Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Je suis frango

por Jorge Soares, em 17.02.15

Rui-Patricio-frangos-Bayern.png

Imagem de aqui

 

O Rui Patrício é um excelente guarda redes, não será um grande guarda redes, mas é de certeza um dos melhores guarda redes portugueses, ou não fosse há uma carrada de anos o titular da selecção. Como todos os excelentes guarda redes de vêz em quando tem um mau momento e acontece o que na gíria futebolística se chama um frango.

 

Comparado com a maioria dos jogadores de campo, os guarda redes são os que dentro do campo por norma cometem menos erros, muitos menos que os defesas, os avançados e até os treinadores, mas a vida é injusta com os homens das redes, falhar um golo de baliza aberta ou fazer a substituição errada não dão mais que para cinco minutos de conversa, dar um frango é motivo para semanas de assunto.

 

Foi isso que aconteceu a Rui Patrício no jogo com o belenenses, teve um momento de infortúnio e um pontapé na atmosfera resultou em golo dos azuis.

 

Só que desta vez a coisa deu para mais que titulares de jornais e tema nos milhentos programas sobre futebol, o frango deu para um vídeo da sagres, patrocinador do belenenses e da liga de futebol.

 

Vídeo que pelos vistos deu tal alarido e deixou tanta gente ofendida que a sagres se viu obrigada a o retirar e até a pedir desculpa ao guarda redes e aos sportinguistas.

 

Não sei quem terá tido a ideia do vídeo, o que não entendo é porque é que há tanta gente ofendida, Rui Patrício é um jogador de futebol, o futebol é um espectáculo e há muitíssima gente  a viver dele e a ganhar dinheiro com ele, porque é que a sagres não pode fazer um vídeo divertido sobre os frangos do guarda redes do Sporting ou outro qualquer?

 

Os sportinguistas não gostaram? Porquê? Só eles é que podem gozar com os frangos do Patrício? Não percebo porque é que há tantas virgens ofendidas, agora além de não se poder gozar com a religião, o papa, Maomé, também não se pode gozar com o futebol?

 

Uma coisa é certa, não fosse o burburinho armado pelos sportinguistas, eu e a maioria nem teríamos dado pelo vídeo....

 

Para quem ainda não viu:

 

 

Jorge Soares

publicado às 23:17

Em que século vive César das Neves?

por Jorge Soares, em 28.01.15

cesardasneves.jpg

 

Imagem retirada do Ponte Europa 

 

"A imprensa parece inebriada com a homossexualidade. Este fascínio ressurgiu agora nas discussões sobre adopção por casais do mesmo sexo: a generalidade dos jornalistas assumiu implicitamente apenas uma possibilidade válida, desprezando as alternativas como obscurantismo, numa promoção aberta da sodomia"

 

João César das Neves no DN

 

Obscurantismo? Promoção aberta da sodomia? Mas este senhor lê o que escreve? Para ele o tema da adopção por casais do mesmo sexo, não devia ser discutido pois diz respeito a umas poucas centenas de indivíduos homossexuais casados.... e lá por serem poucos não tem direitos porquê? E as  crianças que com eles vivem são menos que as outras porquê? E lá por terem gostos sexuais diferentes dos dele tem menos direitos porquê?

 

Quem lê o artigo completo fica com a ideia que todos os males do mundo são o resultado da revolução sexual, não fosse a invenção da pílula e o mundo  seria perfeito, não haveria divórcios, os casamentos seriam todos perfeitos, a natalidade seria altíssima e não haveria no mundo pessoas sozinhas.

 

Segundo ele a liberdade sexual é um mito, que é utilizado pelos liberais deste mundo para fazer revoluções que só servem para destruir famílias....Está-se mesmo a ver que para ele o mundo perfeito era aquele em que os casamentos eram combinados pelos pais, o sexo era uma vez por semana e só para fazer filhos e depois de os ter a mulher tinha era que estar em casa a tratar dos filhos e das refeições do marido e claro,  ir à missa todos os dias.

