conheço, o que choca não são as respostas, é o desinteresse, porque o que se mostra ali não é ignorância é desinteresse, como diz uma das meninas no vídeo, a cultura geral passa-lhes ao lado, como lhes passa a politica e muitas outras coisas, isso é que é grave, porque no fim isto traduz-se em abstenção nas eleições e em falta de participação civica e isso é o que leva o país ao estado em que estamos... 

 

Mas já que estamos numa de boa disposição e ignorância, alguém sabe quem foi o primeiro presidente da república?, e em que ano foi assinado o tratado de Tordesilhas?... aposto que a raiz quadrada de nove todos sabem?...  alguns professores apanhados numa manifestação, não sabem, vejam o seguinte vídeo.

Jorge Soares

publicado às 21:35

Santa ignorância: Quem pintou a Mona Lisa?

por Jorge Soares, em 17.11.11

Ignorância, universitários ignorantes

Imagem de aqui

 

Leonardo di Cáprio

 

Leonardi di Cáprio foi a resposta que um aluno universitário deu para a pergunta: Quem pintou a Mona Lisa?... mas isto é só uma amostra, porque todo o vídeo é de morrer a rir... ou a chorar... 

 

Qual é a capital dos Estados Unidos? «Inglaterra»,

Quem escreveu O Evangelho Segundo Jesus Cristo«Moisés», ou... ninguém!!!! ,

Será José Saramago quem o escreveu?.. não, esse não foi de certeza!

Quem pintou o tecto da Capela Sistina? «Miguel Arcanjo»,  

Quem escreveu os Maias?... um que morreu à pouco tempo..

Qual é o símbolo da água?.. PH??

Quem é Manuel de Oliveira? ... Maestro.... escritor

Quem é o presidente da comissão europeia?.. um senhor francês...

Quem protagonizou o Padrinho? ... Vasco Santana

 

O vídeo tinha-me passado ao lado... até que esta notícia do Sol me chamou a atenção, depois daquelas tristes figuras há quem queira processar a revista Sábado e as jornalista que produziram o vídeo porque se sentiu humilhado... assim de repente, aquilo é mesmo uma humilhação... uma enorme humilhação para o país e para os pais que andam a gastar tempo, recursos e dinheiro para dar educação aos seus filhos e depois dá nisto que podemos ver no vídeo que tem por título: Universitários Ignorantes

 

 

 

Jorge Soares

publicado às 22:05

em Portugal Não se devolvem crianças adoptadas

Imagem de aqui

 

Talvez vocês se cansem de ler, mas eu não me canso de repetir, pelo menos enquanto alguma coisa não mudar na forma como são dadas as noticias neste país, vou repetir algo que já escrevi várias vezes, pode ser que por força de tanto me repetir alguém interiorize: 

 

Em Portugal não há devolução de crianças adoptadas, é um erro que vemos muitas vezes repetido já seja na imprensa escrita ou na falada. Depois de decretada a adopção não há diferença nenhuma entre um filho biológico e um adoptado, a devolução de um filho tem outro nome, chama-se abandono e existem leis contra isso. O que efectivamente acontece algumas vezes, 10 vezes durante o ano 2010, em 2009 foram 16, é a entrega das crianças durante o período de pré adopção por parte dos candidatos a pais.

 

Hoje a noticia é da RTP e fala da devolução de uma criança de 12 anos, porque alegadamente seria esquizófrénica e teria problemas mentais, não faço ideia qual será a formação do senhor que aparece na reportagem, mas mesmo que seja médico, não estou a ver como conseguiu diagnosticar estas doenças durante o curto periodo de um fim de semana. Para ser sincero, não gostei nada nem da noticia nem da forma em que ela foi apresentada, e muito menos das desculpas do senhor.

 

Acreditem, para nós pais adoptivos, há poucas coisas que nos choquem mais que este tipo de casos, não há desculpa nenhuma para que alguém tome uma atitude destas, e a culpa pode ser de muita gente, mas nunca é da criança.

 

Mas o que leva à devolução de uma criança?... de novo vou repetir-me, uma adopção é um processo em que de um dia para o outro nos entra pela casa dentro um estranho, e nós nem sempre temos capacidade de gostar de imediato dos estranhos que vamos conhecendo, ora, se este estranho fica a viver em nossa casa... e se ainda por cima este estranho é uma criança que já passou por situações de vida em que foi maltratado, violentado, abandonado.. o mais certo é que não seja o filho ideal que a maioria das pessoas sonhou. E do meu ponto de vista esse é o maior problema, as pessoas idealizam os filhos, criam uma imagem do filho perfeito que vai chegar ávido de amor e carinho e vai receber os pais de braços abertos.... meus amigos, isso não existe.