 

Há muito tempo que não lia tantas parvoíces juntas, e custa-me entender como é que um jornal como o DN, que eu tinha por sério, dá voz a alguém que parece que entrou numa máquina do tempo algures a meio do século XIX e aterrou no meio da Lisboa do século XXI.

 

Na realidade não é de estranhar, foi este mesmo senhor que disse que "A maior parte dos pensionistas não são pobres, fingem" ou "É criminoso subir o salário mínimo" ou ainda "Esta crise é uma oportunidade de bondade, de caridade e de solidariedade"... entre outras coisas que não fosse o tom sério com que ele fala e escreve, fariam dele o humorista perfeito.

 

Alguém me explica em que século vive este senhor?

 

Jorge Soares

publicado às 22:43

Forca de Portugal

 

Imagem do Público

 

"Jovem responde em tribunal por “ultrajar” a bandeira nacional em instalação artística

 

A peça que valeu a Élsio Menau uma média de 17 valores no final do curso de Artes Visuais da Universidade do Algarve, pode levá-lo a ser condenado a prisão.

 

A peça, na qual a bandeira nacional surge “enforcada” numa estrutura de madeira, valeu ao autor 17 valores, no final do curso, mas custou-lhe a seguir um processo judicial. O trabalho esteve exposto num terreno particular em Faro, há cerca de um ano, mas ao fim de dois dias a GNR foi ao local e levou consigo a obra."

 

Há coisas para as que sobram as palavras, li ou ouvi algures que a GNR apareceu porque um cidadão fez queixa porque se sentiu desrespeitado com a bandeira colocada daquela forma, gostava de conhecer pessoalmente essa pessoa, saber se paga todos os seus impostos, se cumpre com todas as leis, e muito mais importante, se vai votar... gostava também de lhe perguntar se apresentou queixa contra Cavaco Silva no dia em que este em directo para todo o mundo hasteou a bandeira ao contrário na praça do município.... ou se só as obras de arte o incomodam...

 

Somos definitivamente um país de gente e princípios estranhos....e com tanta coisa que julgar, andam as autoridades e a  justiça deste país a perder tempo em coisas destas...

 

Vídeo da montagem da obra:

 

 

Jorge Soares

publicado às 23:40

Há um dia para o sexo?

por Jorge Soares, em 06.09.13

 dia do sexo

 

Tudo começou com uma campanha de marketing da marca de preservativos brasileira, que sugeria a implementação do Dia Mundial do Sexo a 6 de Setembro  de 2008. O dia, que remete para um trocadilho entre o dia 6 e o mês 9, é agora um sucesso que pelos vistos veio para ficar.

 

Na realidade oficialmente não se comemora nada, mas na internet e especialmente no Facebook, isso não interessa nada, alguém disse que hoje é o dia do sexo?... pois, passa a ser, mesmo que não esteja escrito em lado nenhum.

 

"Dia das mães, dia dos pais, dia das crianças, dia dos namorados. No meio de tantas datas comemorativas no nosso calendário oficial, por que não criarmos um dia em homenagem àquilo que deu origem a tudo: o Sexo?", lê-se no manifesto que foi lançado pela marca de preservativos.

 

Com tudo isto, no Facebook e no Twitter, o "Dia do Sexo" virou trending tópic, viral mesmo, centenas de comentários e a moda hoje, pelo menos entre os meus contactos femininos no Facebook, foram os locais preferidos... e viva a imaginação... agora é só mandar os maridos lerem os facebooks.

 

Fiquei na dúvida, o dia do sexo não devia ser como o natal, não digo todos os dias, mas pelo menos quando a malta quiser?

 

Jorge Soares

publicado às 22:31

Há quem queira legislar os piropos.. a sério?

por Jorge Soares, em 30.08.13

Piropo

Imagem de aqui

 

Foi noticia do Ionline, "Elsa Almeida e Adriana Lopera criticam banalização da ideia de que a mulher "está aí para ser tocada"" As duas são militantes do bloco de esquerda e vão levar o assunto a debate este fim de semana no Fórum Socialismo.


Vai haver quem me vá matar pelo que vou dizer, mas a sério que com a situação actual do país, com tantas coisas para se discutir e debater, há mesmo quem leve um assunto como este a debate?