 

O primeiro que faz uma criança adoptada é testar os limites dos novos pais, esticam a corda ao máximo e quanto mais corda damos, mais eles esticam, faz parte do processo normal. Até se sentirem seguros, até concluírem que a ligação é mesmo definitiva eles fazem trinta por uma linha.. com o tempo acalmam... mas entretanto mais de um pai que deveria ser babado, já entrou em desespero. Depois há que recordar que estamos a falar de crianças que vêm de instituições, crianças que a maior parte das vezes estão habituadas a viver com regras que não tem nada a ver com a vida familiar.. se a isto juntarmos a pouca auto-estima que tem alguém que já foi abandonado... temos uma mistura muitas vezes explosiva...e nem sempre estamos preparados para isto.

 

Quanto a este caso especifico, acho muito estranho que tanto a instituição como a segurança social tenham de alguma forma tentado esconder a situação médica da criança. Estamos a falar de uma criança de 12 anos que estava institucionalizada desde os seis, tempo mais que suficiente para que se diagnostique correctamente uma doença como a que foi referida pelo senhor.

 

Quer-me parecer que a criança não terá gostado de ser adoptada e encontrou uma forma de fugir para a frente, depois uma coisa levou à outra e  tudo isto levou a criança a ser abandonada de novo... sim, porque para mim isto não passa de uma forma de abandono, quem devolve uma criança está a abandonar essa criança à sua sorte.

 

É claro que no meio de tudo isto não há inocentes... e ouvir que uma só instituição teve desde Agosto até agora 4 devoluções de crianças, leva-me a pensar que algo de errado se estará a passar, ou com a instituição ou com as equipas de adopção que com ela trabalham. E claro, haveria que perguntar quem serão os responsáveis de que a criança tenha estado seis anos institucionalizada, seis anos é muito tempo, tempo demais desde qualquer pespectiva

 

 

 

Jorge Soares

publicado às 21:35

Foi notícia na sexta feira passada, uma loja de roupa em São Paulo vende bermudas que nos bolsos ostentam o logotipo do Hospital Garcia da Horta em Almada. Feita a investigação, a policia brasileira apreendeu toneladas de tecido proveniente do lixo hospitalar do Garcia da Horta, sendo que em algum desse tecido era possível ver marcas de sangue.

 

Entretanto, mão amiga fez-me chegar uma serie de  fotografias de umas calças de ganga de uma reputada marca internacional, calças essas fabricadas em Portugal e que nos bolsos ostentam o símbolo do Hospital de Santa Maria.

 

Calças com bolsos do Hospital de Santa Maria

 

Calças com bolsos do Hospital de Santa Maria

 

Calças made in Portugal com logótipo do Hospital Santa Maria

 

 

Está à vista que anda alguém a fazer dinheiro com o lixo hospitalar português e a levar longe demais o conceito de reciclagem, o tecido que apareceu no Brasil foi importado dos Estados Unidos, mas não há dúvida que a sua origem são os nossos hospitais, não deve ser muito dificil descobrir como tudo isto pode acontecer, não sei se por cá alguém terá a preocupação de investigar o que quer que seja.

 

Não é preciso dizer que isto pode até ser um problema de saúde pública, porque não estou a ver que quem faz coisas destas se preocupe em esterilizar os tecidos antes de os revender e aquela imagem da televisão brasileira de tecidos com sangue não me sai da cabeça.... eu não sei vocês, mas eu vou ali ver os bolsos das minhas calças.

 

Update: Entretanto descobri que não é caso único, uma reportagem da TVI mostra outras calças com bolsos do mesmo tecido adquiridas por alguém de São Pedro do Sul.

 

Jorge Soares

publicado às 21:58

Eu hoje ia falar da Quimonda, ando há uns meses para falar do assunto, por um motivo ou outro não se proporcionou, era hoje, era... porque logo de manhã,  encontrei esta pérola:

 



Isto não passa de um vídeo parvo feito por alguém que aparentemente tinha sido colocada num pedestal por muitos portugueses e que hoje parece que caiu do altar abaixo.

 

Ora, para além da blogosfera, este vídeo foi noticia no Ionline, no JN, no DN, No Destak,  no Público,  na TVI, na  RTP e de certeza em muitos mais meios de comunicação.

 

A meio da tarde, recebi o mail com o link para a já inevitável petição online onde num texto sem caracteres portugueses, se pede para que seja proibida a entrada em Portugal da dita senhora (há bocadinho ia em 125 assinaturas, ainda que a noticia do DN fale em 2000).

 

Eu concordo que o vídeo não passa de uma pobre amostra da falta de cultura e de educação da senhora, mas sinceramente, justifica este barulho todo? Já passaram as eleições, a gripe A já deu o que tinha a dar, no PSD ainda se está no processo de afiar-se as garras para o que aí vem e portanto não há noticias... mas será que não havia mais nada de que falar nos jornais e nos noticiarios da televisão?

 

Estamos mesmo mal quando nos importamos com coisas e pessoas pequeninas como esta.