Tentar proibir os piropos deve ser algo assim como tentar proibir as anedotas sobre alentejanos, ou os cartoons políticos... deve estar ao mesmo nivel daquela ideia de legislar a utilização do isqueiro.


De resto, como é que alguém consegue decidir onde acaba o elogio e começa o piropo insultuoso?, dizer a alguém, "estás muito bonita com essa roupa" será um elogio ou um piropo?, dizer a alguém "os teus olhos são muito bonitos" será simplesmente um elogio, uma forma de flirtear ou um piropo? Há coisas que ditas num determinado contexto podem ser um elogio e noutro uma provocação, como é que se mede tal coisa?


Lembro-me que há muito tempo atrás, nos primórdios da internet, numa mailing list em que participei, o piropo foi assunto de discussão, no fim todos estávamos de acordo que um bom piropo, dito na altura certa e com a graça certa, nunca estava de mais...e não havia mulher que não gostasse de os ouvir.

 

Também é verdade que que os participantes eram principalmente estudantes e profissionais venezuelanos espalhados pelo mundo, a maioria era de esquerda como estas militantes do Bloco... mas não há duvida que olhavam para o mundo de outra forma.

 

De resto, a Venezuela é um país onde para além de que pela juventude da sua população a beleza feminina se destaca, culturalmente cultiva-se um certo cavalheirismo que a verdade é que por cá já não se usa... e o piropo é uma espécie de arte, senão vejamos estes exemplos que encontrei na net:


Del cielo bajo un pintor para pintar tu figura pero no encontro color para tanta hermosura 

me gustaria que fueras la rosa que decora mi jardin

Eres la carne mechada que rellena la arepa de mi corazón.
Pareces un queso de dieta, estas ricota!
¡Tanta curva y yo sin frenos!
¿Tu mamá es pastelera? Porque hizo tremendo bombón.
¿Crees en el amor a primera vista o tengo que pasar otra vez?
Dios debe estar distraído porque los ángeles se están cayendo.
¿De qué juguetería te escapaste muñeca?
Si la belleza fuera castigo, tú tendrías cadena perpetua.
 Cómo me gustaría ser audífono para decirte cosas al oído.
Eres como el guayoyo: dulce y me aceleras!

NO eres la virgen maria pero estas llena de gracia -

*Si la belleza fuera pecado , tu no tendria perdon de Dios.

*Si tu cuerpo fuera carcel y tus brazos las cadenas Dime a quien tengo que matar pa tirarme esa condena 


Jorge Soares

publicado às 21:53

Nif do Passos Coelho

Gamei a imagem no Sentaqui 

 

Sim, eu sei, já não me podem ouvir com a história das facturas e dos impostos que devemos (ou não) pagar, eu prometo que (hoje) não volto a falar do assunto, mas é que por mais que pense, eu não consigo perceber qual é mesmo o objectivo de se pedir facturas em nome dos membros do governo... ou que efeitos é que isso irá ter para eles... Quer dizer, assim à primeira vista vai ter um efeito garantido, eles vão todos receber o valor máximo na dedução do IVA.. isso é garantido..

 

Ou seja, há um monte de gente que está a protestar contra os governantes fazendo com que estes ganhem mais uns trocos.. vá lá, digam-me que há outro objectivo qualquer mais inteligente... e não me digam que acreditam mesmo naquela história de que eles vão ser investigados porque tem muito mais compras do que rendimentos?

 

Ponham-se lá no lugar dos funcionários do fisco, depois deste barulho todo à volta disto, algum funcionário do fisco vai pôr-se a investigar os rendimentos do Relvas só porque apareceram lá milhares de facturas em nome dele?

 

Bom, mas pelo menos há uma vantagem no meio disto tudo, pelo menos estas facturas de certeza que vão ser declaradas... e lá vão entrar mais uns cobres nos cofres do estado... é que destas não há como fugir aos impostos.

 

Vá lá, expliquem-me lá devagarinho, qual é mesmo o objectivo disto?

 

Jorge Soares

publicado às 22:50

O que tem de especial o dia 21.12.2012?

por Jorge Soares, em 20.12.12

Não tenho medo que o mundo acabe

Imagem do Pontos de Vista

 

Evidentemente o dia 21 de Dezembro não tem nada de especial, tal como não tinha nada de especial o dia 1 de Janeiro de 2000, nem o dia 12.12.2012, nem irão ter nada de especial os muitos dias no futuro em que algum iluminado invente outro fim do mundo. Quer dizer, 21 é Sexta Feira, uma Sexta Feira como outra qualquer em que vamos partir aliviados para mais um fim de semana...  mas alguém acredita que o mundo pode acabar num a sexta Feira que nem sequer é dia 13? E como é que o fim do mundo pode ser nas véspera do natal?, E alguém acredita que o Menino Jesus ia deixar estragar assim a festa de natal às crianças do mundo?

 

Custa-me a entender como há gente que se preocupa com coisas destas, o assunto foi o tema do dia, ocupou páginas e páginas nos jornais nacionais e internacionais.

 

Acreditem ou não, segundo o correspondente da RTP em França, há uma pequena aldeia com 190 habitantes no sul deste país que por estes dias tem mais de 400 jornalistas que vieram de todo o mundo porque vá lá a gente perceber porquê, este será o único sitio do planeta que sobreviverá à hecatombe... ora, se não vai restar ninguém, eles vão dar a noticia para quem?

 

Eu sei que a maioria de nós leva tudo isto na brincadeira.. e é verdade que já há tantas coisas más no nosso país e no mundo que até é bom que apareçam coisas destas para nos distrair.. mas será que era mesmo necessário este barulho todo?

 

É evidente que a comunicação social vende o que quer... e eles só vendem porque há quem compre... e cada um acredita no que quer.

 

Hoje li uma coisa interessante algures, nos Estados Unidos morreram 20 crianças numa escola e o mundo parou para olhar, todos os dias morrem pelo mundo fora centenas, se não milhares de crianças, vitimas da fome, de maus tratos e de guerras ... e ninguém pára nem um segundo a olhar.

 

Assustador não é que o mundo acabe amanhã dia 21.12.2012, assustador é que o mundo e as nossas prioridades continuem tal como até agora.

 

Jorge Soares

 

PS: Já expliquei porque é que 21.12.2012 é um dia como outro qualquer, uma simples coincidência no calendário.. foi aqui

publicado às 21:39

Trabalho é trabalho... sexo é trabalho!

por Jorge Soares, em 19.12.12

Ferida durante o sexo

 

Imagem de aqui 

 

De certeza que na Austrália não conhecem o nosso ditado popular "Trabalho é trabalho conhaque é conhaque". O caso é relativamente simples. Durante uma viagem profissional, uma funcionária pública australiana conheceu um senhor, uma coisa levou à outra e terminaram numa cama de hotel.

 

Durante a relação sexual, que não sabemos se terá sido muito ou pouco atribulada, um candeeiro desprendeu-se da parede e feriu a senhora que para além das marcas físicas, ficou com graves sequelas emocionais que a tem mantido afastada do trabalho.

 

Como a coisa se deu durante uma viagem profissional, a senhora alega que os ferimentos físicos e emocionais são produto de um acidente de trabalho, isto apesar de não constar que a senhora fosse uma trabalhadora sexual. Como tal, todos os custos decorrentes do mesmo, incluindo as faltas ao emprego, deverão ser pagos pelo seguro da entidade empregadora, neste caso o estado Australiano.

 

Levado o assunto ao tribunal, um juiz  acaba de decretar que sim senhor, há lugar aos pagamentos, porque independentemente do lugar e das circunstâncias do lamentável (ou não {#emotions_dlg.lol}) acidente, este se deu durante uma viagem profissional.

 

Pensando bem, imaginemos que o candeeiro lhe tinha caido encima quando ela estava simplesmente a dormir sozinha na cama do hotel.. seria ou não acidente de trabalho?.... ou que ela tinha escorregado ao entrar no hotel e tinha partido uma perna?..  a diferença é ela não estar sozinha na cama?