 

Jorge Soares

publicado às 21:41

FAZER UM DOWNLOAD É ROUBAR?.. CLARO QUE SIM!

por Jorge Soares, em 17.06.09

 

Pirataria é ilegal

 

A sociedade em que vivemos é feita de muitos contrastes, há coisas que simplesmente tomamos como certas porque as vamos fazendo ou sempre as fizemos, por vezes a fronteira entre o que é licito e o que é ilícito torna-se tão ténue que damos por nós a fazer as coisas e a ficar muito admirados quando descobrimos que afinal estamos a infringir alguma lei.

 

Vem tudo isto a propósito de uma notícia do Publico que começa assim : Fazer um download é roubar? Sou informático há mais de 20 anos, sempre trabalhei na área das aplicações de gestão e nunca fiz nada comercial, mas evidentemente que valorizo o meu trabalho, aquilo que desenvolvo é meu e de quem me paga o salário e dificilmente o cederia a troco de nada,tenho uma família para alimentar e se trabalhasse à borla não sei como o poderia fazer.

 

Há dois ou 3 anos quando voltei à faculdade tive esta discussão várias vezes, a maioria dos meus colegas e até alguns dos meus professores tentaram em vão fazer-me entrar em razão, mas não conseguiram. Sou casmurro?, não, simplesmente vivo do meu trabalho, gosto de ver o meu trabalho respeitado  e entendo que devo respeitar o trabalho dos outros.

 

Voltando à notícia, gostei especialmente desta parte:

 "Sinceramente, estou-me a borrifar para as leis.",  

 

Será que ele se está a borrifar só para estas leis ou está-se a borrifar para todas? o senhor diz-se estudante de engenharia, será que quando ele terminar o curso vai desenvolver projectos e os vai colocar na internet para que todos os possam utilizar livremente?... ou ele só se está a borrifar para as leis que regem os direitos de autor de música, vídeo e software?

 

O que é que difere o trabalho de um arquitecto e o de um engenheiro civil de o de um informático?, porque é que ninguém copia o Siza Vieira, mas todos copiamos o ultimo filme do Copola?, porque é que é tão mau copiar um estilista, mas ninguém se importa de copiar um CD? Aqui mesmo na blogosfera, há tanta gente a ficar indignada quando encontram um dos seus textos plagiados, mas todos utilizamos software pirata para aceder ao blog?

 

Porque é que o trabalho de uns vale tanto e o de outros não deve valer nada?

 

Ainda sobre a notícia, será que o senhor se vai estar a borrifar para as leis quando tiver um emprego e o patrão não lhe pagar o seu trabalho ou o despedir sem justa causa?

 

Somos uma sociedade estranha..e cada vez mais ambígua.

 

Jorge Soares

 

 

publicado às 22:32

O que é a virgindade??!!!!!!

por Jorge Soares, em 02.02.09

Mafalda reinvindicativa

imagem retirada de:

http://veja.abril.com.br/blogs/reinaldo/uploaded_images/MAFALDA-795502.jpg

 

Li a noticia à hora do almoço no DN e até tomei nota para não me esquecer... pois era um excelente tema para um daqueles posts..... estava eu longe de saber.

 

Estávamos a jantar, o telejornal estava quase no fim, a crise, os despedimentos, o mau tempo em Portugal, o mau tempo na Europa, o baixo valor da Libra e os emigrantes portugueses que já não sabem o que fazer à vida... o futebol, a taça da Liga, o Quaresma que vai para o Chelsea.... mesmo no fim o José Rodrigues dos Santos diz:

 

-Nos Estados Unidos a Virgindade de Virginia foi posta à venda....

 

-O que é a Virgindade?..... pergunta a R.

 

...... silêncio

 

-O que é a virgindade????!!!!

 

A minha meia laranja levanta-se e diz qualquer coisa que não percebemos, o N. continua a comer.... 

 

- O que é a VIRGINDADE????

 

A mãe pega no comando e muda de canal, não sei para quê, porque a estas alturas já ninguém ligava à notícia. Eu desato às gargalhadas, o N. olha para mim e a R. continua a perguntar. Finalmente a mãe diz que lhe responde noutro dia...

 

- O que é a VIRGINDADE????..eu quero saber!

 

-R. eu digo-te.... um dia destes...... diz a P.

 

Nesta altura eu comecei a achar que o problema era o N. estar na mesa...a R. lá se acalmou, a P. voltou a sentar-se e a calma voltou.... se bem a conheço, ela estava a dar voltas à cabeça a ver qual a melhor maneira de explicar a coisa à miúda.

 

Entretanto o N. terminou de comer, eu levantei a mesa e coloquei as coisas na máquina, a P. continuava sentada à mesa.... a R. voltou à cozinha...eu continuava a rir-me.

 

-Eu quero saber!

-R. A virgindade é a qualidade das pessoas que ainda não fizeram sexo com ninguém! - Disse a P.

 

Aqui foi onde a R. decidiu que a conversa não interessava muito e voltou para o quarto dela....afinal ela só tem 9 anos.

 

Resposta brilhante não acham?

 

Jorge

 

 

publicado às 21:48


Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D