Trabalho é trabalho,.. neste caso, sexo é trabalho!{#emotions_dlg.amazed}

 

Jorge Soares

publicado às 22:20

Está preparado para o fim do mundo?

por Jorge Soares, em 07.12.12

O fim do mundo

 

Imagem do Pontos de Vista

 

 

O texto seguinte foi escrito em Abril do ano passado e já por ca´passou... mas dada a proximidade com o suposto dia do fim do mundo.. acho que se justifica o refrito... enjoy.

 

Um destes dias li algures uma noticia onde se explicava como acertar com o dia certo para se fazer um filho que nascesse no dia 11.11.11.. já vão tarde, escusam de começar a treinar. Isso fez-me lembrar a paranóia que foi com as crianças do ano 2000 ... e a quantidade de pessoas que tentou acertar com o 31.12 1999.. ou seria com o 1.1.2000?. Na altura eu andava à uns dois ou três anos a tentar ter um filho e não conseguia, não imaginam a raiva que me davam estas conversas parvas...

 

Entretanto, este post da Sentaqui chamou-me a atenção para a próxima data fetiche, 12.12.2012, dizem os entendidos que estará escrito algures na pedra de um  calendário Maya, que esse é o dia do fim do mundo.

 

Os Mayas eram uma civilização muitíssimo avançada que habitou os territórios da América central mais ou menos entre 3000 antes de Cristo e 1200 depois de Cristo, custa a crer que uma civilização que era capaz de prever o fim do mundo, não foi capaz de prever o seu próprio desaparecimento que ocorreu mais ou menos mil anos antes... mas pronto.

 

Estive a tentar investigar de onde saiu tudo isto e como foram feitos os cálculos que levaram a esta data, não é fácil, a maioria das coisas baseia-se em palavras e datas pouco precisas, não consigo perceber como pode alguém chegar a uma data especifica..se calhar era porque dava jeito.

 

Mas tudo isto tem logo um enorme problema à partida, o calendário gregoriano em que nos baseamos foi criado por Gregório XIII no Século XIV, tem por base uma serie de cálculos que colocam o ano 0 algures há 2000 anos atrás quando supostamente nasceu Cristo. Ora, logo aqui temos um pequeno problema, o nascimento de Cristo foi há 2000 anos mais coisa menos coisa,  ninguém sabe realmente quando foi, há quem diga que foi 5 ou 6 anos depois, há quem diga que foi uns anos antes... e depois há os que dizemos que não foi.. mas esses não contam.

 

Além disso, há muita gente que diz que para além deste problema do ano 0, há inúmeros erros nos cálculos, o que nos leva ao pequeno detalhe de que 2012 tanto pode já ter sido há uns anos atrás, como pode ser daqui a uns anos.. quase certo é que não é este ano.

 

12.12.2012, é só mais um dia, no calendário que utilizamos é em Dezembro do ano que vem, mas não passa disso, de um dia num calendário que até podia ter outro nome qualquer, a probabilidade de bater certo com o que quer que seja que os Mayas previram..estará muito próximo de zero. Mais ,convém recordar que o nosso é só um dos calendários válidos.. e se pensarmos que por exemplo os chineses utilizam outro, nem será o mais utilizado, para além destes existe o judaico, o árabe e alguns mais.. todos com dias e anos diferentes. 

 

De qualquer modo, o mundo começa e acaba todos os dias, começa no preciso momento em que alguém nasce e termina no exacto momento em que alguém morre... muitos mundos, muitas vidas,  muitas coisas para ver e viver.. para que estarmo-nos a preocupar com um simples número?

 

O que tem de especial o dia 12.12.2012? absolutamente nada.... i Hope!!!!!

 

Jorge Soares

publicado às 21:01

Lei de murphi n+1

 

Se acha que as coisas já estão tão mal que já não podem piorar... prepare-se, porque apenas está a começar!

 

No hay mal que dure cien años ni cuerpo que lo aguente.... acho eu.

 

Jorge Soares

publicado às 18:55


Ó pra mim!

foto do autor



Queres falar comigo?

Mail: jfreitas.soares@gmail.com






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D